14 novembro 2012

Agenda positiva - Por: Emerson Monteiro


Sem medo e sem culpa – posições pessoais inevitáveis, encaminham ao sucesso – independente de credos políticos, religiosos, quaisquer que sejam eles, nesse mundo lotado das ocupações mentais, a impor compromissos. Agir de tal modo que a religiosidade dos pontos de vistas sirva para nortear atitudes livres na relação com os mistérios.

Quando o sujeito se imagina que obteve de Deus e manda ver a autorização de andar na Divina Graça, lá acima, nessa hora, o Bem e o Mal correrão por conta e risco desses mandantes, a querer posições além da imaginação. Ninguém pariu Deus só no interior do pensamento, onde a parte não comportaria o Todo. Ainda que haja leis profundas que regem o assunto, a Liberdade de Deus. A Liberdade é Deus.

Transcendem a força humana os domínios superiores. Ordenar os fenômenos da natureza, espécie de maestro feiticeiro, significa excesso de confiança dos homens nas cabalas e convenções, palavras do encantamento criadas pelos próprios autores a título de comandar os fenômenos. Milhões falam alto frases de poder, sem, no entanto, saber o que dizem, e pecam nessa hora.

Contudo existirá faixa valiosa de exercício da bondade suprema à medida que usufruam os aprendizes da condição de praticantes do bem que exercitam o que ensinam, porquanto os ditames da coerência em tudo convergem. As ações e reações imperam os acontecimentos gerais do Universo. A essência dos valores invisíveis administra a medida exata do quanto existe, longe da vontade limitada dos expertos comerciantes.

Imaginar um Deus humanoide, mesquinho, interesseiro, que se convence diante da fraqueza dos bajuladores, aliciados nas bancas dos cambistas, confronta o mínimo de bom senso, a querer transformar plano mais elevado em meros joguetes de quintais da fama fácil desse chão carcomido nas contradições de poeira.

Distante, infinitamente transcende, dentro, bem dentro da importância de valores exatos, matemáticas da fé e da consciência, ali se viverá experiências inigualáveis, comunhão do Eterno Amor, saborosos postulados da bondade plena, soltos das amarras paroquiais da matéria. A coragem extrema da ânsia de realização do Ser assim revelará na alma da gente o Sol.



Por: Emerson Monteiro
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.