21 fevereiro 2018

PERSONALIDADE - Valdemir Correia - Uma história de vida dedicada ao progresso - Por: Dihelson Mendonça



Raras pessoas passam pela terra e conseguem imprimir no tempo ( Que é o guardião de todos os tesouros ), a marca de sua personalidade e do seu trabalho. Raros são aqueles que têm oportunidade de saírem também de uma origem humilde e galgar todos os degraus que levam a se tornarem reconhecidos pelo muito que têm feito pelo seu povo. Um destes raros exemplos é o Cratense Valdemir Correia de Sousa, que em seus quase 80 anos de existência, quase a totalidade dos quais tem sido dedicada ao diuturno trabalho que deu respeito a seu nome e a suas empresas. Seria praticamente desnecessário ilustrar neste pequeno artigo os inúmeros benefícios que Valdemir tem prestado à cidade do Crato e ao Cariri nos últimos 70 anos, sendo um dos maiores, creio, a quantidade imensa de pessoas que conquistou e ajudou em seus primeiros trabalhos, suas primeiras esperanças de dias melhores trabalhando para ele, que diferentemente da maioria dos empresários do Brasil, nunca visou apenas o próprio ganho pessoal, mas viu mais além, a oportunidade de também ajudar seus semelhantes, transformando seus funcionários em parceiros e amigos, na construção do progresso e do bem-comum. 

Poderia se aposentar e deixar-se ir tranquilamente para o repouso que os justos merecem, mas este homem de ferro parece desafiar o tempo e não querer desistir daquilo que o criador o investiu com um dos maiores talentos que um ser humano pode receber, que é o de conquistar amigos. E assim, ainda hoje, todos os dias, este sai da sua residência no Grangeiro, em Crato, e vai pontualmente trabalhar às 08 da manhã, para apenas sair nas primeiras horas da noite, tendo deixado esse legado de trabalho e dedicação aos seus inúmeros filhos.


Merecedor de muitas honrarias, mas para se falar a verdade, o nobre amigo Valdemir Correia não tem recebido muitas em vida quanto deveria. Alavancador do progresso e um crítico ferrenho dos modelos econômicos gananciosos atuais, Valdemir também nunca deixou de participar da vida pública do Crato e do Cariri, sempre na ativa, escrevendo as suas crônicas, tantas, que dariam para registrá-las em um livro, acrescentadas da sua linda história de vida. Os seus recentes escritos mostram sempre um cidadão preocupado com o futuro da nossa cidade, com o futuro do Cariri e com as novas tendências, e nesse mundo tecnológico e globalizado, suas palavras nítidas tem sido ecoadas pelos jovens através das redes sociais, das quais também faz parte como assíduo colaborador e comentarista, tendo seus escritos já influenciado uma gama enorme de jovens que buscam o seu saber e as trilhas do sucesso.

Não bastasse tanta dedicação ao trabalho e a constante preocupação com nosso tempo, Valdemir tem procurado abraçar as bandeiras das grandes causas. Foi a primeira voz que se levantou e "cantou a bola" para que o atual Governador do Estado, Camilo Santana incorporasse o prédio do SESI, que estava abandonado, à URCA, há 2 ou 3 anos, quando sequer se falava no assunto. Este repórter foi, inclusive contactado em primeira-mão, para que se fizesse uma campanha sobre esse tema ( E o fizemos ), e sobre a reforma da ExpoCrato, coisa que está a acontecer enquanto este artigo é escrito. 


Vemos por conseguinte, que em muitos aspectos da vida moderna e patrocinando grandes causas e projetos, Valdemir merece muito mais do que aquilo que tem sido dado, e aqui não me refiro a dinheiro, poder político ( Que ele tem verdadeira ojeriza ), mas um reconhecimento maior por parte da nossa comunidade, pelos inúmeros serviços prestados.

Que a câmara de vereadores, que o poder público municipal ou Estadual possam reconhecer a grandeza de pessoas da estirpe de um Valdemir Correia e de tantos outros, por sinal, que dedicaram sua vida para que hoje, o Cariri tenha o desenvolvimento que possui. Pessoas que já foram para o repouso eterno sem o devido reconhecimento. Que possamos ressaltar esses outros também. Esses é que são os verdadeiros "Heróis" do Brasil, aqueles que mudam o curso da história com a própria história das suas vidas, de seu trabalho digno, e do seu altruísmo, em ajudar aqueles que verdadeiramente precisam, e saber apoiar as grandes causas. 

Para arrematar, trago aos nossos leitores, um fato interessante: Segundo várias entrevistas de pessoas bastante idosas, ( Muito mais que o nosso querido Valdemir, é claro ), foi feita uma estatística nos Estados Unidos, além de entrevistas, a fim de se saber qual seriam os maiores valores considerados por essas: TODAS as pessoas, por muitos anos sendo entrevistadas, milhares delas, ao leito derradeiro afirmaram que os maiores valores da vida foram: A família que possuíram, os inúmeras amizades, amigos que conquistaram nessa vida, e as inúmeras recordações. Histórias e mais histórias que levariam décadas para serem contadas. Jamais mencionaram conquistas materiais, dinheiro, poder ou fama, mas amigos e memórias, porque ao fim de tudo, é isso que resta a cada ser humano.

E colocando sob essa perspectiva, o nosso grande Valdemir Correia, certamente que é um vencedor em todos os sentidos, não porque tenha construído um grande patrimônio financeiro, até porque nada dessa vida se leva, mas exatamente pela família que teve, pelos milhares de amigos que soube conquistar, e pelas inúmeras memórias, Ah! grandes memórias, estórias que qualquer dia a própria história contará.

Salve, grande vencedor e amigo Valdemir Correia de Sousa !
Que continue sendo apenas o que você sempre foi nesses 80 anos: Um homem bom, uma pessoa de fibra, um homem profundamente íntegro.

Por: Dihelson Mendonça
Para os leitores do BLOG DO CRATO




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.