28 abril 2021

Busca incessante do equilíbrio - Por: Emerson Monteiro


Mesmo quando transitamos nas áreas mais escorregadias, todos andam na intenção de achar os meios de ser feliz, seja assim quem quer que seja. Tantas vezes bater em portas representa isso de existir nas histórias deste mundo. Sair diariamente à cata dos instrumentos de equilibrar os dias, eis o ofício de todos. Vontade é que não falta de encontrar as tais expectativas de acalmar os sentidos e viver bem.

Contudo, defrontamos a necessidade urgente do autoconhecimento. Saber, na verdade, os motivos de estar aqui. Saber trabalhar os segredos deste equipamento primoroso que sustentamos às mãos e exercer as funções ideais daquilo que buscamos, sem perder o prumo e respeitando as leis da Natureza. Isso bem que significar existir, portanto.

Além de trabalhar com a gente, temos que desvendar os mistérios dos relacionamentos com as outras pessoas e com a natureza de que fazemos parte. Nisto, agimos diante da escola deste chão. Aprendemos de nós e aprendemos dos demais seres, nas oportunidades de vir até aqui. Simples, às vezes difícil, mas sempre dispondo, em nossas mãos, dos dispositivos de exercitar a missão de conhecer e se conhecer.

Enquanto permanecemos no exercício de aprimorar as normas de viver, desfrutamos das maravilhas de poder praticar o que aprendemos, respeitar os outros e manter o ritmo de nós mesmos. Trabalhar as condições de manter a ordem do Universo em nós. Descobrir que todos estamos num só barco e que os mares são idênticos. Aperfeiçoar e crescer, tais valores essenciais durante todo tempo. Quando ainda não conhecemos, no entanto, cabe respeitar os limites e aguarda a hora certa de cada elemento.

Um espaço ideal a preencher, um tempo restrito de sobreviver e utilizar os recursos do trabalho e da consciência de ser deste modo; aprender que sonhar representa o espelho de realizar a missão de estar na presença do desconhecido, e amar a vida com toda intensidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.