08 janeiro 2013

Brasil inicia 2013 com saldo negativo de US$ 100 milhões na balança


O país iniciou o ano de 2013 com déficit na balança comercial. De acordo com dados divulgados nesta segunda-feira [7] pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior houve saldo negativo de US$ 100 milhões na primeira semana de janeiro.

As importações alcançaram US$ 2,350 bilhões e superaram as exportações, que totalizaram US$ 2,250 bilhões, o que causou o resultado negativo. A média diária das exportações na primeira semana do mês ficou em US$ 750 milhões, resultado 2,2% superior ao registrado no mesmo período de 2012. Isso se deveu à alta de 23,1% no comércio de semimanufaturados, entre eles óleo de milho bruto, ferro ou aço, borracha sintética e ouro. Por outro lado, as vendas externas de manufaturados recuaram 2,4%, principalmente em razão de óleos combustíveis, autopeças, partes de motores e bombas e compressores. Nas importações, a média diária ficou em US$ 783,3 milhões, 1,2% abaixo da média de US$ 793,1 milhões registrada para a primeira semana de janeiro de 2012.

O Brasil comprou menos principalmente em produtos siderúrgicos [-23,3%], combustíveis e lubrificantes [-11,2%], adubos e fertilizantes [-10,9%], eletroeletrônicos [-10,2%] e equipamentos mecânicos [-3,3%]. A balança comercial brasileira fechou 2012 com superávit de US$ 19,438 bilhões. O resultado foi o pior desde 2002, quando o saldo ficou em US$ 13,1 bilhões. Além disso, ficou 34,7% abaixo do saldo positivo de US$ 29,794 bilhões registrado em 2011. O governo atribuiu o resultado à crise internacional e ao seu impacto nas exportações.

Fonte: Agência Brasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.