27 fevereiro 2012

Muhammad Ali participa de estudo contra Parkinson


O ex-boxeador americano Muhammad Ali se juntou à campanha da empresa 23andMe, que faz sequenciamento genético privado, para conseguir amostras do DNA de dez mil pessoas com mal de Parkinson. Com essa base de dados, a companhia pretende fazer estudos para entender e combater a doença.

Criado em 2009, o projeto da 23andMe já tem mais de 6.700 participantes com Parkinson cadastrados. O objetivo é chegar a dez mil para conseguir um banco de dados robusto que possa identificar alterações genéticas ligadas à doença. Embora ainda esteja incompleta, a iniciativa já rendeu resultados. Em julho do ano passado, foram identificadas duas novas variações genéticas relacionadas ao Parkinson. O trabalho foi publicado na revista "PLoS Genetics". A empresa também achou um gene que pode ajudar na proteção contra o mal de Parkinson.

Pessoas que já tiveram o mal de Parkinson diagnosticado podem se cadastrar no site da empresa e pedir seu kit para doar. Recolhe-se uma amostra de saliva, que é enviada pelo correio para o laboratório. Também é necessário preencher um questionário online.

O processo todo é grátis e o paciente ainda tem acesso para sempre aos serviços genéticos da 23andMe gratuitamente, avaliados em US$ 399, cerca de R$ 688).

Folha.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.