15 setembro 2011

Aniversariante do Dia - Carlos Esmeraldo Esmeraldo



Nota do Editor:
"Hoje é aniversário de um dos maiores colaboradores do Blog do Crato, um dos que está na Galeria de Honra, pois é um dos Patronos do nosso Blog: Carlos Eduardo Esmeraldo. Eu poderia escrever aqui laudas e mais laudas sobre este grande ser humano, mas o nosso colega Armando Rafael já escreveu tão bem, que nos reservamos a deixar os nossos parabéns, votos de uma vida longa, próspera, cheia de saúde e Felicidade. Parabéns, Carlos! "

Dihelson Mendonça

Carlos Eduardo Esmeraldo – Por Armando Rafael

Muita gente entra e sai da nossa vida no decorrer da nossa existência. Mas só os verdadeiros amigos deixam impressões imorredouras no nosso coração. Carlos Eduardo é um desses amigos, uma amizade que vem desde os bancos escolares do saudoso Colégio Diocesano de Crato, quando ambos, adolescentes, sonhávamos com os tempos que haveriam de vir.

Logo após terminarmos o que se chamava – na época – de curso ginasial, Carlos seguiu para Salvador, dando continuidade aos estudos até alçar uma vaga na universidade. Eu continuei algum tempo em Crato, trabalhando em emissoras de rádio e no jornal “A Ação”. Depois fui aprovado em dois concursos públicos, no Banco do Brasil e no BNB. No primeiro fui nomeado para a distante cidade de Porto Velho, capital do então Território Federal de Rondônia. O segundo me designou para o interior de Pernambuco. Optei pelo BNB.

Durante algum tempo não tive notícias de Carlos. Voltamos a nos reencontrar no início dos anos 80, quando ele ocupava a chefia regional da Coelce em Juazeiro do Norte. Fiquei feliz em saber que Deus fora bondoso para com ele. Proporcionara-lhe casar com a moça por quem se apaixonara. Formava com Magali um casal ajustado, coisa raríssima nos dias de hoje. Ela deu-lhe três filhos, todos homens úteis à sociedade e bem encaminhados pela vida.Também profissionalmente, Carlos fora um vitorioso. Compartilho com as alegrias do aniversário natalício do engenheiro e professor universitário Carlos Eduardo Esmeraldo. E como já adentramos pela vetustez da vida, escusado é dizer que cada novo aniversário natalício se constitui num momento especial de renovação da alma, porque Deus, na sua infinita sabedoria, deu-nos a capacidade de recomeçar tudo a cada novo ano.

Por: Armando Rafael ( inicialmente postado no Blog do Sanharol )

9 comentários:

  1. Caro Dihelson e Armando Rafael

    As palavras generosas do amigo Armando muito me emocionaram. Terei de fazer um esforço muito grande para pautar meu comportamento dentro dos padrões que vocês traçaram.
    Muito obrigado e um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns GRANDE Carlos

    A humildade é o seu portal, para grandeza que é sua pessoa.
    Abraços
    Heládio

    ResponderExcluir
  3. Carlos,

    Feliz aniversário! Uma boa ocasião para lhe desejar o melhor nesta vida. Que siga nos brindando com suas valiosas produções literárias bem ao gosto forte dos sabores caririenses, no diapasão dos seus familiares dedicados à cultura de Crato, meus amigos de momentos especiais.
    Sempre me detenho face aos seus trabalhos, do que há de melhor neste mundo eletrônico atual.

    Abraço de Paz e Saúde, amigo, extensivos aos seus familiares, na alegria deste momento.

    ResponderExcluir
  4. Carlos Eduardo Esmeraldo,
    Desejamos toda felicidade do mundo, e que Deus o proteja sempre.
    Abraços,

    Samuel e Mônica Araripe.

    ResponderExcluir
  5. Carlos parabens! Deus derrame bençãos de saude,paz e felicidade,sobre vc e sua família. abraços João Marni e Fatima

    ResponderExcluir
  6. Agradeço muito sensibilizado aos votos registrados pelos amigos Hládio, Emerson Monteiro,Mônica Araripe e aos queridos sobrinhos João Marnie Fátima. Meu abraço e muito obtigado pela amizade de vocês. Ela muito me enriquece!
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Eu acho que o Carlos não viu os meus parabéns na prórpia introdução do artigo, rs rs rs

    PARABÉNS, Carlos!
    Muitas felicidades, muitos anos de vida.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  8. Caro Dihelson

    Claro que eu vi, tanto que no meu comentário incial eu me dirgi a você e ao Armando. No parágrafo final coloquei o verbo no plural! Serei sempre agradecido a você pelo apoio e estímulo recebido. Um grande abraço.

    Obs. O comentário anterior excluído foi substituido por este atual,para correçoes.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.