18 julho 2011

O CRATO HOJE - Crato encerra festa agropecuária com mais de R$ 80 milhões em negócios


O governador do Ceará, Cid Ferreira Gomes foi recebido pelo prefeito do Crato, Samuel Araripe e demais autoridades para o encerramento da 60ª edição da Exposição Agropecuária EXPOCRATO, realizada de 10 a 17 de julho, no Parque Pedro Felício Cavalcanti. Em discurso, o chefe do executivo cratense disse que a exposição do Crato sob o comando do presidente do grupo gestor, Francisco Moura Leitão, tomou dimensões imensuráveis e parabenizou o governo estadual pela realização do evento em parceria com o município.

Mais de oito mil animais, quase mil barracas e stands e diversas atividades comerciais geraram até ontem a noite quase R$ 80 milhões. Só o Banco do Nordeste fechou mais de R$ 58 milhões em financiamentos. Faltam ainda os bancos do Brasil, Caixa Econômica Federal e Bradesco, sem falar em outros segmentos como a venda de leite, ingressos para os shows, arrecadação com a venda de terrenos, pequenos comércios e outras empresas geradoras de emprego e renda dentro do parque.

Durante os oito dias de EXPOCRATO foram mais de 650 mil pessoas que adentraram o parque. Turistas de varias regiões do Brasil e do exterior estiveram ocupando a rede hoteleira e restaurantes do Crato e região. Expositores de diversos Estados brasileiros expuseram mais de oito mil animais de varias raças e linhagens.

O governador Cid Gomes atribuiu o sucesso da EXPOCRATO aos seus parceiros, dentre eles, a prefeitura e classificou o evento como referência para as melhorias que devem ser introduzidas na pecuária e agricultura cearenses. O governador destacou a ExpoCrato como a maior festa regional, uma referência para os cratenses e para os cearenses. Um acontecimento que é conhecido em todo o País e parte da América Latina e devemos cuidar para que as edições futuras sejam cada vez mais exuberantes.

Fonte: PMC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.