30 abril 2013

Chuvas ocorrem em 85 cidades do Ceará



Iguatu. A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou precipitações em 85 municípios, durante a madrugada e manhã de ontem. A maior concentração ocorreu nas regiões Norte e Ibiapaba. Em Forquilha choveu 85mm, Jijoca de Jericoacoara, 67 mm; Alcântara, 63mm; Amontada, 60mm, Barroquinha, 59mm; e Sobral, 53mm.

O meteorologista da Funceme, José Maria Brabo, informou que, para até a próxima quarta-feira, permanece o quadro de ocorrência de chuvas isoladas no Interior. "A tendência é mais favorável para as regiões Centro e Norte com maior concentração e nas demais áreas chuvas isoladas", frisou. No Sul do Estado, o Cariri cearense, a possibilidade é de reduzidas precipitações para as próximas 72 horas.

A Funceme mantém o prognóstico de que a quadra chuvosa, que compreende o período de fevereiro a maio, no Ceará, terá pluviometria abaixo da média histórica. "A nossa previsão não mudou e precisamos avaliar no período total", reafirmou o meteorologista, José Maria Brabo. O leve aquecimento das águas superficiais do Oceano Atlântico abaixo do Equador e a elevação da umidade relativa do ar integram o sistema meteorológico que é favorável à ocorrência de chuvas no Ceará. Essas precipitações favorecem o acúmulo de água em pequenos reservatórios e o crescimento de cultivo de subsistência no sertão. A partir da segunda quinzena deste mês houve intensificação de chuvas no sertão.

"Águas quentes evaporam mais e formam nuvens e áreas de instabilidades sobre o Estado, com maior intensidade na área Norte do Nordeste", explicou Brabo. A influência da ZCIT ocorre geralmente nos meses de março a maio.



Fonte: DN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.