21 novembro 2010

Espaço do Leitor - Cultura - Mensagem de Lucieldo Moreira

Lendo hoje o BLOG DO CRATO (21/11/2010), me deparei com várias postagens, acerca de uma polemica gerada na MOSTRA SESC DE CULTURA, entre o Wilson Bernardo (WB) e um cidadão de alcunha SAMUEL, que confesso não conhecê-lo. Bom pelo que deixou a entender o nosso nobre WB, foi proibido de fazer o que mais lhe satisfaz e mais lhe dar prazer, que é o exercício da fotografia. Achei um absurdo, mais tudo bem cabe aos mesmos resolverem isso. Bom agora vou falar de CULTURA pelo meu ponto vista. Segundo Edward Burnett Tylor, antropólogo britânico considerado o pai da Antropologia, define cultura como sendo: “todo este complexo que compreende conhecimentos, crenças, arte, moral, leis, costumes e quaisquer outras capacidades e hábitos adquiridos pelo homem enquanto membro da sociedade.” A cultura é transmitida e se perpetua por duas vias: Endoculturação - Transmissão da cultura de geração para geração.

Difusão cultural - Transmissão da cultura de uma sociedade para outra. A cultura humana é, então, o objeto de estudo da Antropologia. O que mais se destaca na amostra SESC é a difusão cultural, onde na realização do evento é proporcionada uma troca de conhecimentos culturais, onde a nossa cultura é levada e a deles é trazida. Pelo menos isso é o que reza na cartilha, todavia o que acontece na realidade é um total descrédito com o que é nosso e uma super valorização com o que é deles. Sendo isso um fato por demais comum em nossa sociedade local, pois basta o cara chegar aqui arrastando alguns erres em seu modo de falar, que o mesmo é tratado como rei. Ou seja, temos o péssimo habito de valorizar os de fora e desacreditar dos que aqui vivem. Isso é para todas as esferas da sociedade, a mais recente foi na política recém acabada, em que quase que todos nossos vereadores preferiram apoiar político pára-quedista, muito triste isso. Se o cara chega em um banco com sotaque sulista, cordão de ouro no pescoço e tudo mais, ligeirinho o mesmo sai de lá com dinheiro e talões de cheques para dar golpes na praça, enquanto que o correntista fiel, que vez por outra socorre o seu gerente no cumprimento de metas, vive no maior sufoco financeiro sem o menor apoio de seu banco.

Uma palhaçada, mais faz parte de nossa bela cultura... Mais em como toda regra tem sua exceção, eu prefiro ficar do lado da exceção. E se for pra optar entre ARNALDO ANTUNES ou JOÃO DO CRATO, ARIANO SEI LÁ DAS QUANTAS e ARMANDO RAFAEL com suas excelentes postagens, vou optar por JOÃO DO CRATO E ARMANDO RAFAEL. Pois é gente daqui, de nosso convívio, que trazem do berço a verdadeira cultura que precisamos tudo o que eles fazem é direcionado a nossa terra. Falei nesses dois, porque foi o que veio primeiro em minha mente, mais sei que igual a eles existem mais, MANOEL DO JARDIM, ABDORAL JAMACARU, KLEIVAN PAIVA, CACÁ ARAUJO, ANTONIO VICELMO com seu jornalismo inconfundível. Bom isso é cultura, retratar o que é nosso é o verdadeiro baião com piqui, nossas lendas e tradições e não ficarmos submissos ao um bando de forasteiros que aqui chegam, e vão logo se apropriando do que temos de melhor, de nossas riquezas, pois os melhores hotéis e pousadas são destinados para eles e na primeira oportunidade somos surpreendidos por um fato dessa natureza. Por isso que digo, sou cratense, amo minha terrinha e se for para barrar um profissional da terra para adular um fulano de fora, vou optar pelo meu profissional. Estou com você WILSON BERNARDO.

LUCIELDO
CORRETOR DE IMÓVEIS.

2 comentários:

  1. Lucieldo, belo texto, mas comparar Ariano Suassuna com A.R é comparar Jesus Cristo com Mané Buchudo...rsrsrsrs.....

    ResponderExcluir
  2. Discordo de vc Janinha, os 02 são excelentes

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.