31 outubro 2011

Dom Fernando Panico comemora 40 anos de ordenação sacerdotal – por Armando Lopes Rafael


Roma, 31 de outubro de 1971. Padre Fernando Panico é ordenado sacerdote. Pouco mais de dois anos depois ele troca a vida fácil na Europa, deixa a família e vem ser missionário no Nordeste Brasileiro.

Juazeiro do Norte, ontem, 30 de outubro de 2011. Fiéis da diocese de Crato e milhares de pessoas que formam a Nação Romeira, provenientes de todo o Nordeste, homenagearam dom Fernando pelos 40 anos da sua vida sacerdotal.


O vice-prefeito Raimundo Bezerra Filho representou o prefeito Samuel Araripe no evento.

Memória da ação pastoral em Crato

Em 02 de maio de 2001 o Papa João Paulo II o transfere dom Fernando Panico, da Diocese de Oeiras-Floriano(PI) para a Diocese de Crato (CE), onde ele tomou posse no dia 29 de junho de 2001. Nesses dez anos, à frente da Diocese de Crato, dom Fernando fez um fecundo pastoreio.

Aqui -- dentre tantas realizações -- escreveu ele cartas pastorais aos seus diocesanos para lhes ensinar e lhes apontar rumos novos, animando-os na alegria de quem mantém o seu coração voltado às coisas do Alto. Veio ao encontro do povo, sobretudo do povo romeiro que aflui à Diocese, como quem olha para uma expressiva parcela de ovelhas ainda esquecidas, tomando para si e para toda a Diocese o seu cuidado pastoral. Conseguiu que Santuário Diocesano de Nossa Senhora das Dores fosse elevada à dignidade de Basílica Menor.
Tendo sido consultado pela Santa Sé sobre a reabertura do processo do Pe. Cícero Romão Batista, aquiesce com a auspiciosa novidade e lhe dá rumos e seguimento, depois de ouvir a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e obter expressivo apoio; Vai a Roma com numerosa caravana e entrega os novos volumes de documentos, abrindo esperançoso caminho e ânimo à Nação Romeira;
Retomou, com renovado vigor, a formação dos futuros sacerdotes, reabrindo, no velho casarão da colina do Seminário, o curso de Teologia. Criou, em seguida, a Faculdade Católica do Cariri.

-Para o ministério ordenado em nossa Diocese, ordenou, nestes dez anos, 45 padres e 16 diáconos permanentes, além de dois diáconos transitórios; É palpável o esforço do bispo para que padres e diáconos tenham uma formação permanente.

Trouxe, para a Diocese, mais de dez comunidades religiosas, masculinas e femininas, além de acolher diversas outras comunidades de fiéis. Criou 8 novas paróquias, elevando para 52 o número encontrado. Eleva à dignidade de Santuário Eucarístico Diocesano a igreja de São Vicente Férrer, em Crato.
Esse esforço missionário, levou a Diocese para além de suas fronteiras geográficas. Hoje estamos presentes na Prelazia de Lábrea (Amazonas), com um padre e três missionárias leigas, além dos padres Raimundo Elias e Lindoval José se encontrarem como missionários em Portugal. Antes o Brasil recebia missionários da Europa. Nos dias atuais padres brasileiros são enviados para a Europa como missionários.

Parabéns, Dom Fernando!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.