10 julho 2008

Estamos Voltando à Era da REPRESSÃO e SNI - Invasão de Privacidade

A Liberdade na Internet está com os dias Contados!




Olá, Amigos,

O Senado aprovou na noite de ontem, uma das leis mais controvertidas de todos os tempos, que tipifica crimes cometidos na internet. Mas sob o pretexto disso, faz parte de um amplo plano internacional ( a mando de quem eu não sei ), para extinguir o P2P ( sistema peer to peer ), como o Emule, e outros.

Com a nova lei, fica considerado crime coisas que são comuns e até vendidas pelas ruas do crato.

Você sabia que agora é Crime:

- Portar arquivos MP3 e Vídeos sem autorização do Autor ?
- Baixar Mp3 e filmes da Internet.

E sabia que pela nova lei, toda a sua movimentação na rede será vigiada por 3 anos, todos os lugares que você visita, com quem fala no MSN, as conversas gravadas, tudo será logado. É o maior retrocesso de todos os tempos em termos de liberdade.
Veja o Artigo do site UOL:

10/07/2008 - 11h20
Senado aprova projeto de lei que tipifica crimes cometidos na Internet

Da Redação

O Senado aprovou na noite desta quarta-feira (9) o projeto de lei (PLC 89/2003) relatado pelo senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) que trata de crimes cometidos na Internet. Cyberpiratas, disseminadores de vírus, pedófilos e outros criminosos poderão enquadrar-se em 13 novos crimes, além de sofrerem penas mais duras para crimes já existentes.

Projeto aprovado no Senado é a melhor solução contra cybercrimes?

O projeto tipifica crimes como o acesso a equipamentos ou redes com violação da segurança; transferência sem autorização de dados e informações; falsificação de dados eletrônicos ou documentos; criação, divulgação ou manutenção de arquivos com material pornográfico pedófilo; prática de estelionato; roubo de senhas de usuários do comércio eletrônico e divulgação de imagens privadas. (Saiba mais sobre o projeto)

O senador Aloizio Mercadante (PT-SP), da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) que tratou a proposta, afirma que "o projeto é rigoroso, mas garante a liberdade de expressão na Internet".

Mercadante explica que os provedores de Internet serão obrigados a preservar por três anos os registros de acesso para que se possa saber quem acessou a Internet, em que horário e a partir de que endereço. Os provedores devem guardar em seu poder, para futuro exame, arquivos requisitados pela Justiça, assim como encaminhar às autoridades denúncias de crimes que lhes forem feitas.

Invasão de privacidade

Mas a opinião de Mercadante não é unânime. "Não há como manter um inciso que transforme os provedores em delatores de seus usuários. Se alguém tem uma denúncia fundamentada que faça diretamente às autoridades", diz o professor de comunicação e ativista do software livre Sérgio Amadeu em seu blog.

"Como uma provedor saberá que um download P2P não contém um arquivo sem licença de copyright? Somente olhando os pacotes. Para observá-los o provedor terá que violar a privacidade dos cidadãos e ver constantemente o que eles estão fazendo na Internet. Para evitar estes constrangimentos, os provedores preferirão bloquear o P2P", completa.

Mercadante explica que essas regras foram objeto de discussão com entidades como a Associação Brasileira dos Provedores de Acesso, Serviços e Informações da Rede Internet (Abranet) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

A Abranet, no entanto, já se posicionou várias vezes contra o rigor da lei, afirmando que os provedores não podem virar polícia. "Nós não somos polícia e não podemos assumir responsabilidades que não são nossas", disse Eduardo Parajo, presidente da entidade. Segundo ele, a adoção de um código de ética e de auto-regulamentação seria a melhor saída para que a Internet brasileira fosse mais segura. (Leia mais)

Depois da aprovação pelo Senado, o projeto segue novamente para a Câmara dos Deputados, já que foi modificado na Casa.

Rédea curta no P2P

Amadeu é um dos idealizadores da petição "Pelo veto ao projeto de cibercrimes - Em defesa da liberdade e do progresso do conhecimento na Internet Brasileira". Ele afirma em seu blog que, antes de tratar de temas sensíveis como crimes de pedofilia, o projeto de Azeredo quer sim proibir a troca de arquivos pela Internet.

Em quatro dias a petição já conta com mais de 11 mil assinaturas. Amadeu acusa o projeto do senador de ser "parte de uma ofensiva mundial da indústria de intermediação de bens culturais que quer criminalizar as práticas de compartilhamento na Internet". Segundo ele, o projeto proíbe a cópia na Internet sem autorização do legítimo titular ou do responsável pela rede. O que, em outras palavras, criminalizaria qualquer um que tivesse em seu poder um MP3 ou um vídeo sem a autorização do titular ou do responsável.

A lei brasileira de direito autoral já enquadra como crime a posse de material sem autorização, e caso o usuário não utilize o arquivo para venda, está sujeito a pagar multa correspondente a seu valor comercial.

Fonte: UOL.

Cortejo Cultural será dia de Luta!




Cortejo Cultural será dia de Luta!

Neste domingo, dia 13 ( Dia da Abertura da Expocrato) realizaremos o Cortejo Cultural como forma de rearfirmação da nossa identidade cultural e protesto contra a exclusão dos artistas do Cariri, pela diversidade musical e contra o monopólio da Industria cultural. A concentração do Cortejo será dia 13, a partir das 8 horas, na Praça da Sé - Crato.
Leve a sua irreverência, a sua bandeira, o seu instrumento, a sua fantasia, leve as crianças também. Orientamos que todas estejam vestidos de preto.
O Coletivo Camaradas solicita apoio financeiro para as ações que serão realizadas durante a Expocrato. Caso queira contribuir financeiramente para confecção de adesivos, camisas e intervenções urbanas entre em contato pelo fones: (88) 8808-1682 ou 88018972. (daremos recibo e faremos prestação de contas)

Promotor Impugna Candidaturas em Campos Sales e Salitre

O prefeito de Campos Sales Paulo Ney e o ex-prefeito de Salitre Francisco Pereira Silva (Neoclides) tiveram suas candidaturas a prefeito das duas cidades impugnadas pelo promotor eleitoral da 38ª Zona Eleitoral, José de Deus Terceiro Pereira Martins.Os dois políticos encontram-se na lista suja do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) por improbidade administrativa. Paulo Ney teve contas desaprovadas nos anos de 1997, 1998 e 1999. Já Neoclides teve contas desaprovadas pelo TCM nos anos de 1997, 1998, 1999, 2000 e 2001.Ainda em Campos Sales foram impuganadas as candidaturas de 13 candidatos a vereador.

Fonte: Tarso Araújo
.

CRATO - Fotos da Cidade - Imediações do Parque Municipal - Dihelson Mendonça

Olá, Amigos,

Como sempre, trago até vocês que moram longe do Crato, algumas fotos que são postadas sempre como "A Foto do Dia". Na verdade, esse tipo de foto da cidade, salvo algumas excessões, são fotos simples, que não tem a menor pretensão de serem fotos artísticas, como está realizando o nosso querido Pachelly Jamacaru em seu Álbum. O nosso propósito é retratar o Crato Como Ele É. Nenhuma edição ou tratamento são dados às fotos, que representam a notícia sem sofisma nem fantasia, o retrato fiel da realidade de uma cidade que possui belezas e coisas terríveis, como qualquer outra.

Vamos lá:



Acima: Foto do portal de entrada do novo Parque Municipal.

Acima: Parque municipal visto da calçada do teatro Rachel de Queiroz.

Acima: Parque visto da calçada defronte ao CCAA.


Acima: Nova fachada do Teatro rachel de Queiroz.

Colégio Sta. teresa visto do Parque Municipal.


Acima: outro ângulo do parque municipal.


Fotos: Dihelson Mendonça
.

Juazeiro - Fórum regional debate sobre defesa social

Conselhos comunitários

Clique para Ampliar

No Fórum, integração dos trabalhos nas comunidades, além de projetos que possam ser implantados e a parceria com a polícia foram debatidas (Foto: Elizângela Santos)

Os projetos de inclusão social, voltados para crianças e adolescentes, foram destacados em Juazeiro

Juazeiro do Norte. Com a finalidade de ampliar o trabalho dos Conselhos Comunitários de Defesa Social (CCDS), na região do Cariri, e unir forças no sentido de integrar socialmente as comunidades e a segurança pública, os participantes dos conselhos de vários municípios da região estiveram reunidos, na manhã de ontem, no I Fórum Regional de Defesa Social.

Os projetos de inclusão social, principalmente voltados para as crianças e os adolescentes, foram destacados pelos participantes do encontro. Atualmente estão em atividade na região 35 CCDS, sendo que 20 deles estão no município de Juazeiro do Norte.

A contribuição desses órgãos com o trabalho da polícia foi destacada pelo delegado da regional da Polícia Civil de Juazeiro do Norte, Marcos Antônio dos Santos.

Um dos seus projetos é estar presente em reuniões de bairros, para que possa ouvir a comunidade sobre as principais questões que podem ser melhoradas, inclusive em casos relacionados à violência.

O articulador regional dos CCDS, Sócrates Luís de Sousa, destaca a importância da participação da comunidade integrada às polícias Civil e Militar além do Corpo de Bombeiros, para que junto possam atuar na defesa da sociedade.

Inclusão

“Só temos a ganhar com essa união”, diz Sócrates. A atuação regional do CCDS tem sido no sentido de trazer, por meio de projeto, os jovens, idosos e, com isso, fazer o policiamento preventivo por meio da inclusão social.

Integrantes das cidades Crato, Juazeiro do Norte, Caririaçu, Jardim, Grangeiro e Barbalha participaram das discussões, além de integrantes da segurança pública.

Projetos de trabalhos comunitários desenvolvidos no Estado desde o período de implantação dos conselhos foram apresentados na cidade de Juazeiro do Norte.

São atuação de voluntários, de acordo com o tenente coronel Erivaldo Gomes, coordenador Estadual de Defesa Social da Secretaria de Segurança Pública, que a cada dia se fortalecem no Estado, por conta da necessidade de se retirar das ruas as crianças e os jovens e reintegrá-las nas escolas e também na comunidade.

Importante

O coordenador ressalta o importante papel do membro do conselho, dentro de um processo de articulação e apoio político, mas com independência de atuação. “O nosso papel na Segurança Pública é estimular os conselheiros”, informou ele.

Gomes ressalta ao longo dos anos a contribuição que tem sido dada por meio desses órgãos no sentido de proporcionar uma nova visão social da segurança pública, oferecendo aos adolescentes formação cidadã, oportunidade de lazer, empreendedorismo e retirando-os das drogas.

De acordo com Erivaldo Gomes, a atuação dos CCDS chega a praticamente todo o Estado. Em algumas cidades os voluntários atuam com mais dinâmica e ele ressalta a importância do estímulo por parte da coordenação geral.

Em Juazeiro, o tenente coronel afirma que a integração com os poderes públicos para apoio nas atividades tem sido de grande importância no sentido de promover uma ampliação dos trabalhos e dar mais força nas atividades. Durante o encontro, foi divulgada uma estatística da polícia nos bairros onde está havendo a atuação dos CCDS.

O documento mostra que houve 57% de redução das ocorrências. Para Sócrates Luís, isso demonstra a importância da população atuar na defesa dos seus direitos e pela sua segurança.

Um documentário sobre o CCDS no Cariri foi apresentado no início dos trabalhos, como forma de realizar um balanço das atividades desenvolvidas ao longo do período de implantação do trabalho. Atualmente, o órgão conta com uma coordenação regional. Entre os temas abordados durante o dia de atividades foi ressaltado o “Papel do CCDS na Segurança Pública”, “A Defesa Social na Sociedade Cearense”. Houve ainda apresentação de projetos, entrega de certificados e condecorações às pessoas que colaboraram com o desenvolvimentos dos conselhos e posse de novos membros.

ENQUETE
Discussão com a comunidade é essencial

Jacilda
Maria dos Santos
42 ANOS
Serviços Gerais
'É importante a gente participar das discussões nos bairros sobre o que pode ser feito pela nossa segurança.'

Francisco Carlos da Silva
35 ANOS
Radialista
'É muito importante na vida da comunidade esse debate em busca do combate à violência, por meio da integração social.'

Cícero Frank
29 ANOS
Sapateiro
'O debate pelos conselhos tem uma importância fundamental. Hoje a segurança está precária, mas esse é o caminho.'

Mais informações:
Centro Comunitário de Defesa Social (CCDS)
Rua São Paulo, 374 - Centro -Juazeiro do Norte- CE
(88) 9221.21 64
(88) 8803.3704

Fonte: Jornal Diário do Nordeste

Show: Carlinhos Patriolino - Saudades do Brasil - Hoje no DN

.

Carlinhos Patriolino: contatos com o flamenco e receptividade tocando música brasileira (Foto: Divulgação)

Clique para Ampliar

Fhátima Santos canta a bossa e anuncia disco tributo a Johnny Alf, com o pianista paulista Laércio de Freitas

Recém-repatriado após temporada de um ano na Espanha, o violonista e bandolinista Carlinhos Patriolino é atração em dois shows hoje em Fortaleza

Um violão renovado. Brasileiríssimo, como sempre, na melhor tradição de nossos choros, bossas, sambas-canções. Mas recém-chegado de uma incursão pela musicalidade do Velho Mundo, com destaque para a matriz flamenca da guitarra espanhola. Depois de uma temporada de um ano pela Europa, Carlinhos Patriolino está de volta a Fortaleza. E já com a mesma agenda cheia na noite da capital cearense, como se a cidade matasse saudades de seu violão e seu bandolim.

O reencontro vem se dando em shows próprios participações nas apresentações de amigos como o saxofonista e flautista Márcio Resende e a cantora Fhátima Santos. Ambos voltarão a dividir o palco com Patriolino, em diferentes ocasiões, na noite de hoje. Primeiro, no Mercado dos Pinhões, onde acontece o relançamento do livro ´Cartografias - Da cultura e da violência, gangues, galeras e o movimento Hip Hop´, da socióloga e presidente da Fundação da Criança e da Família Cidadã, Glória Diógenes. A noite começa com o show da banda de hip-hop Consciência Armada e segue com o batuque do grupo Tambores do Oitão, encerrando-se com o show mais intimista de Patriolino, ao lado de Márcio Resende e do violonista Tarcísio Sardinha. Dali, Patriolino e Márcio seguem para o Café Pagliuca, onde se somam a Fhátima Santos em show-tributo aos 50 anos da Bossa Nova.

Da recente passagem pela Europa, Patriolino fala com entusiasmo. ´A receptividade por lá foi a melhor possível. Fiz shows em Roma, Lisboa, duas temporadas de dois meses em casas de Barcelona... Sempre com esse show, com o nome de ´Guitarra brasileña´´, detalha ´Deixei inclusive de fazer 13 outros shows que estavam agendados, porque realmente tinha que voltar. Lá a gente se dá conta de tudo que tem pra melhorar por aqui, mas mesmo assim não tem como não ter saudades de casa´, conta.

No show no Mercado dos Pinhões, o violão ganha destaque. ´Vou mostrar um pouco do que fiz por lá, um trabalho mais violonístico. Embora não possa deixar de tocar bondolim também, porque as pessoas cobram´, diz o músico de 46 anos, prometendo versões ao violão solo para clássicos como ´Bye-bye Brasil´ e ´Anos dourados´. Autorais, como a bela e ainda inédita ´Fugir de mim´, já registrada na voz de Fhátima, ficam para uma próxima oportunidade. ´Quero fazer um show mais pessoal, tocando vários instrumentos, mostrando minhas músicas´, adianta. Isso antes da próxima temporada na Europa, agendada para novembro. ´É preciso ir, porque eles são apaixonados pela nossa música. Mas volto qualquer hora´. Encontros e despedidas musicais.

Fhátima Santos: na bossa de Johnny Alf

Ao lado de Carlinhos Patriolino e Márcio Resende, a cantora Fhátima Santos revisita esta noite clássicos da bossa, a partir das 22h, no Café Pagliuca. Tom e Vinicius, Menescal e Bôscoli, Carlos Lyra e Durval Ferreira estão entre os autores de obras selecionadas para a apresentação, em reverência aos 50 anos da Bossa Nova. Caminho que passa também pela obra do magistral Johnny Alf, que a cantora alagoana radicada no ceará se prepara para registrar em disco.

´O trabalho vai se chamar ´Johnny Alf por Fhátima Santos´ e vai ter arranjos do Márcio Resende e o piano do Laércio de Freitas. A produção é da Fernanda Quinderé, que também ajudou na liberação das músicas pelo Johnny Alf´, diz a cantora, ressaltando que já foi pago o montante referente a direitos autorais. ´Começamos as gravações semana que vem. Vou gravar os grandes clássicos do repertório dele: ´O que é amar´, ´Eu e a brisa´, ´Ilusão à toa´, mas também outras menos conhecidas, como ´Escuta´ e ´Olhos negros´. É um repertório maravilhoso e desafiador´.

LETRA

´Fugir de mim´
(Carlinhos Patriolino)

Quando a solidão
me fez tão triste assim
Eu fechei os olhos
pra fugir de mim
E quando eu abri
Vi você chegar
Mas o seu olhar
não viu o meu

E a porta abriu
Eu vi você sair
Pensei em lhe seguir
Mas logo desisti
É que meu coração
Parece entender
Que a solidão
Insiste em gostar de mim

DALWTON MOURA
Repórter

Mais informações:

Quinta cultural: às 19h, no Mercado dos Pinhões (entre as ruas Gonçalves Ledo e Nogueira Acioli). Informações: 3105.1386.

Fhátima Santos, C. Patriolino, M. Resende e Fhátima Santos. Às 22h, no Café Pagliuca (R. Barbosa de Freitas, 1035). Ingresso: R$20,00. Info: 3224-1903.

Fonte: Jornal Diário do Nordeste;
.

Gostaria de ter uma divulgação dessas quando faço meus Shows também !

Somente ontem, o Blog do Crato recebeu pra mais de 20 propagandas desse evento, que nem o Festival da Canção teve tanta divulgação; Aqui transcrevemos ( e vamos parar com esse spam, gente ):

O Músico Clayton Barros, do Cordel do Fogo Encantado encontra-se esta semana na região do Cariri, onde ministra oficina de Gravação de CD para os alunos do projeto "Ações culturais para povos rurais", da ONG Verde Vida. Em visita recente ao espaço surgiu a idéia de montar uma apresentação do artista no Cariri, com a finalidade de aproximá-lo dos demais artistas da terra e no intuito de promover uma celebração da música.

Assim sendo:

Clayton Barros

Show + discotecagem

Data: 10 de Julho, quinta-feira
Hora: 21h
Local: Coletivo Malungo

.

A Política e seus velhos Costumes - Por Lucieldo Moreira

O costume do "vou pedir isso a fulano" - Coisa de Brasileiro



Inicia-se mais um período eleitoreiro por esse Brasil afora e com isso ressurge a velha prática do “vou pedir isso a fulano”. Uma prática por demais ignorante e que envolve muita gente, seja do catador de lixo que esta precisando de um mísero favor de uma consulta medica, ou de uma prótese dentaria ao do milionário empreiteiro que na troca de favores vai se dando bem pelos próximos quatro anos; Isso é o que podemos chamar de corrupção passiva e é baseado nisso que chego à conclusão de que nós brasileiros nos acostumamos com isso, voluntário ou involuntariamente, de um jeito ou de outro acabamos dando nossa contribuição para que essa triste estatística se prolifere.

Muito já tem sido feito por parte dos órgãos competentes para se coibir tamanhos abusos, todavia isso só será mesmo coibido no dia em que o cidadão brasileiro usar do seu bom senso e cair na real de que todo o investimento colocado ali pelos pretensos candidatos será arrancado das piores maneiras do nosso bolso, seja por meio de uma das maiores cargas tributarias do mundo ou por meio de fraudes, licitações ilegais e tudo mais que diuturnamente aparecem como escândalos na mídia nacional e que na maioria das vezes os maiores prejudicados somos nós. Como já é sabido “alegria de pobre dura pouco”, basta vermos no que deu o que seria a maior vitória da Democracia Brasileira, o veto de candidatura de políticos com pendências no TCM, e o que vemos hoje são essas velhas caras distribuindo simpatia e zombando daqueles que realmente quiseram fazer valer a Lei brasileira, como já dizia o Boris Casoy “ISSO É UMA VERGONHA”, portanto leitor amigo use do seu bom senso e DIGA NÃO A ESSA GENTE e façamos valer o nosso voto colocando gente de bem, gente bem intencionada, sei que não esta escrito na face dos mesmos, mas dos reincidentes está bem exposto.

Lucieldo Moreira de Oliveira
CORRETOR DE IMÓVEIS
Amigo do Crato-CE


.