31 agosto 2019

O Imperador Dom Pedro II era rico?


    Logo de cara a resposta é não. Durante seus 48 anos de reinado, Dom Pedro II recusou a proposta do parlamento para o aumento de seu salário por pelo menos três vezes, dizia que despesa inútil era furto a nação e o que ganhava era o suficiente para manter-se e manter sua família.

   Contudo, o soldo do Imperador não servia apenas para ele próprio: pagava os estudos de brasileiros na Europa e nos Estados Unidos, como foi o caso do compositor de óperas, Carlos Gomes, e o pintor Pedro Américo, entre muitos outros estudantes que eram mantidos pelo Imperador.

    Por três vezes o Imperador viajou para Europa e o parlamento sugeriu que lhe fosse dado uma soma em dinheiro já que seria uma viagem onde o Imperador representaria a nação no exterior (embora ele viajasse como cidadão comum), porém mais uma vez, Dom Pedro II recusou a ajuda em dinheiro.

     Quando do golpe republicano em 1889, enquanto estava a caminho do exílio, o Marechal Deodoro lhe ofereceu cinco contos de réis, que equivalia a 4.500 kg de ouro como compensação, ao que Dom Pedro recusou a oferta e condenou a ação. Morreu pobre e com dificuldades, sua única riqueza era um travesseiro com terras de todos os estados brasileiros.

Fonte: Face do Círculo Monárquico do Cariri

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.