02 novembro 2009

Já chega a 19 o número de mulheres mortas este ano na região do Cariri



Dezenove mulheres tombaram mortas somente este ano na região do Cariri. Foram cinco em Juazeiro do Norte, duas em Crato, duas em Campos Sales e outras nos municípios de Mauriti, Antonina do Norte, Jardim, Penaforte, Cedro, Nova Olinda, Brejo Santo, Missão velha, jati e Potengi. A matança de mulheres este ano já supera o total de 12 mortas em 2008; dez em 2007, dezoito em 2006; e se iguala ao ano de 2005 quando 19 mulheres foram assassinadas.

Confira a relação das mulheres que foram vítimas de mortes violentas, sendo a grande maioria por motivos passionais:


11/01/09 – Maria Lucineide Pereira de Souza, 39 anos, foi morta com um tiro nos peitos juntamente com seu filho quando vinham de uma festa no Sítio Canabravinha, município de Mauriti.

09/02/09 – Jaqueline Ferreira de Oliveira, 25 anos, morreu em um açude no Sítio Cachoeira, no município de Antonina do Norte

27/02/09 – Cleide de Farias Gadeas, 35 anos, foi morta com sete golpes de faca desferidos pelo seu esposo e débil mental Rubens da Silva Gadeas, no Bairro Muriti, no município de Crato.

14/03/09 – Ana Cristina Vieira, 24 anos, foi morta a facadas no município de Jardim pelo seu esposo, Josiano Borges do Nascimento, de 26 anos.

21/03/09 – Maria das Dores, 43 anos, foi morta a facadas na Vila Noá, município de Penaforte pelo seu esposo identificado apenas como Cícero.

23/03/09 – Maria das Graças Vitorino da Silva, de 23 anos, foi estrangulada e morta pelo ex-esposo, o vigilante Francisco Francier dos Santos Leite, de 35 anos, no Sítio Catolé, município de Cedro.

29/04/09 – Maria Lediane Soares Silva, de 26 anos, foi morta com três tiros de pistola 380 no Bairro Santa Tereza em Juazeiro do Norte. Seu esposo e presidiário, “Júnior Branco” a colocou como escudo para se livrar da morte.

08/05/09 – Cícera Jaqueline, 17 anos, foi encontrada em uma forca em sua casa e com vários hematomas no copro, além de fraturas, no município de Nova Olinda. O principal acusado é o seu esposo Jonatan Lira, 22 anos, o “Júnior”, que foi preso, mas negando.

25/05/09 – Cristina da Silva Nascimento, 36 anos, foi morta com 2 tiros de revólver pelo seu ex-marido, “Galdino”. O Crime aconteceu na residência do Casal na Rua São Bento, 1436 (Bairro Franciscanos) em Juazeiro do Norte.

09/06/09 – Maria Madalena dos Santos, de 54 anos, morreu queimada no quintal de sua casa na Rua Frei Ibiapina, 541 (Bairro Timbaúbas) em Juazeiro do Norte, após uma bebedeira. O Acusado é o seu marido José Cícero da Silva, de 52 anos

21/06/09 – Maria Lima de França, de 72 anos, morreu no hospital Santo Inácio de Juazeiro do Norte, após o genro Cícero Farias de Oliveira, de 32 anos, atear fogo na sua casa na Rua Todos os Santos (Bairro João Cabral).

08/07/09 – Ana Lúcia Fernandes de Souza, de 34 anos, foi morta com seis tiros em sua casa na Rua Neusa Santana (Bairro Araujão) no município de Brejo Santo por dois homens que trafegavam em uma motocicleta.

13/08/09 – Rita de Cássia da Silva, de 30 anos, foi morta com um tiro de espingarda em sua casa na Rua 21 de junho, 555 (Bairro Poço) no município de Campos Sales pelo seu amante Joaquim João da Silva, de 34 anos, que foi preso.

16/08/09 – Edilânea Gomes Thomas, de 25 anos, for morta com seis golpes de faca em sua casa no Sítio Santa Rosa, no município de Crato pelo seu amante Janoel de Oliveira, de 21 anos. Ela havia saído para um velório e quando retornou foi assassinada.

22/08/09 – Maria Aparecida da Silva Tarso, de 27 anos, morreu no Hospital Santo Inácio. Ela foi internada no dia 5 de agosto após ser esfaqueada em sua residência, na Rua do Rosário (Bairro do Socorro), em Juazeiro do Norte, por seu irmão adotivo.

14/09/09 - Maria do Rosário Pereira Ramos, de 42 anos, agricultora, foi morta a golpes de faca enquanto lavava roupas no quintal de sua casa, na Rua José André Gomes, 229 (Bairro Maternidade), Missão Velha. O autor foi seu esposo, Cícero Jean Silva Gomes, 30 anos, que fugiu em sua moto, mas foi preso depois.

19/09/09 – Ranieri Paulino Barros, de 19 anos, foi morta a tiros de revólver em sua casa no Sítio Balanças no município de Jati. O autor foi o seu ex-companheiro Jeison Gonçalves Santos, de 30 anos, que veio de São Paulo mata-la.

03/10/09 – Aureliana da Silva Santos, de 23 anos, foi morta asfixiada com uma camisa pelo seu amante Antonio Jackson da Silva, 19, dentro de sua casa na Rua Santa Luzia, 245 (Bairro Aparecida) no município de Campos Sales.

03/10/09 – Maria Aparecida da Silva, de 32 anos, que morava na Vila Padre Cícero, zona rural do município de Potengi, foi morta a tiros por um homem que esteve em sua casa e fugiu numa moto.

Fonte: Miséria

2 comentários:

  1. Esse histórico de tantas barbaridades, macula a imagem do Ceará, e mostra o quanto a impunidade turbina essa saga assassina. Crimes como esse de Jaqueline Ferreira em Antonina, com identificação de possível autor, fica ao sabor desse clima de desmoralização da justiça, que nada acrescenta para o recrudescimento de prática tão nefasta.
    Até quando teremos esse clima de paternalismo e protecionismo, navegando no meio da esfera judicial.
    A população espera uma resposta imediata, nessa barbárie que tanto nos incomoda, e nos fere.

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente essa é a realidade !

    Enquanto o homem ainda ver a mulher como posse , como territorio nada mudara

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.