24 março 2021

Tipo assim - Por: Emerson Monteiro

 


A paz do coração, que tantos buscam todo momento, pedra de toque da história das pessoas, eis a necessidade do querer a felicidade, função de viver fundamental, desde sempre. Essência de existir, olhos insistem neste poder, lá um dia, de ter paz, a paz que tantos falam de sobreviver ao gesto de andar e lavar a alma nos trilhos da evolução. A razão de tudo, achar o pouso certo de assim permanecer diante dos dias, vontade por demais soberana que invade o tempo à nossa frente e traz de volta o motivo de tudo quanto há.

Nessa missão de revelar a si o ser verdadeiro que mora em nosso coração, por vezes muda o dia, leva pessoas a exercitar o desespero qual alternativa, porém infundada e, de longe, esquecer do quanto de acerto tem o mundo. Ampliar as normas de sabedoria e praticar novos meios de alimentar o sonho de viver bem, no seio infinito da paz. Usar as técnicas de querer aos outros o que quer a si mesmo. Quem quer paz, invista na paz tudo enquanto...  

Desse jeito, de modificar o instinto em meios de intuição, aprender na experiência e justificar os praticados pela intenção de tratar o mistério com a letra da justiça, gesto simples de fazer e receber o que seja bom. Ir ao lado da própria existência como amigo e ver com a lente da limpeza, ainda que nem tudo já esteja limpo em volta.

O valor da boa música, a harmonia, a melodia, o ritmo, que nos toque a sensibilidade no esforço de crescer durante as horas; trabalhar a existência tal matéria prima de aprimorar a consciência e ser feliz.

Este dia será sempre no agora, forma simples de aceitar as contradições e reparar nos tempos os recursos que se nos oferecem; exercitar a alegria pela alegria, pela saúde, no tribunal de nossa presença. Sei que há desafios, sendo este o principal, de conhecer a nos mesmos e utilizar as teclas ideais das nossas aspirações; poder inigualável, que vive intenso no ato de existir. Tipo assim...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.