16 agosto 2010

Histórias pra Boi Dormir - Tsunami poderá atingir o Litoral Cearense


NE
- Se você está com insônia, ou simplesmente gostaria de um texto "legal", uma curiosidade das mentes mais imaginativas, aconselho essa leitura que me chegou agora via e-mail como se fosse um texto sério. Sério aliás, como toda corrente que vem via e-mail...


Litoral cearense na mira de Tsunami. Ceará pode ser atingido por Tsunami. O fenômeno seria causado por um deslizamento de terra nas Ilhas Canárias. Em até seis horas, ondas de sete metros de altura chegariam ao nosso litoral. Especialista espanhol não arrisca uma data para o fenômeno. O Ceará pode ser uma das próximas vítimas do Tsunami. Ondas de sete metros de altura chegariam ao litoral nordestino em apenas seis horas. O fenômeno não tem data certa para ocorrer, mas tem despertado a atenção de especialistas em todo o mundo.

O Tsunami no Ceará seria provocado por um deslizamento de terra nas Ilhas Canárias, na Espanha. Segundo o chefe de Geociências Marinhas da Universidade de Barcelona, Miguel Canal, a campainha de alerta será quando o vulcão em La Palma entrar em erupção. A última vez foi em 1972. O especialista explica que o Tsunami seria formado pela passagem de detritos do deslizamento que progressivamente escavaria e soterraria o fundo do mar. O trajeto das ondas ganharia maior altura à medida que se aproximasse dos mares oceânicos mais rasos. As ondas se propagam de forma circular. Dessa forma, o fenômeno atingiria, com poucos minutos de diferença, outras regiões, como a Flórida, nos Estados Unidos.

Só que para o Tsunami ocorrer de fato, a velocidade crítica deve ser de aproximadamente 25 metros por segundo e volume efetivo de 17 a 27 quilômetros cúbicos. “Este panorama representa o pior cenário possível ocasionado pelo deslizamento. Afinal, nem todo deslizamento gera uma Tsunami”, avalia. E completa que nada pode ser feito para evitar ou reduzir o fenômeno, já que os deslizamentos de terra tem sido um processo fundamental de evolução da parte oeste das Ilhas Canárias.

Aquecimento global

O aquecimento global pode ser um dos impulsores desse cenário, já que o aquecimento de águas profundas podem gerar deslizamentos subterrâneos e liberação de gases. Atualmente, os Estados Unidos são os únicos a possuírem um sistema de vigilância sobre possíveis Tsunamis. A boia de identificação está instalada no meio do Oceano Atlântico e emite sinais à medida que ocorre o aumento do nível do mar.

O sistema é privado e não está disponível para o Brasil. Caso o Tsunami se confirme no Estado, o coordenador acadêmico do Laboratório do mar (Labomar), Luis Parente, acredita que as barracas de praia e a orla da Beira Mar seriam completamente destruídas em poucos minutos, por exemplo.

PREOCUPAÇÃO PELO MUNDO

As Ilhas Canárias formam uma região autônoma espanhola - desde 1982 - que fica nas proximidades do Marrocos, no Oceano Atlântico. A população é de aproximadamente dois milhões de habitantes. As ilhas mais jovens e com maior atividade vulcânica são El Hierro, La Palma e Tenerife. Essas regiões espanholas possuem evidências claras de deslizamento de terra de idade recente – levando em consideração o tempo geológico. As provas da atividade incluem cicatrizes de deslizamentos nos flancos da ilha, depósitos de detritos nas encostas mais baixas da ilha e turbiditos vulcanoclástica no fundo das bacias oceânicas adjacentes. O último grande deslizamento de terra registrado naquela região ocorreu há aproximadamente 15 mil anos.

A possibilidade de um Tsunami atingir o litoral nordestino brasileiro proveniente das Ilhas Canárias foi objeto de estudo e artigo científico publicado na revista especializada Geophys, com o título “Cumbre Vieja Volcano: Potential collapse and tsunami at La Palma, Canary Island”,elaborado pelos pesquisadores Steven N. Ward e Simon Day.

Texto recebido por E-mail

Um comentário:

  1. O problema do aquecimento global, é de interesse de todos os países do mundo reunirem-se para estudarem um meio de pelos menos amenizar este fenômeno que vem aumentando dia a dia. Mas na verdade, a ambição de todos pelas riquezas naturais, cria a destruição do planeta. Todos os componentes que formam a terra estão sendo afetados pela a teimosia do homem, que mesmo entendendo que está destruindo o meio ambiente, só visam lucros e mais lucros.
    O Brasil por ser dono da maior floresta do mundo, já era para ter criado leis que combatessem o desmatamento. Como poderia ser combatido o desmatamento? As prefeituras, os Estados e o Governo Federal, ao construírem casas populares, deveriam cobri-las com placa de concreto. Todos os elementos de uma laje, não têm vida, e não seria mais necessário morrerem tantas árvores para coberturas de casas. Se o governo criar esta lei para os municípios, Estados e ele mesmo, com certeza, com o tempo, a nação iria copiar o modelo, e cobririam as suas casas com placas de concreto. Fazendo assim, muitas árvores milenares deixariam de morrer. Se o pulmão do mundo que é a nossa floresta deixar de existir, nós humanos também morreremos, por falta de ar, quando o ar é fabricado pelas árvores.O desmatamento florestal é um dos principais que com certeza afeta o planeta, não havendo uma recuperação urgente.

    José Mendes Pereira
    MossoróRn.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.