31 maio 2013

Ministério da Saúde destina R$ 900 mil para nove municípios do Ceará


O Ministério da Saúde publicou neste mês de maio uma série de portarias que liberam incentivo financeiro para a implantação de salas de estabilização em 28 cidades de sete estados no Brasil.

O objetivo é estruturar serviços intermediários para atender pacientes em risco de vida ou em estado de vulnerabilidade. Para essa ação, cada município receberá R$ 100 mil, que somam um montante de R$ 2,8 milhões. O repasse é feito em parcela única diretamente do Fundo Nacional de Saúde [FNS] aos fundos estaduais ou municipais.

Serão contemplados com o incentivo os estados do Ceará, Amazonas, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Pernambuco e Bahia. No Ceará, nove municípios foram beneficiados: Chaval, Ocara, Pedra Branca, Pindoretama, Deputado Irapuan Pinheiro, Araripe, Santana de Cariri, Salitre, Tejuçuoca.

No Amazonas são sete municípios contemplados [Atalaia do Norte, Fonte Boa, São Paulo de Olivença, Jutaí, Benjamin Constant, Amaturá, Santo Antônio do Iça] e cinco do Mato Grosso do Sul [Dois Irmãos do Buriti, Bela Vista, Costa Rica, Nioaque e Tambaú[.

Em Minas Gerais são três cidades contempladas com os recursos para as Salas de Estabilização [Espindola, Urucuia e Itacarambi]; no estado de São Paulo duas [Pinhal e Santa Cruz das Palmeiras]; em Pernambuco o município de Araçoiaba e, na Bahia, o município de Itarana.    

A Sala de Estabilização é estruturada para acolher pessoas em risco de vida ou em estado grave. Tem por objetivo estabilizar o quadro clínico do paciente, antes de enviá-lo a outra unidade da Rede Urgência e Emergência, que dará continuidade ao atendimento.

* Com informações da Ascom do MS ( Via Yuri Guedes )


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.