07 maio 2010

Tudo que o “Financial Times” publica é verdade? Você decide... postado por Armando Lopes Rafael

lula1a


Infraestrutura impede o Brasil de ter um futuro brilhante, diz Financial Times

Uma reportagem do jornal britânico Financial Times publicada nesta quinta-feira coloca em dúvida a possibilidade de o Brasil tornar-se um país desenvolvido. A razão: os problemas de infraestrutura enfrentados pelo país. Em meio ao caos no trânsito das grandes metrópoles, à favelização crescente e à precariedade de aeroportos e estradas, o jornal afirma que “o novo futuro brilhante do Brasil parece ainda estar fora de alcance”. A reportagem coloca em xeque o futuro do país, apesar da crescente procura de investidores e da escolha do país para sediar a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016. "Os planos estão na mesa. A economia está crescendo. Os investidores estão fazendo fila", afirma o diário. "Apesar da confiança depositada no país pelos organizadores dos dois maiores eventos esportivos do mundo, ainda há uma montanha íngreme a ser escalada em termos de colocar a infraestrutura - transportes, hotéis e estádios - em um alto nível internacional antes dos prazos de 2014 e 2016". O jornal cita como exemplo da precária infraestrutura brasileira o desafio de urbanizar, por exemplo, as favelas cariocas “fato que, como lembra a reportagem, ficou claro com a recente tragédia causada pelas chuvas no Rio. Outros sérios problemas que atrapalham o crescimento do país são a melhoria "lenta" dos transportes públicos” o que leva o Brasil a ter mais carros do que suas ruas comportam -, além da falta de uma divisão clara entre o que é responsabilidade da União, dos estados e municípios em relação ao tratamento de água e esgoto. O atraso em importantes obras de saneamento básico e outros projetos que seriam capazes de mudar esse quadro estão parados por causa de "falhas de gerenciamento e do peso da burocracia", além de "ideologias" que atrapalham a discussão sobre o que deve ser privatizado ou mantido sob o controle do governo.

Fonte: Veja On-line

7 comentários:

  1. O que foi que eu falei?

    Olha aí o Ahmadinejad e o Bin Laden ocupando os primeiros lugares...

    BIN LADEN foi a personalidade mais influente da década, teve a coragem de fazer o que antes muita gente pensou e não conseguiu, que foi abalar o Imperio Americano. E tão grande é seu poder que há muitos anos os Americanos procuram o cara com a CIA, o FBI, as Forças Armadas e ninguém consegue achar o local aonde ele se encontra. E para destruir o mundo, basta dizer:

    "Faça-se"

    Esse é um cara realmente influente. Outro é ahmadinejad, que todo o mundo olha com muita atenção. Uma pessoa que tem o controle sobre armas nucleares de destruição em massa. O que ahmadinejad diz, sai na primeira página do New York Times.

    Lula ? Dá pra se conformar em ser um "puppet" das reuniões internacionais, se achando o maior político da terra e brincando de estadista. Vamos encher a bola desse coitado, pra ele pensar que manda no mundo...

    Agora, uma coisa ninguém pode tirar do Lula: De todos os Presidentes do mundo, ele é sem dúvidas, o maior contador de Piadas, Anedotas e suas metáforas vão render ainda um Best-Seller. Ele é tão presunçoso que se acha em pé de igualdade ao Presidente dos Estados Unidos em Poder, e de formar alianças com o presidente do Irã contra o resto do mundo. Eita Diabo, Danou-se !!!

    Cuidado, Jacaré, quando a lagoa secar, quero ver como vai ficar, quando a carruagem da Cinderela voltar a ser Abóbora!

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  2. O Brasil só vai alavancar, quando os estados entenderem de vez que para sua prosperidade, tem que enterrar de vez as siglas PSDB e DEM, essas é que trazem há décadas esse fruto estragado e que hoje estamos replantando para num futuro próximo colhermos frutos saudáveis e acessíveis a todos. Exemplo é o estado de Pernambuco, deixou de lado a máquina ultrapassada, oligarca, latifundiária e protecionista dos "ricos" sobrenomes: macieis, mendonças,vaconcelos,magalhães,krauses...cruzes credo, que geriam esse estado, entra o PT e o PSB,e simplesmente o estado alavancou como nunca antes. Então, entenderam!
    Publique-se e cumpra-se essa idéia que em breve esse antigo caos posto por vocês defensores da política dos sobrenomes, dará lugar ao emprego, educação, crecimento, estabilidade, pespectiva e acima de tudo cidadania, pois quem passa a ser incluido na sociedade como 30 milhões na era Lula, enxergará o real gosto do fruto chamado inclusão social. Oportunidade essa posta pelo mundialmente respeitado operário e, onde o famoso socialista não foi capaz.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. É isso aí, Calazans.
    Você tem razão!
    Felizmente a ética, a honestidade e a competência tomaram conta do nosso Brasil. A bem dizer, o Brasil foi redescoberto a partir de 2003.
    Desde aquele ano estamos colhendo “os frutos saudáveis e acessíveis a todos”.
    Vamos, portanto, substituir esses sobrenomes por você citados (“macieis, mendonças,vaconcelos,magalhães,krauses”) – bata na mesa 3 vezes para espantar os maus fluídos– e troquemos por outros, que representam o verdadeiro espírito público, o amor desinteressado à Pátria e que nunca foram indiciados em processos de corrupção...
    Que no lugar dos nomes sugeridos para substituição (bata outra vez na madeira e diga “estão amarrados em nome do Senhor Jesus” ) entrem nomes que estão “alavancando” o progresso do Brasil como: José Sarney, Renan Calheiros, Jader Barbalho, Romeu Tuma Júnior, João Vaccari Neto, José Dirceu, José Genoino, Delúblio Soares, Silvinho, Luiz Gushiken, João Paulo Cunha, Marcos Valério, Professor Luizinho, José Nobre Guimarães, Valdemar Costa Neto, Jacinto Lamas dentre tantos e tantos outros.
    Xô “macieis, mendonças,vaconcelos,magalhães,krauses”!
    Viva os novos nomes que estão servindo de exemplo às futuras gerações de políticos do Brasil!

    ResponderExcluir
  4. Armando, uma verdade incontestável. Mas sempre aparecerá alguém a defender a lista dos "aloprados". Você vai ver que aparecerá.

    Abraços,

    DM

    ResponderExcluir
  5. To vendo esses 4 "não gostei" aí e pensando cá com meus botões sobre as pessoas que marcaram assim devem estar pensando:

    "Não Gostei. Oh, Armando, pra que você veio trazer essa verdade tão inconveniente logo agora ? Não gostei..."

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Realmente Pernambuco tem avançado. Jarbas deixou tudo encaminhado. Praticamente todas as obras do atual governo foram inciadas no governo de Jarbas, que inclusive saneou as contas do estado quebrado na gestão anterior.Quase todas as grandes obras em PE são em SUAPE que foi construído graças aos macieis, jarbas, Krauses,etc. Claro que Eduardo Campos tem muitos méritos, inclusive o prestígio de LULA que tem banhado o estado de investimentos. Lá sim ele vai e inaugrua obra. No ceará ele vem e lança "pedra fundamental" que não sai do papel. Imagine agora o prestígio dele após detonar a pretenção de Ciro Gomes de ser candidato a presidente. Aliás aqui vale o refrão, você abusou, tirou partido de mim, abusou...!

    ResponderExcluir
  7. Jesus não tem nada haver com isso: barbalhos, sarneys, genuínos, collors, guimarães...são crápulas da mesma forma. A questão é outra, vocês sabem...

    Abraço fraterno.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.