28 dezembro 2009

Obras do governo Cid Gomes ficaram para 2010

Assim como as promessas de fim de ano, 2009 ficou para o ano que vem. Coincidência ou não, boa parte das grandes obras que marcarão o jeito Cid Gomes (PSB) de governar estarão concluídas - assim está prometido - em 2010: ano em que o governador deve buscar a reeleição. E é quando os cearenses devem questionar até onde foram de fato as ações.

Mesmo propagandeando resultados de sua gestão, Cid preferiu ser cauteloso quanto à avaliação que fez de seu próprio Governo. ``Eu tenho de ser disciplinado. Nós temos muita coisa para fazer. Nós temos muito desafio e eu sou rigoroso. Eu, comigo mesmo, dou nota 5, e fazendo um favor``, disse o governador. Ao reconhecer que tem ``muito o que fazer``, de qualquer forma, ele não está lançando mão do artifício da falsa modéstia.

As ações que são apostas como trampolim para o salto no Governo e na economia cearense ainda estão um pouco longe da realidade. Como as de preparação do Porto do Pecém, para receber as obras da Refinaria Premium II da Petrobras e da Siderúrgica, além do Acquario Ceará e do Centro de Feiras e Eventos, em Fortaleza. O saldo até aqui pode ser percebido não só a partir das chamadas obras estruturantes, mas também de ações em setores bombardeados pela oposição, como o da Segurança Pública. Com exceção do programa Ronda do Quarteirão e da construção de dois presídios, várias ações ficaram para 2010.

Para 2009, estavam previstas 15 delegacias e, segundo a Casa Civil, nove foram inauguradas. No total, a promessa é de que sejam 50 novas delegacias até o fim do primeiro mandato de Cid. Além disso, a Academia de Polícia, o Instituto de Perícia e a Divisão de Homicídios também estão previstos para primeiro semestre de 2010. Na saúde, os prometidos e esperados hospitais regionais de Juazeiro do Norte e do Cariri, além das 21 policlínicas, só devem mesmo sair do papel no ano que vem. Dos 16 Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) estipulados, apenas cinco terminarão o ano construídos.

Na área social - principal mote do Governo Lula (PT) -, 2010 também deve registrar a principal ação do Estado nesse sentido. A urbanização das margens dos rios Maranguapinho e Cocó - onde estão moradores das chamadas áreas de risco - podem vir a ser um trunfo de Cid. As obras referentes ao primeiro rio estão prometidas para o final de 2010, enquanto as do segundo correm o risco de nem sair até lá. Outra promessa é de que 50 novas escolas profissionalizantes estejam funcionando até o final do próximo ano. Por enquanto, tudo ainda é promessa. Mas, pelo visto, está funcionando. Conforme pesquisa Datafolha, divulgada no último dia 22 pela Folha de São Paulo, Cid lidera todos os cenários de disputa ao Governo do Estado & chegando a quase 50% em pesquisas estimuladas, onde os nomes dos candidatos são apresentados aos eleitores.

Agora, o desafio de Cid é conseguir manter a liderança nas pesquisas e o andamento das obras. Nas páginas seguintes, veja mais do ano de 2009 e as perspectivas para 2010, em busca do "salto" no desenvolvimento prometido para o Ceará.

NÚMEROS

3.800
NÚMERO DE OBRAS DO ESTADO EM ANDAMENTO ATUALMENTE

802
LICITAÇÕES DO GOVERNO CID GOMES ESTÃO EM ANDAMENTO

5.657
PROCESSOS DE LICITAÇÃO FORAM CONCLUÍDOS ATÉ OUTUBRO DE 2009

2,9 BI
DE REAIS É O VALOR PREVISTO DAS NOVAS OBRAS LICITADAS

5,9 BI
DE REAIS FORAM CONTRATADOS EM OBRAS LICITADAS ATÉ ENTÃO

3,6 BI
DE REAIS JÁ FORAM APROVADOS EM EMPRÉSTIMOS DESDE 2007

Por Giselle Dutra/ O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.