02 outubro 2011

Greve dos Correios alcança 306 agências fechadas no Ceará

O movimento grevista aproxima-se dos números contabilizados no ano passado, maior greve dos últimos 20 anos (GABRIEL GONÇALVES).

A mobilização dos bancários avança no quarto dia de greve e já contabiliza 306 agências paradas de um total de 447 no Ceará. Além disso, são 6.200 profissionais envolvidos dentre entre os 9.081 do Estado, segundo balanço divulgado pelo Sindicato dos Bancários do Ceará (Seeb-CE). Nacionalmente, o movimento abrange 7.865 agências e centros administrativos. Os dados nacionais são Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT).

Os números já se aproximam dos contabilizados na greve do ano passado, considerada a maior dos últimos 20 anos, como destacou o presidente do Seeb-CE, Carlos Eduardo Bezerra. “A velocidade com que chegamos a esses números é maior que a do ano passado”, disse. Em 2010, foram 8.248 agências paralisadas no Brasil e 322 no Ceará em um movimento que durou 15 dias.

“O sindicato está ampliando a mobilização”, destacou Carlos Eduardo Bezerra. Ele explicou que os bancários estão insatisfeitos com a precarização do sistema financeiro e com a ausência de novas propostas da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).

Apesar da paralisação, casos especiais e prioridades poderão ser atendidas pelas agências, segundo Bezerra. Os demais serviços deverão ser realizados nos caixas eletrônicos, pela Internet ou em estabelecimentos comerciais conveniados, como casas lotéricas.

O POVO


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.