15 outubro 2012

Ronda do Quarteirão - Por Maria Otilia


O Ronda do Quarteirão é um programa de segurança pública implementado no Estado do Ceará em novembro de 2007 (e que tem se expandido para outros estados, como o RN), em cinco áreas piloto, e depois expandida. Em 22 de fevereiro de 2008 foi ampliado de 76 para 91 áreas, abrangendo todos os bairros de Fortaleza. Em 12 de junho de 2008 houve a expansão do programa para mais 20 novas áreas de atuação, abrangendo por completo as regiões de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú.
A segunda fase do Programa Ronda contemplou o Interior do Estado com a instalação do programa nos municípios com mais de 50 mil habitantes, como: Sobral, Crateús, Canindé, Itapipoca, Juazeiro do Nordeste, Barbalha, Crato, Iguatu entre outros
O sistema consiste em disponibilizar para cada equipe 12 policiais, divididos em três turnos de oito horas. A equipe fica composta em cada turno de oito horas por 3 policiais.

As viaturas do ronda do quarteirão ficam limitadas a um perímetro de 1,5 km a 3 km quadrados. Esse pequeno perímetro de cobertura para cada equipe permite um tempo de resposta de 5 min. Como as viaturas são compostas por GPS, as mesmas ficam restritas a esse perímetro delimitado pelo comando operacional. Uma "cerca eletrônica" registra se a viatura sair do seu perímetro. Todas as viaturas são monitoradas em seus deslocamentos.(site Wilkipedia).

O texto acima define como foi criado o Programa Ronda do Quarteirão, qual a metodologia de funcionamento e qual a sua verdadeira finalidade.Infelizmente, na falta de efetivo da Polícia Militar 5ª Cia, os policiais do Ronda deixam de atuar como agentes comunitários  de ações preventivas e passam a exercer também ações corretivas de  rotina.Deixando de lado o verdeiro objetivo para  o qual o Programa foi criado.Por desconhecer estas dificuldades,a comunidade sentindo-se abandonada, passa não acreditar na polícia, inclusive na maioria das vezes fazendo duras críticas aos policiais.

Percebemos que nos  últimos meses, o nosso município vem sofrendo de uma violência urbana,que traz medo e prejuízo. São os assaltos constantes aos donos de estabelecimentos comerciais, em pleno horário de funcionamento.Daí porque precisamos fazer uma reflexão, principalmente após um período eleitoral.Somos sabedores do grande volume de dinheiro gastos pelos partidos políticos para a realização de campanhas milionárias em todo o Brasil.Inclusive que serviu em grande maioria para a compra  de votos.Assim sendo é para  nos indignarmos mesmo com a falta de efetivação de políticas públicas, principalmente para a segurança, principalmente no repasse de verbas de manutenção para as  atividades de rotina.

Sou conhecedora da dificuldade que alguns Comandantes da Polícia tem em realizar as ações de rotina dentro de cada Companhia. São viaturas quebradas,  às vezes até sem combustível.Inclusive em nosso município, o Ronda do Quarteirão está com uma estrutura física e de mobiliário  não  adequado para o seu trabalho.Funciona apenas em uma sala do Predio da Prática Forense.O que impede dos policiais e seu comadante desempenharem bem as suas atribuições. Por isso ,aproveito o espaço deste Blog para divulgar para a sociedade cratense, o grande trabalho realizado pelo Capitão Rabelo e seu efetivo.Seria bom que cada um visitasse a sede do Ronda  inclusive conhecendo o Projeto de Inclusão Social com crianças e adolescentes que tem como objetivo prevenir através do esporte, ao não uso de substancias lícitas e ilícitas.Funcionando como ampliação da jornada escolar.A realização deste projeto está sendo um sucesso, porque alguns policiais e professores da comunidade são voluntários.A Paróquia de São Francisco, através do Padre Marcondes cedeu a quadra para a prática de esportes. A Escola Dom Quintino também  é parceira por acreditar que  ações educativas  e de prevenção desenvolvidas por este Projeto, podem reduzir o alto índice de violência doméstica, na sociedade e reduzir o grande número de criminalidade entre jovens.

Por: Maria Otília
Diretora da Escola Dom Quintino

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.