28 março 2021

Em tudo há duas rédeas - Por: Emerson Monteiro


As circunstâncias e as escolhas, duas rédeas do destino, chegam às nossas mãos. Em tudo tais alternativas reclamam das nossas atitudes e providências. Ninguém se ache isento de resolver qual dos caminhos seguir senão o das próprias escolhas, marcas definitivas do nosso êxito. Somos quais autores/diretores das nossas histórias, criaturas privilegiadas no âmbito da natureza, senhores da semente que houver de plantar. Circunstâncias e escolhas, a realidade e seus protagonistas, cocredores do Universo em eterno movimento.

Muitas vezes, na correnteza das situações, chegam os meios às posições que temos de escolher, e quais plantadores, lá adiante adquiriremos o produto da lavoura que o tempo germinou com inevitável facilidade. Nisso, de comum, talvez por falta de conhecimento, quantos e quantos deixam de considerar os frutos justos das suas plantações, sofrendo horrores da inconformação, no entanto herdeiros inquestionáveis dessa justiça maior que dominar o Cosmos.

A ninguém, por isso, ignorar o desconhecimento da Lei, face à lente da consciência, voz geral em todos os humanos, que indica a presença dos dias e mostra os frutos das escolhas. Ainda que desfrutemos, pois, dos maiores benefícios das chances que tivermos na mão, cuidemos, carinhosamente, de acertar nos critérios de reciprocidade, e querer aos outros o que queremos a nós mesmos, norma essencial da lei que tudo rege.

Horas sem conta, a compreensão desses conceitos passa pelos nossos praticados, justos arqueiros das setas que disparamos. Claro que, no fervor das ocasiões, nem sempre adotamos as medidas de melhor convenientes, porém novas e verazes circunstâncias representam a existência, matéria prima da escola onde aqui aprendemos viver.

Consequência de vícios e virtudes, assim a vida segue, nos âmbitos coletivo e particular, cavaleiros que significamos desse plano daqui do Chão. Parceiros dos resultados, usufruímos as bênçãos plantadas e aprimoramos ossos dias mágicos da felicidade e da paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.