25 junho 2011

Enquanto isso na cidade de Sobral – Inauguração do novo Parque de Exposições da Região Norte Por: João Paulo Fernandes


O município de Sobral, localizado no Norte do Estado, terá a partir deste domingo (26) um novo espaço para a realização de grandes eventos do setor, em especial os voltados ao agronegócio. O novo Parque de Exposições da Região Norte será inaugurado pelo governador Cid Gomes, às 20 horas. As novas instalações marcarão a abertura da 49.º Exposição Agroindustrial da Zona Norte (Exponorte).

Com uma área de construída de 17.594,98 m², o Parque contará com um centro de eventos, área de apoio técnico, apoio administrativo, cinco guaritas, oito pavilhões para bovinos, oito pavilhões para caprinos, um para equinos, uma pista de vaquejada, três blocos de banheiros públicos, seis blocos de apoio, sala de primeiros socorros, um curral e uma cabine de julgamentos. O investimentos para a obra foram de R$ 23.137.478,12 oriundos do Tesouro do Estado.


Confira o vídeo do projeto do Parque de Exposições da Região Norte (fotos em breve)



Fonte: Assessoria de Imprensa da Seinfra

13 comentários:

  1. Querido João Paulo,

    Já eu não me importo se Sobral possa virar Nova York. Eu só quero que o Crato possa ter seu espaço garantido. Se o governador quisesse, ele poderia fazer este parque em Sobral e reformar o do Crato. uma coisa não anula a outra. O problema é fazer uma em detrimento de outra.

    De antemão, eu digo que não tenho nada contra Sobral, que por sinal, tenho grandes amigos de lá.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. O Governador na visita ao Crato em 24/06 afirmou novamente a intenção de construir um novo parque na nossa cidade e da intenção do governo federal em instalar a Universidade Federal do Cariri, alias o atual parque seria um lugar perfeito para implantação do novo campus ou da extensão do campus já existente em Juazeiro, no meu ponto de vista o local ideal para construção do novo parque de exposições seria nas imediações do Palmeiral se estendendo até divisa com o Sitio São Bento.

    ResponderExcluir
  4. Pelo amor de Deus, Valdenio, aqui no palmeiral não. O palmeiral fica a poucos metros da nossa querida Vilalta. O barulho no Crato seria ensurdecedor. Melhor seria então levar lá para o lado da saída para Farias Brito, ou para o lado do Muriti, longe de tudo.

    Abraços,

    DM

    ResponderExcluir
  5. É mesmo Dihelson, então seria melhor que a "zoada" ficassse pro lado do Pimenta..rsrsr

    Isso é outro grave problema! A questão do som. Onde o parque se encontra atualmente ficaria dificil de resolver. Isso sem contar na péssima localização (próximo cimitério), ruas estreitas etc.
    Falar nisso, qual o temor da população em relação a construção construir desse novo parque?

    ResponderExcluir
  6. Acho que com esse bairrismo a idéia que tudo vai pro Juazeiro (o que não deixa de ser verdade..rsrs) vai se configurando cada vez mais!Enquanto são realizados inúmeros investimentos em Juazeiro, os cratenses enaltecem a reforma das "praçinhas"!"Que coisa MARAVILHOSA!

    Enquanto isso...

    - A população é transportada em tampa de D-20 ou garupa de moto.

    - As ruas chei de buracos

    - Trânsito um caos!

    - Não chega investimento nenhum nessa cidade!

    ResponderExcluir
  7. A questão de resolver o volume de som no parque independe do local aonde ele se encontra. O que precisa é de VERGONHA NA CARA.

    Hoje mesmo, outra madrugada de inferno no Crato. Som alto vindo do parque. Sempre foi assim ? Não! somente nos últimos tempos. É uma coisa planejada.

    É que parece que estão tentando SABOTAR o local atual a fim de mostrar a inviabilidade, porque já tem esse plano formado de retirarem o parque do local atual.

    Em várias cidades do país, os parques funcionam dentro da cidade. Não sei se o João Paulo já viu o projeto que foi apresentado diversas vezes pelo governo municipal que transforma aquela área numa espécie de IBIRAPUERA do Crato, com Ruas e Avenidas circundando, além de um lago no centro, pistas de cooper, etc. Muito menos do que os 25 milhões que foi prometido para isso, e até agora nenhum centavo chegou.

    Só é usado atualmente 30% da área com o parque de exposições, falta ocupar os outros 70%. Eles querem passar a idéia mentirosa para o povo de que o local não tem espaço. Como, se só está em uso 30% ?

    A questão é OUTRA...Qual o interesse de alguns em retirar o parque do local atual DE REPENTE ? Vocês sabem qual é ? Eu nem vou falar na valorização de terras, nem de gente tentando vender terras lá perto da divisa...

    Quem quiser saber os motivos, que procurem os interessados, que procure os boatos que circulam na Praça Siqueira Campos.

    Abraços,

    DM

    ResponderExcluir
  8. Procure os boatos que circulam na Praça Siqueira Campos???Que fopnte confiável! Nem acredito que li isso, será esse o motivo da reforma das praças?

    Parece que a população do cratense tem medo de mudanças, típica de cidade provinciana! Vamos morrer comtítulo da cidade da cultura, é o que nos resta!

    ResponderExcluir
  9. João Paulo, não se prenda a detalhes. Se você quer a verdade, Investigue e publique aqui. Ela está bem acessível, resta saber quem vai por o chocalho no gato. Você como é um rapaz muito corajoso, valoroso cavaleiro da távola redonda, certamente que a encontrará facimente.

    Boa Sorte e tenha uma vida longa, rs rs

    Abraços,

    DM

    ResponderExcluir
  10. Que cresça o Juazeiro do Padre Cícero do Crato, os homens querem mesmo é realizar a chamada especulação imobiliária, na cidade do Crato, pois todos nos sabemos,que por mais que Juazeiro cresça,é inviável morar e dormir naquela terra ainda não santa, mas é um inferno, seria o que podemos dizer que, varrem a sala e empurram pra debaixo do tapete a sujeira. Belo exemplo de crescimento e de quererem, ser a capital da região metropolitana: Esgotos e fedentina a céu aberto, alto índices de marginalidade, ao ponto de exportarem para Crato uma serie de bandidinhos, a falta de estrutura para a romeirada,que pernoitam em cubículos e albergues sem a mínima estrutura,causando com isso a exploração sexual religiosa,o que na verdade Juazeiro parece mais um camelódromo marroquino a céu aberto.Ai eu pergunto e a qualidade de vida,onde se encontra?É melhor morrer como cidade da cultura e ter bons ares da floresta, do que crescer desordenadamente como a nossa vizinha Meca JUAZEIRO DO PADRE CICERO DO CRATO.

    ResponderExcluir
  11. Wilson Bernardo e Dihelson

    Um esgosto que atravessa o Crato inteiro e o cara vem falar dos esgostos de Juazeiro! Quanta ironia! kkkkkkkk
    Dihelson e Wilson, vc´s que não tem rabo preso com ninguem, coloquem a boca no trobone! Qual o motivo do temor? Se é para o bem da população do Crato...D "nome ao bois", a verdade precisa ser revelada!

    ResponderExcluir
  12. Ah! tá se referindo ao Canal do Rio Grangeiro, QUERIDO João Paulo ?

    Cara, faz o seguinte, arrume a verba para o município que a gente consegue inclusive mudar o rio de lugar.

    kkkkkkkkkkkkkkkk

    Abraço,

    DM

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.