20 agosto 2010

Cariri Cangaço - PACTO DOS CORONÉIS em Debate - Reportagem - Antonio Vicelmo


ALEGORIA DA reunião do "Pacto dos Coronéis", pintada pela artista plástica de Juazeiro, Assunção Gonçalves - ANTÔNIO VICELMO.

Crato. O "Pacto dos Coronéis", apontado como importante passagem na história do coronelismo brasileiro, foi o principal tema desenvolvido, ontem, pelo "Cariri Cangaço", em Juazeiro do Norte. A programação prossegue, hoje, em Missão Velha, com conferências sobre o cearense Delmiro Gouveia e os coronéis do Cariri. Amanhã, os 200 participantes do Seminário estarão em Aurora para lembrar os 80 anos de passagem de Lampião pelo município. Em 1911, a oligarquia Accioly dava sinais de declínio e as constantes disputas internas enfraqueciam ainda mais o bloco coronelista. Então, em 4 de outubro de 1911, líderes políticos de 17 localidades do Interior cearense se reuniram em Juazeiro para firmar pacto de harmonia entre si e apoio incondicional a Nogueira Accioly. O chamado "Pacto dos Coronéis" tinha também como objetivo acabar com a onda de crimes praticados impunemente na região.

O jornalista e escritor Lira Neto, autor do livro "Padre Cícero, Poder, Fé e Guerra no Sertão", afirma que, na época, os coronéis viviam se digladiando entre si. O encontro foi aberto pelo coronel Antonio Joaquim de Santana, chefe político de Missão Velha que, segundo Lira Neto, "manejava as cordas da viola tão bem quanto o gatilho da garrucha". A presidência da sessão foi repassada para o Padre Cícero Romão Batista, então prefeito de Juazeiro do Norte. Estiveram presentes na reunião e assinaram o pacto, que foi posteriormente registrado em cartório, os líderes políticos de Missão Velha, Crato, Juazeiro, Araripe, Jardim, Santana do Cariri, Assaré, Várzea Alegre, Campos Sales, São Pedro do Cariri (Caririaçu), Aurora, Milagres, Porteiras, Lavras da Mangabeira, Barbalha, Quixará (Farias Brito) e Brejo Santo.

Antônio Vicelmo
Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaborador do Blog do Crato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.