31 dezembro 2013

Um grande bispo que revelou duas características da ação do demônio: divisão e violência – por Armando Rafael



Fulton Sheen (1895–1979) foi um dos grandes bispos católicos da América do Norte que ficou conhecido por sua pregação e, especialmente, o seu trabalho na televisão e no rádio. Foi sagrado bispo em 1951 e durante 28 anos exerceu o episcopado, a partir de 1969 atuou como arcebispo de Nova York, onde faleceu em 1979. Sua causa de beatificação está em estudos no Vaticano. Atualmente ele já pode ser chamado Servo de Deus, primeiro estágio para atingir a canonização.
Há mais de 40 anos, Fulton Sheen já dizia que a primeira ação do demônio é criar divisão. Dom Fulton Sheen escreveu que a palavra “diabólico” vem de duas palavras gregas “dia+Bolós”, significando: separar, dividir. O bispo norte-americano dizia que “nossas famílias são rachadas, nossos casamentos são rachados. Os divórcios são exaltados e compromissos de quaisquer tipos são rejeitados e considerados impossíveis. Pior: a Igreja Católica, com suas dioceses estão rachadas e divididas em facções, assim como divididos está o Estado, os políticos, as universidades... E assim satanás dança sua “dança intrometida”.

Violência – Fulton Sheen escreveu que “Satanás ama a violência. Ele ama tacar fogo e ver-nos culpando uns aos outros enquanto nos queimamos. Hoje vivemos mergulhados na violência, até dentro de nossas casas. Basta ligar a televisão: toda a violência lá de fora é jogada como um lixo imundo no recinto sagrado da nossa morada. Estupros, assaltos, assassinatos, terrorismo, conflitos e guerras regionais, enfim, a violência chega-nos até em forma de entretenimento. Os filmes, as novelas, videogames, tudo transformados em violência como se isso fosse uma coisa normal. A cultura da morte começa no ventre, com o aborto, onde os inocentes indefesos são eliminados pelas próprias mães. Chamam isto de “direito” e “escolha”.
E a cada morte, satanás faz sua “dança intrometida”, pois este ser das trevas ama a violência. Satanás ama tacar fogo e ver-nos culpando uns aos outros enquanto nos queimamos".
Palavras atuais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.