10 abril 2015

Moradores denunciam descaso com buracos

buracossjn

Juazeiro do Norte. Moradores de diversos bairros periféricos deste município estão cobrando que o setor competente da Prefeitura inicie a recuperação de ruas e avenidas que foram afetadas pelas precipitações caídas durante o mês de março e que resultaram na abertura de verdadeiras crateras em vários trechos da malha viária da cidade. Nos bairros João Cabral, Romeirão, Vila São Gonçalo, Tiradentes, Novo Juazeiro e Betolândia, quase todas as ruas apresentam depressões. A população que reside nas localidades afirma que, além da possibilidade de acidentes, os buracos também acabam se transformando em focos de transmissão de doenças, devido à quantidade de água e sujeira que acumulam.

Há regiões onde os buracos são tão grandes que alcançam um quarteirão inteiro, impedindo o fluxo normal de veículos. Nestas áreas, os moradores sequer conseguem guardar os automóveis nas garagens das suas residências. Há quem afirme deixar o carro em estacionamento particular após o trabalho e utilizar serviço de mototaxi para ir para casa. "Eu prefiro fazer isso que ter que toda semana levar o carro pra trocar amortecedor, desempenar o protetor do motor ou então viver comprando pneus. Já perdi dois (pneus) traseiros por causa de buracos. Um rasgou a menos de vinte metros da minha casa. Isso é um absurdo. Tem buraco em Juazeiro que já vai completar aniversário", afirmou o autônomo Cícero Oliveira Dias, que reside na Rua Nossa Senhora Aparecida, no bairro João Cabral.

Conforme afirma, além dos buracos, há muito lixo e esgoto a céu aberto em quase todas as ruas que formam o populoso bairro. "Ninguém liga pro João Cabral, não. Aqui próximo existe um Buffet que, quando há eventos, os convidados não têm como parar os carros por causa da buraqueira e do esgoto que escorre por toda a rua. Uma vergonha", avalia.

Na Rua Virgínia de Mendonça, entre os bairros João Cabral e Romeirão, há uma cratera cuja extensão é de, pelo menos, 50 metros, avaliam os moradores. "O buraco existia fazia tempo. Era pequeno, mas, com aquela chuva de 100 mm do mês passado, o piso parece que cedeu e ficou gigante", contou a moradora Ana Lúcia de Almeida.

Segundo ela, desde que o buraco surgiu não há fluxo de veículos pela artéria. "Nem tem como. Olha o tamanho desse buraco. Quem é que vai colocar um carro aqui? Só se for pro carro cair aí dentro e o proprietário ficar no prejuízo", disse, explicando, ainda, que a Prefeitura de Juazeiro foi informada, diversas vezes, sobre o problema e que, até o momento, nenhuma providência foi adotada. "Não fazem nada por puro descaso. Todo mundo aqui no Juazeiro dá fé desse buraco. Só o prefeito é que finge não conhecer o problema", disse.

Outro morador que reclama da falta de recuperação da via pública no bairro é o comerciante João Luis Freitas Júnior, que garante que os problemas relacionados ao surgimento de buracos na malha viária da localidade não são novos. "Basta chover. Qualquer chuva acima de 50 mm é suficiente para que surjam buracos aqui no João Cabral e na maioria dos bairros da cidade. Juazeiro do Norte não possui sistema de drenagem. O que é feito pela Prefeitura são ações paliativas. Operações tapa-buracos que nada resolvem os problemas. Aqui o governo finge que resolve e o povo finge que acredita. O caso é sério", avalia.

Conforme a assessoria de comunicação da Prefeitura de Juazeiro do Norte, a Secretaria de Infraestrutura já possui um mapeamento das áreas afetadas pelas precipitações caídas no município neste ano. Ações de recuperação de vias públicas, conforme a assessoria, já estão sendo realizadas em diversos pontos da Cidade. Conforme o organograma da pasta, ações de recuperação de ruas e avenidas no bairro João Cabral e adjacências serão realizadas nos próximos dias.

Mais informações:
Secretaria Municipal de Infraestrutura do Crato
Parque de Eventos Padre Cícero
Bairro Planalto - Juazeiro do Norte
Telefone: (88) 3571-1128

Roberto Crispim
Colaborador

Diario do Nordeste - Regional

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.