01 agosto 2009

Conservação do Geopark é meta de pesquisadores


Geotope exu, no Portal de Santa Cruz, no município de Santana do Cariri, uma parte da Bacia do Araripe, situado a uma altitude de 750m (Foto: Cid Barbosa)

Novas estratégias de conservação do Geopark Araripe estão em andamento, por meio de ações educacionais

Juazeiro do Norte. Um momento de encontro com a comunidade científica brasileira e pesquisadores do Geopark Araripe aconteceu durante workshop, na Universidade de São Paulo (USP). O trabalho, realizado na última semana, faz parte de uma ampla atividade de divulgação e participação em eventos de cunho científico. O evento teve como enfoque a "Estratégia de Geoconservação e Projetos de Educação". Do Estado do Ceará, estiveram presentes pesquisadores, dando maior enfoque científico, e representantes do Governo do Estado, que atualmente estão trabalhando no processo de reestruturação das áreas que compõem os nove geosítios na região.

Segundo o gerente do Geopark Araripe, Francisco Idalécio Freitas, dentro desse processo também vem sendo desenvolvido um projeto de educação, envolvendo estagiários de cursos da Universidade Regional do Cariri (Urca), gestora oficial do projeto. São estudantes universitários de cursos como Geografia, que estão sendo capacitados para levar ao conhecimento de alunos de escolas públicas o que é o Geopark. Isso dentro de uma linguagem acessível.

Estudantes de vários municípios estão envolvidos no projeto, a exemplo das cidades de Assaré, Brejo Santo, Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Iguatu, Quixelô, entre outras cidades. "Temos procurado envolver ao máximo a comunidade, no sentido de levar o conhecimento desse projeto", diz ele.

Na manhã de ontem, foi realizada reunião do Comitê Multidisciplinar do Geopark Araripe, com o reitor da Urca, Plácido Cidade Nuvens. Durante a reunião foi comunicada a criação e formação de um Conselho de Gestão, que terá uma função do ponto de vista administrativo, com diretorias específicas. Segundo Idalécio, a finalidade desse trabalho está em dar continuidade aos procedimentos exigidos pela Unesco, que virá no próximo ano fazer uma avaliação de como se encontra o Geopark Araripe, que obteve o selo de reconhecimento da entidade internacional.

Idalécio destaca as participações importantes que o Geopark Araripe vem tendo em grandes eventos no Brasil. Ele exemplifica o trabalho desenvolvido na I Mostra Nacional de Desenvolvimento Regional, realizada em março na Bahia, em que houve um destaque para o projeto, por meio do Ministério da Integração Nacional.

Um espaço de mais de 100 metros quadrados foi destinado à exposição do Geopark Araripe, evidenciando o projeto para o País. A Mostra teve como principal objetivo reunir e mobilizar os segmentos empresariais e as principais instituições governamentais e não governamentais na construção de um espaço de debate e aprimoramento das políticas públicas, no estímulo ao desenvolvimento da região, além de oferecer a oportunidade de visita à mostra demonstrativa a todos os participantes.

Outro ponto importante destacado por Idalécio de Freitas está sendo a conclusão dos relatórios sobre o diagnóstico do Geopark Araripe, feito por uma equipe formada por vários profissionais, já que envolve questões relacionadas aos aspectos econômicos, geográficos, histórico-sociais, cultural, educacional, topográfico, geológico e paleontológico, dentre outros. O trabalho foi iniciado há cerca de dois meses e era imprescindível para dar encaminhamento a outros projetos, inclusive de estruturação das áreas com os nove geosítios integrantes.

Com esse diagnóstico foram levantadas as características de cada geosítio. Conforme Idalécio, com essas informações, podem ser delineadas ações para a produção de trabalhos direcionados aos três pilares do projeto:geoturismo, geoconservação e também geoeducação.

Mais informações:

Escritório do Geopark Araripe
Teófilo Siqueira, 712, Centro
Crato - CE
Telefone (88) 3102.1237


ELIZÂNGELA SANTOS
Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaboradora do Jornal Chapada do Araripe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.