31 julho 2014

NO CRATO - Têve tiroteio a noite toda ?



Crato está se tornando mesmo uma cidade muito perigosa, muito violenta. Muito diferente daquele "cratinho de açúcar" que conhecemos no passado. Estou em contato com vários amigos que moram fora, via Facebook, pessoas de mais idade, que pensavam em ainda vir terminar os seus dias morando numa cidade tranquila, mas essa possibilidade está cada vez mais remota.

A nossa amiga Alessandra Bandeira nas redes sociais faz um apelo às autoridades com relação ao sítio bebida nova, em Crato, que segundo diversos relatos, enfrenta o mesmo clima das favelas do Rio de Janeiro:

"Ate quando o poder público, a polícia e a sociedade Cratense vão se cegar pra a triste realidade da Bebida Nova? Quase uma guerra civil, tiroteio, mortes, pessoas reféns disso tudo? Abandonando suas casas com medo de morrer ??? Porque esse desprezo ??? Porque o abandono ?"

Alguns comentários do pessoal que acompanhou a postagem:

Alê Bandeira - Domingo um foi assassinado, ontem foi tiroteio a noite toda

Carol Barbosa - Posso falar que já fui ao inferno ...pq já fui lá ...tem 2 anos que mataram estupraram uma criança de 10 anos e agora querem matar o Pai ...Ahhhh a Polícia passa lá bem rápido com o vidro fechado ...

Alê Bandeira - Carol Barbosa fui la hj, pânico esta grande já tem moradores abandonando suas casas com medo de morrer, cada relato que vc chora.

Iara Aragao - Valha, que coisa

Alê Bandeira - Muito triste vc ver o que esta acontecendo , lembra aquelas guerras de familia que tinha no exu.

Iara Aragao - E nem saiu nos noticiários né?ou saiu?

Alê Bandeira - Não sei dizer

Alê Bandeira - Breno a situação la ta critica e se não fizer nada daqui uns dias a coisa tomara um rumo que temo ate pensar

Lá vamos nós:

É triste constatar que os tempos por aqui são outros, e que este tema da violência já foi exaustivamente abordado e sem esperança alguma de solução, porque envolve causas sociais, de formação, envolve também a segurança pública, a impunidade. Há uns 20 anos, no tempo de meu pai, ele já dizia que em breve veríamos esse tipo de coisa também nas pequenas cidades, tiroteios, pessoas sendo assaltadas em plena luz do dia, e na verdade, já chegamos a isso. Quem vive no Cariri hoje, vive com medo. Estive estes dias conversando com um policial da Civil, e este me disse que se for comparar os índices de criminalidade do Crato de um ano para cá, o aumento foi alarmante, ele citou tipo 200, 300 por cento, e segundo ele, no caso dos assaltos de rua, a maioria é de adolescentes, bandidos mirins que vêm do Juazeiro, assaltam no Crato e retornam com o produto do assalto para lá. 

Deixamos aqui o nosso apelo para que os órgãos de segurança da região e do Estado, tomem providências não só com relação aos últimos acontecimentos, mas de forma mais ampla. A sociedade não pode se tornar refém desse tipo de violência.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.