29 janeiro 2015

Ministério Público entra com ação contra seleção de professores temporários no Crato

justica_2

O Ministério Público, através do promotor Lucas Azevedo entrou com ação civil pública na Justiça contra a Prefeitura do Crato, solicitando a anulação da seleção para professores temporários realizada recentemente para a rede municipal de ensino.
Segundo o promotor, em 2013 foi realizado concurso para professores e nem todos os aprovados foram convocados. No entendimento de Lucas Azevedo, a prefeitura deve chamar os aprovados e só depois fazer a seleção, caso ainda tenha necessidade.

Flavio Pinto News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.