11 fevereiro 2012

Deflagrada operação para investigar rombo de R$ 50 mil à Caixa Econômica no CRATO


Uma operação foi deflagrada nesta sexta-feira, 10, para encontrar três pessoas suspeitas de participação em esquema criminoso responsável por gerar um prejuízo de R$ 50 mil aos cofres da Caixa Econômica Federal no município de Crato, Cariri cearense. A Polícia Federal (PF) do Ceará coordena a “Operação Falácia” e já prendeu duas mulheres, sendo uma estudante de Odontologia e uma cabelereira.

Segundo informações da PF, foram apreendidos vários documentos de identidade, comprovantes de endereços falsos, cartões de créditos, veículos, relógios importados, máquina operadora de cartão de crédito e aparelhos celulares.

A suspeita é de que a quadrilha utilizava os documentos pessoais para fraudes e, desta forma, obter empréstimos na Caixa. Computadores, comprovantes de extratos bancários, mídias e outros vestígios de crimes também estão sendo verificados, segundo a PF, nos locais onde ocorrem as buscas.

Na última quarta-feira, 8, uma mulher de 49 anos foi presa no Crato, acusada de montar o esquema criminoso contra a Caixa. A acusada foi detida em flagrante na sede da agência bancária e autuada por estelionato qualificado e formação de quadrilha.

Segundo informações da PF, a mulher apresentou documentos falsos para fazer um empréstimo na agência bancária, quando foi flagrada pelo gerente e policiais federais que investigavam o caso. Uma segunda mulher, filha da presa, também foi encaminhada à Polícia Federal, onde foi indiciada pela prática do mesmo crime.

Além do rombo ao banco, a PF suspeita de que a quadrilha também agia em concessionárias de veículos e empresas de cartão de crédito.

POVO Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.