17 outubro 2013

Cultura do Crato concorre a edital público de 3 milhões de reais em 2013


O Ministério da Cultura lançou em agosto deste ano o Edital Funarte de Ocupação dos CEUs das Artes com a proposta de apresentar 80 projetos culturais nos 360 Centros de Artes e de Esportes Unificados espalhados em varias regiões do País.  Até dezembro deste ano estão programados investimentos de 3 milhões de reais em 27 projetos e para 2014 são 53 a serem contemplados sem ainda orçamento definido. 

Cada unidade selecionada receberá 100 mil reais para um período de ocupação de seis meses trabalhando pelo menos duas linguagens artísticas, envolvendo a dança, circo, musica, teatro, artes visuais, literatura, arte digital e artes integradas. Por exigência do edital os projetos a serem apresentados devem contemplar em suas programações apresentações artísticas de circo, dança, teatro, musica ou ações relacionadas ao estimulo à leitura, exposições ou mostras de artes visuais, oficinas de capacitação artísticas e técnicas, seminários, encontros e debates. As atividades devem ser realizadas por grupos, oficineiros, mestre e artistas ligados a uma entidade com personalidade jurídica. As inscrições vão até 3 de novembro no site WWW.Funarte.gov.br. O Nordeste é a região com o menor numero de inscrições, notadamente o Ceará. O Cariri ainda não apresentou nenhum projeto e por esta razão a Secretaria de Cultura do Crato trouxe Reinaldinho Freire, técnico da Fundação Nacional das Artes para falar aos artistas locais e regionais sobre o edital.

Reinaldinho Freire disse que o Crato e o Cariri, detentores de um potencial cultural incomensurável, terão grandes possibilidades de apresentar projetos interessantes. Podem participar cooperativas, associações e demais entidades com ou sem fins lucrativos, desde que atendam aos critérios estabelecidos no edital e um deles é contemplar a comunidade onde o CEU está inserido, apresentando ações individuais ou coletivas com o dever de repassar seus conhecimentos culturais ao publico. Reinaldinho disse também que está trazendo para o Crato o programa “Desafios Contemporâneos” e já estão previstas para novembro duas oficinas para as artes visuais e a primeira será a xilogravura na contemporaneidade e a outra será definida de acordo com a demanda dos artistas, disse ele. O oficineiro Luiz Augusto Bitu foi habilitado para ministrar a oficina de xilogravura e ele ver o momento como grande oportunidade para os artistas obterem novas tecnologias e estimulo em fazer produções diferenciadas, concluiu Bitu.

A secretária municipal de cultura do Crato Dane De Jade espera que a vinda de Reinaldinho proporcione abertura de diálogo com a comunidade e desperte a FUNARTE a realizar na região oficinas de capacitação e assim acabar com a lacuna existente no edital por falta de inscrições, haja vista que, o Crato e o Cariri possuem um legado imenso nas artes visuais e de artistas com alta competência de exporem em qualquer lugar do mundo. Conforme Dane o município do Crato foi agraciado com um Centro Cultural das Artes que está sendo construído no Bairro Mirandão e isto habilita o município ainda mais perante o edital, finalizou. 

O filósofo e arqueólogo Carioca, Bruno Pedrosa, criador do Museu de Artes Vicente Leite no Crato e um grande defensor da cultura regional, disse que existe dinheiro para a cultura brasileira, basta correr atrás e apresentar projetos qualificados e conforme ele a cultura é um segmento que se pode movimentar com poucos recursos, basta ter entusiasmos, disse.

Por: Wilson Rodrigues
Repórter/Membro do Blog do Crato e Portal de Notícias Chapada do Araripe


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.