04 junho 2009

GEOPARK ARARIPE - Programa iniciará avaliação de geotopes

Geotope Arajara, Parque do Riacho do Meio, formação Arajara, parte da Floresta Nacional do Araripe (Foto: Cid Barbosa). Crato. O Programa Geopark Araripe irá iniciar, no próximo domingo, o diagnóstico dos nove geotopes, distribuídos em seis cidades da região. O trabalho de levantamento da situação atual desses locais será feito por meio de uma equipe multidisciplinar, coordenada pelo arquiteto José Sales, e composta de paleontólogos, geólogos, biólogos, geógrafos, sociólogo e historiador, além de técnicos e fotógrafos. O programa está passando por um processo de fortalecimento nas áreas da pesquisa e divulgação, além da efetivação do Programa Geopark nas Escolas. Em princípio, dez estudantes do curso de Geografia da Universidade Regional do Cariri (Urca), gestora oficial do programa, estão realizando capacitação e treinamento para levar estágios de 300 horas aos estudantes de escolas públicas municipais e estaduais de várias cidades como Jardim, Crato, Juazeiro do Norte, Missão Velha, Assaré, Nova Olinda, Santana do Cariri, além de Quixelô e Iguatu. A doutora em Paleontologia, Helena Hessel, passou a integrar o quadro do Geopark Araripe e vem realizando vários trabalhos de atualização no campo da pesquisa. Um dos dados que, segundo ela, precisa ser corrigido é em relação ao geotope Missão Velha, que foi classificado como do período Devoniano. “A classificação, na verdade, não está correta. São 35 milhões de anos a mais, o que corresponde ao período Ordoviciano”, esclarece.

Ela anuncia a conquista de um curso de Especialização em Paleontologia e Geologia Histórica, oferecido por meio de convênio entre a Urca e a Universidade Federal do Ceará (UFC), aprovado pela Fundação Cearense de Apoio Científico e Tecnológico (Funcap) no mês passado. As inscrições serão iniciadas em julho. As mensalidades serão R$ 50,00. O gerente do Geopark Araripe, Idalécio de Freitas, diz que esse é um momento favorável para o desenvolvimento de ações que vinham sendo planejadas por meio do Geopark Araripe, até porque várias questões financeiras foram resolvidas, a exemplo do contrato da nova sede, que teve de ser publicado no Diário Oficial. Também foi definida uma verba de manutenção das instalações, no Crato, no valor de R$ 2 mil, o que vem facilitar o andamento de trabalhos na própria sede.

Mais informações:

Escritório do Geopark Araripe
Rua Teófilo Siqueira, 712
Centro
Crato-CE
(88) 3102.1237


Reportagem: Elizângela Santos

Fonte: Jornal Diário do Nordeste -

http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=643711

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.