17 março 2014

Chuva em mais de 70 cidades e mais chuva vem por aí...



Cariri tem sido banhado por chuvas nos últimos dias

Especialmente nas regiões do Sertão Central, Inhamuns, Cariri e Jabuaribana, o domingo foi de muitas chuvas em vários municípios do Ceará. A Funceme registrou precipitações em 72 municípios. A maior precipitação ocorreu em Ipaumirim, na região do Cariri, que registrou forte chuva de 108,4mm.

A previsão da Funceme é de que mais chuvas aconteçam no Interior do Estado com nebulosidade variável no Centro-Sul em virtude da atuação de um ramo da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) e possibilidade de chuvas nas demais regiões. Bom prenúncio para o início da semana, que chega com a tradição cearense de boas chuvas, com a passagem do Dia de São José, padroeiro do Ceará, cuja data é comemorada nesta quarta-feira, 19. Segundo a meteorologista Dayse Moraes, as boas chuvas são ocasionadas por um ramo da ZCIT, que está próximo do Estado e deverá se manter nos próximos dias, trazendo chuvas durante a semana. A tendência é que o Dia de São José seja com chuvas.

Balanço

"Nos próximos dias, as chuvas significativas terão continuidade no Estado, em todas as regiões, mas principalmente no Centro-Sul do Ceará", destaca Moraes, salientando que as precipitações tendem a iniciar no período da tarde e noite, entrando pela madrugada. Nesta primeira quinzena de março, as regiões onde ocorreram mais chuvas foram Centro-Sul e, principalmente o Cariri. A Fundação registrou até agora chuvas de 134mm na região, cujo índice médio no mês de março é de 218,4mm. No Sertão Central e Inhamuns foi registrado no mês o menor volume de chuvas: 61mm quando a média aponta para 174,1mm. Dois sistemas atmosféricos provocaram as chuvas no Estado: o Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) e a ZCIT. Esta última normalmente responsável pela estação chuvosa no Ceará nos primeiros meses do ano.

Nesta região do Inhamuns, os pluviômetros do órgão registram chuvas em Independência (11mm) e Aiuaba (5mm), no domingo. Em Crateús não choveu no final de semana. O sol predominou nos dois dias. Mas o quadro de iminente colapso no abastecimento de água da cidade mudou, após as chuvas caídas nesta primeira quinzena do mês de março. Já foram registrados 192mm, bem próximo dos 200mm considerados normais pela Funceme para o período. Segundo o escritório local da Companhia de Gerenciamento e Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh), a cidade tem água garantida para o consumo da população até setembro deste ano. O órgão vem monitorando a elevação no volume hídrico dos reservatórios.

Recarga

No Açude Carnaubal, o volume aumentou em 12cm, segundo o órgão. Porém a quantidade ainda é considerada pequeno, porém significativa diante do quadro de escassez. Na Barragem do Batalhão, que recebe as águas do Carnaubal para o abastecimento da cidade, o aumento foi mais expressivo: de 26 mil metros cúbicos, subiu para 620 mil, significando uma elevação de quase três metros. Estava praticamente seca anteriormente. Os dois reservatórios juntos garantem o abastecimento até setembro. "Essa recarga já melhorou bem o nível dos reservatórios. A expectativa é que caiam mais chuvas nas proximidades desses reservatórios para elevar ainda mais o volume e tranquilizar mais ainda a cidade", ressalta Humberto Oliveira, técnico do escritório local do órgão. Já no município de Tauá, as precipitações estão fracas. Na sexta-feira ocorreu uma precipitação de baixa intensidade, fato que vem ocorrendo nos últimos dias. O céu fica nublado, a temperatura sobre e a chuva não chega. Choveu nesta primeira quinzena do mês 71mm, quando o normal seria em torno de 148mm. Em diversos municípios cearenses, os agricultores ainda vivem a expectativa por mais chuvas, para certeza de um bom cultivo.

Fonte: DN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.