24 fevereiro 2010

Obama e seus mercenários! - Por: Janinha


Novo ato de provocação norte-americana em Havana.

Por Robson Luiz Ceron

Novamente a verdadeira face do poder ianque apresenta-se. Embora todas as promessas do atual governo, a realidade demonstra que a parcela de poder que reside nas mãos do presidente norte-americano, Barack Obama, é reduzida. Os organismos de poder estadunidenses – oficiais e extra-oficiais -, inimigos da Revolução Cubana, continuam manejando ações contra a Ilha.

Foi o que ocorreu nesta última semana, quando mais uma vez, um grupo de traidores mercenários anexionistas cubanos – os gusanos – foi chamado e transportado até o Escritório de Interesses dos EUA (SINA), em Havana, para, com certeza, tratar de continuar as ações contra-revolucionárias.

Desta vez, os mercenários (entre os mais conhecidos são Martha Beatriz Roque, Vladimiro Roca, Félix Bonne e Oswaldo Payá) foram convocados pelo Subsecretário de Estado para Assuntos do Hemisfério Ocidental, Craig Kelly, que chefiava uma delegação ianque, que estava em Havana para conversações com o governo cubano acerca de imigração.

Como relatado pelo blogueiro revolucionário cubano, M. H. Lagarde (cambiosencuba), os mercenários que estiveram presentes – notoriamente financiados pelos EUA – são pessoas que vivem da contra-revolução. De tal forma que não lhes interessa o fato do ilegal e cruel bloqueio norte-americano prejudicar o povo cubano desde de 1959; não lhes interessa a normalização das relações estadunidenses/cubanas; não lhes interessa que os cubanos e cubanas estejam bem. Para eles, quanto pior, melhor. “Sus bolsillos es lo único que les importa a tales ‘personajes’”, resumiu Lagarde.

Porém, têm “quebrado a cara” desde de 1959, pois contra o mau-caratismo e a mesquinharia de seus atos, insurgem-se diversos fatores, sendo que a Consciência de Cubanidade – necessariamente revolucionária – o mais importante deles.

Participarão da reunião, além dos contra-revolucionários cubanos e das autoridades ianques, outros aliados dos EUA europeus, empenhados no mesmo desejo frustrado.

O ato de chamar e transportar seus “funcionários” gusanos demonstra que a contra-revolução permanece viva e em ação em Cuba, sendo um constante desafio à Revolução. Se Obama sabe ou não, pouco importa: os nossos inimigos estão no lado dele.

Fonte:http://www.vermelho.org.br/blogs/outroladodanoticia/?p=22060

Postado por: Janinha


14 comentários:

  1. Obama é o cara! Ele está mais do que certo.

    ResponderExcluir
  2. Por gentileza, Janinha, quando postar algo, coloque no título:

    Postado por janinha

    bem como ao final da postagem. As idéias e opiniões devem sempre refletir o pensamento daqueles que postaram. E nos agregadores de mensagens, deve sempre aparecer quem é o postador da mensagem.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  3. Nessa postagem, eu já corrigi. Peço para as próximas.

    DM

    ResponderExcluir
  4. Posso até mudar pros EUA. Mas pra Cuba, NUNCA!

    ResponderExcluir
  5. Janinha:
    Quem devia se mudar era você: PARA CUBA!

    Afinal, você é a maior admiradora – nestas bandas do Cariri – da mais antiga e sanguinária ditadura do continente americano: a Cuba stalinista-leningista da dinastia da família Castro.
    Só esta semana você postou duas chatas matérias sobre a ditadura cubana.
    Apenas umas “coisitas” minha querida Janinha:
    Para viver “bem” na ilha-prisão – verdadeiro inferno para seus habitantes – você vai ter de abrir mão da Internet, que é vigiada pela ditadura e sites que são contra o regime são censurados. Também os jornais são controlados pelo Governo e o número não chega a quatro.
    Peça a Deus ( se é que você acredita na existência de Deus) para nunca adoecer, pois no “paraíso” que é a ilha-masmora” (onde morreu esta semana mais um mártir da liberdade) quem se interna em um hospital “estatal” (abaixo a privatização!) em busca de cura para suas doenças tem que levar travesseiro, lençol, comida e até agulha e linha para suturas...

    ResponderExcluir
  6. Tem mais, Janinha, você ainda faria uma ação pioneira, ao se mudar para a ilha-cárcere. Pois é de domínio público, visível e inegável (nem podemos dizer que é coisa do “ PiG”) pois o número de pessoas que fogem da ilha de Fidel em direção aos Estados Unidos em embarcações precárias, correndo o risco de morrer em alto mar, em busca de uma vida melhor, com mais oportunidades já representa 20% da população cubana.
    Só na Flórida vivem mais de 2 milhões de refugiados cubanos. Ninguém voltou até hoje, no que se constitui a maior diáspora dos tempos modernos.
    Se o regime de Fidel fosse bom haveria o contrário, uma avalanche de gente querendo entrar no país para trabalhar e levar sua vida, principalmente médicos. Mas lá o salário de um médico é de 60 reais, isso mesmo sessenta reais!
    Já por aqui, um bando de admiradores da ditadura dos Castros – principalmente nas universidades públicas e filiados a partidos nanicos da esquerda jurássica – vive a derramar elogios ao regime de partido único há 51 anos no poder, onde a escravidão é mantida pelas baionetas. A mais longeva ditadura das Américas!
    Sem falar nos aduladores que, vez por outra, dá uma voltinha, para um beija a mão de Fidel (mãos ensanguetadas por cerca de 30 mil cubanos fuzilados no paredón muitos prisioneiros de consciência) onde falta alimentos e sobra prostituição, como faz o subserviente presidente Lula, co-responsável pela violação dos direitos humanos na ilha-calabouço...

    ResponderExcluir
  7. A fome em Cuba é uma realidade diária. Antes de viajar para a ilha prisão, nosso presidente Lula ordenou a Conab-do Rio Grande do Sul que enviasse 19,4 mil toneladas de arroz, a partir do Porto de Rio Grande para Havana. Isso servirá para amenizar a fome do povo cubano. A ditadura dos irmãos Castro ainda receberá 405 toneladas de leite em pó, 2 toneladas de sementes.
    Aos defensores da ditadura sanguinária seria bom (quando nada) passar uma temporada por lá. Afinal, aqui vivemos num capitalismo cruel.Pena que a nossa esquerda é a mais falsa e incoerente do mundo, pois é comum ver os defensores da fome dos cubanos se abastecendo no Supermercado São Luís, no Shopping Cariri, bebendo whiski escocês, andando em carros novos ( nem se lembram das sucatas da década 50 que circulam pelas ruas de Havana).
    Povo cubano...vida de gado!
    enquanto os governantes cubanos e sua patota vivem como nababos, tendo tudo do bom e do melhor que o dinheiro pode comprar, enquanto torturam os dissidentes e matam o povo de fome, e, ao lado isso, incentivam a prostituição para angariar os dólares e matando seu povo de fome....

    ResponderExcluir
  8. O Armando Rafael disse tudo! Faço minhas as suas palavras, meu caro.

    Cuba é bom? Se muda pra lá, Janinha.

    ResponderExcluir
  9. rsrsrs,tomou doril?Que ditado antigo, assim como algumas idéias...teria tanto pra falar, pra comentar, não discordo plenamente do Armando Rafael,não aprecio radicalismo, sempre leio os textos que ele posta, mesmo não concordando com as idéias é inegável como ele as defende bem,ora, por vezes consegue "diminuir" todas as atrocidades que a igreja Católica praticou,consegue exaltar a monarquia e nos fazer viajar a um mundo que só nos livros de conto de fadas seria tão bom,ele é um dos escritores que admiro,sempre leio os artigos, admiro tambem José Flávio, e esse já pensa em muitas coisas parecido comigo, do Dihelson(genial), Darlan, brilhantes!
    Eu não defendo 100% o regime do Fidel(inclusive esse é o nome de meu irmão mais velho, vem de família então minha admiração), mas sei que muito do que se divulga é mentiroso, acreditar que o povo cubano aceita essa "ditadura" desde 1959 é menosprezar a inteligência de toda uma nação, pois se acabamos aqui no Brasil com a ditadura militar, o nazismo também foi extinto na Alemanha, mesmo sendo Hitler o maior manipulador da história, por que só o povo cubano se submateria a tal "escravidão" por tanto tempo?
    Óh meus caros, procurem saber em que condições vivem os cubanos fugitivos da ilha no tão sonhado reino encantado que são os Estados Unidos,não sou a favor da censura, NUNCA, mas acham mesmo que temos liberdade de imprensa no nosso país?que nossa mídia não é tendenciosa?É assunto que poderia render um blog inteiro, então vamos agir de forma coerente, cada um acredita no que sua mente alcança, quem sabe a minha não seja inferior?

    ResponderExcluir
  10. "Isso servirá para amenizar a fome do povo cubano. A ditadura dos irmãos Castro ainda receberá 405 toneladas de leite em pó, 2 toneladas de sementes."
    Porque será que existe tanta fome em Cuba, quem faz o bloqueio?

    "você é a maior admiradora – nestas bandas do Cariri – da mais antiga e sanguinária ditadura do continente americano: a Cuba stalinista-leningista da dinastia da família Castro."

    Confesso que sou uma das maiores admiradoras, mas com certeza não sou A maior, tem muito "ignorante" como eu, rsrsrs, que aprecia e defende Fidel!

    "Peça a Deus ( se é que você acredita na existência de Deus)"
    Eu só não acredito no "deus" que edificou sua igreja em cima de venda de indulgências, tem seus representates envolvidos em casos de pedofilia,foi uma das maiores senhoras de escravos,omissa diante do massacre aos judeus, que defende o não uso da camisinha,e foi responsável pela SANTA Inquisição, na tentativa de conversão para os infiéis...cruzes!

    "Só esta semana você postou duas chatas matérias sobre a ditadura cubana."

    A impressão que me foi passada pelo blog é de espaço livre, desde que cada um se responsabilize pelas suas postagens, enquanto é chato para o Sr. ler sobre o regime cubano, para outros, como eu, é prazeroso, julgo chato exaltar igreja católica e monarquia, mesmo assim leio seus artigos e reflito sobre eles!

    ResponderExcluir
  11. Se CUBA fosse tão boa, não existiria ninguém querendo fugir de lá e sendo baleada por tentar escapar!

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.