03 fevereiro 2009

Vinde a mim... - Por: Dr. José Flávio Vieira

Verona - Pedofilia em instituto católico para surdos-mudos
Ex-alunos acusam padres de violação

O Instituto Antonio Provolo de Verona, modelo da caridade da Igreja Católica, está no centro de um escândalo de pedofilia que se arrastou durante décadas. Cerca de 70 antigos alunos da instituição, pertença da Congregação da Companhia de Maria para a educação de surdos-mudos, romperam esta semana a cortina de silêncio para denunciar os abusos sexuais sistemáticos que sofreram às mãos de sacerdotes e laicos da instituição. Os testemunhos dos ex-alunos, hoje com idades entre os 40 e os 70 anos, referem os nomes dos responsáveis, entre eles 25 sacerdotes. Um dos implicados é o já falecido Giuseppe Carraro, bispo de Verona (1958 a 1978) actualmente em processo de beatificação. Bruno, uma das alegadas vítimas, era conhecido como "o belo". Afirma ter sido sodomizado entre os nove e os 15 anos, no final dos anos 50. Numa carta de denúncia lembra o encontro com Carraro. "Dois padres levaram-me ao palácio episcopal e deixaram-me a sós com ele. Era 1959. Tinha 11 anos. Sodomizou-me e tentou fazer outros jogos sexuais. Foi terrível". Mas essa não foi a primeira nem a última experiência traumática de Bruno. "Desde os três meses após a entrada no Instituto e até ao último ano fui objecto de atenções sexuais". Depois dá os nomes de 16 sacerdotes que o terão sodomizado, quase todos envolvidos em abusos semelhantes com outra crianças. Para lá das violações, os alunos eram forçados a masturbar os sacerdotes, a sós ou em grupo, e eram submetidos a outras humilhações e maus tratos. A ameaça era a arma usada para submeter os mais rebeldes. O bispo de Verona, Giuseppe Zenti, considera as denúncias fruto de "alucinações". Refere ainda uma alegada chantagem da associação de surdos, que terá inventado as calúnias para se vingar depois de a congregação não lhes ter cedido um local para reuniões.

F. J. Gonçalves *com agência
Da "Folha da Manhã"

Postado por: Dr. José Flávio Vieira

8 comentários:

  1. Prezado Zé Flávio,

    Como além de católico és um estudioso da Igreja Romana, respeitosamente, sem que pretendamos causar qualquer polêmica, mas, sim, objetivando tão somente a busca dos necessários esclarecimentos para um fato que, como católico (embora não praticante) julgamos por demais insólito e, queremos crer, desconhecido pela maioria dos seus fiéis, apreciaríamos que você nos confirmasse se, realmente, a Igreja teria sido dirigida, entre os anos 855a 857 (durante dois anos, um mês e quatro dias), por um “Papa-mulher”, ou uma “Papisa”, na verdade Joana L’Anglois, de ascendência inglesa, mas nascida em Mentz, na Alemanha, em 817.
    É que no livro que nos foi indicado pelo Elmano Rodrigues Pinheiro, um dos freqüentadores do blog (“Dos porões sombrios do Vaticano... 30 papas que envergonharam a humanidade”), já em nosso poder, todo um capítulo é dedicado ao tema.
    Por favor, insistimos e rogamos, não entenda como desrespeito ou polemismo.

    ResponderExcluir
  2. Caro Nilton,

    Existe , a meu ver, alguma polÊmica no que tange à Papisa Joana. Vou investigar um pouco mais e depois te direi com mais segurança.Interessante é que o Carraro está em p´rocesso de beatificação e o Pe Cícero em Reabilitação... vá lá se entender uma coisa dessas

    ResponderExcluir
  3. "Reabilitação" que, conforme sugerimos em nosso artigo, deverá evoluir para a "beatificação" e, ao final, para a própria "santificação"
    (não sabemos qual a evolução da gradação da Igreja).
    Mas, certo é que o poder político e o midiático normalmente não entram num embate desses gratuitamente, sem bala na agulha.
    Ambos são bem cacifados e... insistentes.
    ***************

    A lamentar, a morte de onze romeiros e dezenas de feridos que voltavam da perigrinação.

    ResponderExcluir
  4. Com certeza, esse artigo será classificado como "Mais um Ataque" à Igreja católica por alguns leitores.

    Engraçado é isso. A verdade e a notícia ser encarada como ataques. Mas os ataques às crianças por parte dos pedófilos parece ter menos importância para o mundo do que a "santidade" da Igreja.

    Fico muito decepcionado quando vejo pessoas da igreja comentar tipo: "É verdade, a Igreja cometeu erros no passado, mas hoje..."

    Mas hoje O QUÊ ???
    Mas hoje O QUÊ ???

    Hoje ela comete o dobro de erros que cometia na idade média. A venda de indulgências continua, veja a matéria sobre o dízimo com débito automático. A Idolatria. Vejam a depravação da pedofilia no seio da igreja, a deserção dos 7.000 padres adúlteros. Não se precisa ir à idade média para buscar os crimes contra a igreja não. Basta ler os Jornais manchados com o sangue dos justos.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça ( Falando como Ser Humano e não como administrador de Blog )

    ResponderExcluir
  5. J Flavio,

    Sem entrar no mérito da questão, peço para que a fonte do título deste artigo seja diminuída, pois de tão grande aparece toda embolada na minha tela.

    Abraço,

    Claude

    ResponderExcluir
  6. Tentei, Claude, no blog e no Cariricult e não consegui. Diminuí mas sempre aparece maior, acho que foi pro que eu colei diretamente da Folha, mas vou tentar.
    Abraço,

    ResponderExcluir
  7. O.B.S - Já corrigi o problema.

    Quando se pega um artigo de algum outro site, NUNCA se deve postar diretamente na janela do Blog. Deve-se colher o texto, salvar no bloco de notas do windows.

    Depois, abre-se a janela de postagem, e cola-se DO BLOCO DE NOTAS. Assim, a formatação original fica destruída e pode-se mexer livremente no Blog.

    Esse tipo de procedimento de pegar textos de sites e postar diretos nos Blogs é que causou o recente problema do CaririCult, que está todo em itálico. Há que se ver qual postagem é que causou isso.

    Aqui eu posso consertar, mas como lá eu nao tenho acesso, so quando os proprietários descobrirem.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  8. Dihelson,

    Aprendi a lição direitinho...Você já tinha me ensinado...
    Sou boa aluna. E amiga!

    Abraço,

    Claude

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.