02 dezembro 2010

Nossa Guerra Para o Mundo - Por: Ed Alencar


Será que somos iguais ao analisarmos esta vergonha nacional? Vejo, que a omissão dos poderes constituídos, deixaram criar dentro de um estado federalizado, um outro estado CLANDESTINIZADO de horrores. Mais hoje, os poderes se unem, para corrigir os erros de ontem. O absolutismo dos “senhores das drogas” que ditavam regras no seu estado paralelo, com o desrespeito as autoridades, com vandalismo, terrorismo, execuções e corrupções, criaram raízes profundas do mal, dentro desta nação. Foram tantas mortes por balas perdidas, policiais corruptos sujaram suas mãos de sangue, socorrendo os cidadãos de bem, até mesmo companheiros de farda feridos, inocentes da traição. Quantos advogados benevolentes com bandidos sendo mensageiro do mal e quanta incompetência no sistema prisional.

E nós brasileiros, pagamos caro com todas estas somas de incompetências, que nos tornam reféns de nos mesmos. Vivemos em tempos de medo, sem a liberdade confiada, seja nas ruas, até mesmo em nossas casas onde edificamos moradias com grades de ferro, enquanto o bandido mesmo preso, ainda têm: celular com internet, televisão, 4 refeições ao dia, encontros íntimos, banhos de sol e o banho de sangue por ele encomendado de dentro da prisão moderna, mais vulnerável para o crime.

Ainda tem a covardia de um povo que dentro do seu território onde habitam se corrompiam na convivência com bandidos, entregando seus filhos para o mundo do crime, enquanto outros pais choram a morte de um filho bandido incriminando apenas a policia como desabafo. São territórios dominados onde a lei, não entrava, foram desafios burros e abusivos até que o estado legal, acordasse, embora tardiamente.

Mais se a união agora faz a força, esta é a hora!!! Recoar... Jamais! O Rio de Janeiro vendo bandidos em fuga e as prisões acontecendo cantam felizes a canção “asas da liberdade”. Durante as invasões pelas tropas de elite, um momento surpreendente para os policiais, uma criança corre em direção a tropa, e lhes entrega uma cartinha de agradecimento. Para as autoridades uma mudança radical no comportamento da comunidade que em outras ações passadas eram recebidos com barricadas de fogo, pedras e palavrões. Momentos impar para as autoridades, pais que entregaram filhos a bandidos entregam agora para a policia.

Em resumo os bandidos se renderam, as bandeiras tremularam, a ordem no Rio é reestabelecida, resgata-se a autoridade do estado legal, ganha a comunidade, ganha as instituições unidas, ganha o turismo, ganha a copa de 2014 e ganha o Brasil internamente e externamente. Agora não podemos mais abrir a retaguarda, o recado foi dado, que sirva de lição para outros estados onde o crime organizado venha a subjulgar autoridades. Que um novo Rio de Janeiro resurja abençoado pelo seu Cristo Redentor, de braços abertos pela paz. O mundo assim espera.

Lamente se puder

Ed. Alencar ( Ambientalista )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.