09 março 2015

Princesa Isabel: a grande omissão nas comemorações do Dia Internacional da Mulher (postado por Armando Lopes Rafael)


“As mudanças que tenho em mente [...] vão além da liberação dos cativos. Quero agora me dedicar a libertar as mulheres dos grilhões do cativeiro doméstico, e isto será possível através do Sufrágio Feminino! Se a mulher pode reinar também pode votar!”

Nesta carta escrita ao Visconde de Santa Vitória, datada de 11 de agosto de 1889, a Princesa Imperial do Brasil demonstra seu ativismo não somente pela causa abolicionista, mas pelo direito ao voto feminino. Infelizmente, em parte por estas razões, o Império sofreu um golpe de Estado e a Princesa Imperial Dona Isabel faleceu longe de sua pátria, sem nunca ter visto seu plano realizado.
Neste aspecto, e em tantos outros, a proclamação da República simbolizou o atraso democrático da nação Brasileira, pois enquanto o Brasil sob o regime Imperial era a quarta nação mais democrática, com planos de avanço e inclusão pacífica de setores da população no sufrágio, foi somente através de luta que se conquistou este direito na República, em 1932, onze anos após o falecimento da Princesa Redentora e mais de quarenta após a queda do Império.
Com isso, a Pró Monarquia, Secretariado da Casa Imperial do Brasil, parabeniza todas as mulheres por este dia 8 de Março e lembra-se de todas aquelas mulheres da Família Imperial do Brasil que tiveram um papel fundamental na formação e consolidação da pátria Brasileira, com especial atenção à Imperatriz Dona Leopoldina, a primeira chefe de Estado do Brasil independente, atuando como Regente do Império em diversas ocasiões e exercendo papel fundamental no nosso processo de Independência, tendo ela a decretado em 2 de Setembro de 1822 e enviado para aprovação de seu marido, o Príncipe Regente na época, nosso Imperador Dom Pedro I.

Postagem original: site Pró Monarquia
Imagem: fotografia de Dona Isabel, Princesa Imperial do Brasil, 1870, Joaquim Insley Pacheco.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.