29 junho 2010

Opções ou contradições - Como vencer o medo. - Postado Por: M.Gabriella Federico


“Porque não recebeste o espírito de escravidão, para outra vez estardes com medo, mas recebeste o espírito de adoção de filhos, pelo qual podemos clamar: Pai , meu Pai . O Espírito de Deus, se une com o nosso espírito, para afirmar que somos filhos de Deus. Romanos 8-15,16”.

“Porque Deus não nos deu o espírito de medo, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação. 2 Timóteo 1-7 O medo tem sido a causa de muitas doenças psicossomáticas e de levar muitas pessoas a ruína, em sua vida familiar, profissional e sentimental. Grandes problemas se levantam diante daqueles que são atingidos pelo medo. Se não houver a cura, ela se transforma em fobia, encaminhando a pessoa para a mais grave loucura. Muitos usam como tratamento, medicamentos antidepressivos, tranqüilizantes e outras drogas que agem na mente e amenizam o mal estar. Podemos detectar agindo na vida das pessoas, vários tipos de medo, os quais tiveram origem em problemas que traumatizaram, deixaram marcas profundas na alma , no centro das emoções, e as pessoas convivem com ela . Há medo de animais, medo de altura, medo do futuro, medo das pessoas, medo da morte, medo da solidão, medo da escuridão, medo do ridículo, medo de sentir sede, medo de sentir fome, medo de lugares fechados, medo de desagradar, medo de ofender, medo da incompreensão, medo da desaprovação, medo de ser criticado, medo de ser dominado... Medo e mais medo, uma infinidade, para todos os gostos e tipos de pessoa. Podemos ver que para cada prazer há um oposto. Somos criaturas tricônomas; ou seja formada por corpo, alma e espírito. Em nosso espírito age a intuição, consciência, comunhão. Na alma age a vontade, o intelecto e o sentimento (emoção) - O corpo--- abriga o espírito e a alma e coloca todos eles em funcionamento. O medo não existia no ser humano quando Deus o criou. Foi um sentimento que surgiu quando o homem pecou. Vemos em Gênesis 3-10; a primeira declaração do medo. Até aquele momento ele não sentia medo e não sabia o que era medo, não fazia parte de sua vida ou da sua alma.. E disse :

“ouvi a tua voz soar no jardim, e tive medo, porque estava nu escondi-me.” No momento que Adão pecou, sua alma foi infectada, recebeu o vírus do medo, foi atingido emocionalmente, houve uma cisão no relacionamento e o medo passou a existir, e nem os animais ficaram isento de sentir medo, pois foi estendido para todos os animais da terra. Gênesis 9-2: todos os animais selvagens, todas as aves, todos os animais que se arrastam pelo chão e todos os peixes terão medo e pavor de vocês. Alguns de nossos pais na fé também tiveram medo. Vejamos Jacó : Gênesis 31-31: então disse Jacó a Labão, eu fiquei com medo porque pensei que o senhor ia tirar as suas filhas à força. Em 1 reis 19- 9 a 13 nos fala de Elias se escondendo em uma caverna com medo de Jezabel. Em Mateus 14- 30, nos fala sobre o episódio de Pedro quando Jesus autorizou para que ele andasse sobre as águas, diz: mas sentindo o vento forte; teve medo e começou a ir para o fundo. O medo destrói, o medo mata. Em Mateus 17-6, nos fala da transfiguração de Jesus, quando se ouviu a voz que dizia: este é meu Filho amado em quem tenho prazer, escutai-o, e naquele momento cobriram seus rostos porque tiveram medo. Mas Jesus se aproximando deles os tocou e disse : não tenham medo.”

Em Deuteronômio 2-25 nos fala sobre o medo dos povos.
Em Salmo 91-5 nos fala sobre o medo do terror da noite
Em João 19-38 diz sobre o medo de pessoas
Em Hebreus 2-15 nos fala sobre o medo da morte
Em Ezequiel 1-18 fala sobre o medo do desconhecido
Em Isaias 2-21 fala sobre o medo de Deus
Em Lucas 21-26 nos fala com medo das coisas que virão.
Em Levítico 26-36 nos fala de medo de qualquer coisa.
Em Mateus 6-30, nos fala sobre o medo do futuro.

Deus nos tem chamado para ser seus soldados valentes e corajosos, confiantes, vitoriosos, pessoas destemidasque não tem medo de nada. Em Romanos 8-37, está escrito : em todas estas coisas somos mais que vencedores Quando aceitamos a Cristo como nosso Senhor e Salvador o espírito volta a ser religado a Deus, somos justificado, a justificação ocorre de imediato, em Romanos 5-1, diz que a nossa alma entra num processo de santificação (ela é progressiva} até alcançarmos a glorificação quando entrarmos definitivamente na Glória de Deus.
Por que então ainda sentimos medo ?

Por que o tratamento da alma, a cura definitiva, é um processo que precisa ser realizada por Deus, e somente acontece quando Ele é Senhor de nossa vida. A psicologia moderna diz: o propósito do medo é assegurar a sobrevivência do “eu”, a sobrevivência dapersonalidade. Quando o nosso “eu” domina, o medo tem acesso livre. Por isso é necessário deixarmos Jesus Cristo ser Senhor de nossa vida se quisermos a cura. É o nosso “eu” que dá livre acesso ao medo, deve ser crucificado com Cristo como disse o apóstolo Paulo em Gálatas 2: 20 , “já estou crucificado com Cristo, e vivo não mais eu, mas Cristo vive em mim, e a vida que tenho, tenho no Filho de Deus, o qual me amou e se entregou por mim”.

Enquanto Jesus Cristo não toma o lugar do “eu” você ficará sujeito a sentir medo, e desenvolver o medo. A psicologia moderna diz que devemos aprender a conviver com o medo ignorá-lo e superá-lo, mas a Bíblia diz : não tenham medo, determinando a erradicação completa do medo. A ciência médica diz que o medo gera energia que provoca profundas alterações fisiológicas no corpo. O coração bate mais forte, a pressão sanguínea aumenta, aumenta a quantidade de açúcar no sangue, a digestão se paralisa. Essa energia pode ser destrutiva, pois precisa ser descarregada. A lei da física diz que a energia não desaparece, continua se acumulando, aumentando a sua carga até alcançar tais proporções que causam um efeito destrutivo. Se a analisarmos que o medo produz energia, e se não for eliminado ela se transformará em fobia, medo exagerado, o qual se encaminha para a paranóia e por si só a loucura, não podemos admitir que um cristão genuíno possa estar sofrendo destruição causada pelo medo. Posso assegurar pela Bíblia que o medo tem cura definitiva..medo não se manifesta. O Amor lança fora todo o medo. Você tem fé, mas não pratica o Amor, o medo tem grande oportunidade de se manifestar. A falta de Amor abre portas para a manifestação do medo em sua vida. Aquele que não ama não conhece a Deus e nunca o conheceu, diz o apóstolo João em seu livro ( 1 João 4-8, 20) quem pratica o genuíno Amor não tem medo de nada. Não pode imaginar que as pessoas sempre estejam olhando com reprovação, não guarda rancores ou mágoas em seu coração trazendo marcas em sua alma. Ame o teu próximo como a ti mesmo. Ame teus amigos e vizinhos ao ponto de você não admitir que eles estejam caminhando para a eternidade sem salvação e você não esteja fazendo nada para reverter a situação,. Ame de modo que você veja a necessidade do reino ser anunciado em todas as partes e você seja participante deste empreendimento. Não fique em O segundo alicerce é o Amor. Em 1 João 4-18 diz que no Amor não há medo, onde há Amor o casa trancado com medo, sendo que jesus te convidou e ordenou para você fazer parte da grande comissão: ir e fazer discípulos. Assuma seu lugar de vencedor e que Deus o abençoe.

Publicado em: 18/8/2006
Por: Delmo de Carvalho
Igreja Batista Nacional - Capanema-Paraná

2 comentários:

  1. Gabi, verifique sempre se o tamanho da postagem é adequado para Blogs. Blog é um lugar de textos pequenos.

    Eu preciso te explicar em linhas gerais algumas coisas para você poder postar corretamente no Blog do Crato. E isso serve de guia para que os outros possam diagramar as suas postagens.

    A primeira coisa: Ao pegar um texto de outro site, NUNCA, em hipóteses alguma, copie o texto diretamente do outro site para o nosso. Isso nos causa problemas. É preciso copiar antes para o Bloco de Notas do Windows ( Bloco de notas não é Wordpad nem Word, é bloco de notas mesmo ), isso vai eliminar todos os códigos HTML que a postagem original tenha.

    Em seguida, você precisa revisar o texto, eu vi que até propagandas tinha aí num texto que vc publicou, escrito a palavra publicidade, que no outro site se referia à publicidade que é feita lá, com links e tudo. Havia também até os links de avaliação do outro site, prova de que nem foi revisado.

    Elimine essas coisas, e deixe apenas o texto correto. Todo texto precisa ser lido na íntegra antes de ser publicado.

    Com o texto já limpo no Bloco de Notas, você copiará do Bloco de Notas para o Blog e acrescentará as fotos depois. As fotos, você pode escolher indo ao google, digitando o tema a que pertence o seu artigo, e escolher IMAGENS. O google vai te mostrar inúmeras imagens, escolha a imagem, salve no seu computador, e depois adicione do seu computador ( não da internet ) na sua postagem.

    Revise tudo se está correto mesmo, se não ficou alguma frase estranha, alguma publicidade, alguma coisa fora de lugar. Se estiver tudo certo, publique. Se mesmo depois de publicar, ver que tem alguma coisa errada, é só editar, clicando no lápis que fica ao lado de cada postagem.

    Lembre-se sempre: O nome do autor deve vir no cabeçalho do artigo:
    Por exemplo:

    "O Medo - Por: Gabriella Federico"

    E não no próprio artigo. Você poderá incluir também ao final do artigo. Eu agora consegui corrigir umas 3 postagens suas.

    Abraços,
    Boas Postagens

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.