09 julho 2008

Senhor Asfalto, seja bem vindo!


Ninguém discute a utilidade de uma via com seu pavimento em bom estado de conservação, apto a proporcionar um rodar suave aos veículos que ali trafegam. É natural que uma cidade necessite de ruas e avenidas asfaltadas, uma vez que esse pavimento favorece o rápido escoamento do tráfego destas. As outras poderiam, e deveriam, utilizar o conhecido paralelepípedo ou pedra tosca como pavimento, o não menos famoso: calçamento. Em áreas de pouco tráfego, como zonas residenciais, é indicado o uso de asfalto apenas nas avenidas, deixando suas ramificações, as ruas, à serem calçadas com pedras.

O calçamento é sim amigo da cidade. Entre outras características permite, ao contrário do asfalto, infiltração de água no solo o que diminui o poder de arrasto e destruição desta quando do seu escoamento no período de chuvas. O calçamento também promove um impacto bem menor no aumento da temperatura da cidade, do que o negro derivado do petróleo. Quanto a sua durabilidade, desde que bem executado, tem vida útil infinitamente superior a do asfalto, que “odeia” chuva. Há ainda outro atrativo, o da segurança dos pedestres. Graças a sua irregularidade característica impossibilita, ou pelo menos dificulta, o trânsito à grandes velocidades, contribuindo assim na redução do índice de acidentes graves.

É assim no mundo todo. Em países onde a memória está por onde se anda, como na Inglaterra, Estados Unidos e Espanha, é comum encontrar no centro das grandes cidades, ruas inteiras que preservam seu pavimento original, o calçamento, trazendo beleza e preservando a história daquele lugar. Há muito que se fazer no Crato com relação a: conservação, promoção e preservação do patrimônio arquitetônico da cidade, como bem resgatou, em seu livro, o arquiteto Waldemar Arraes. Infelizmente, há ainda uma “cultura”, ou entendimento, de que o asfalto é sinal de progresso e desenvolvimento. Parece que o asfalto por si só traz este status de grande cidade, quando na verdade é um dos benefícios mais fugazes que o cidadão pode usufruir. Este terá, mais cedo do que tarde, de ser recuperado, total ou parcialmente, dependendo de sua composição, com areia ou com brita, à quente ou à frio. Outros benefícios como saneamento básico, abastecimento de água, hospitais, escolas, praças e calçadas, têm vida mais longa e de mais demorada recuperação, porém causando menor “impacto visual...”.

Seja muito bem vindo o asfalto, que agora chega às principais ruas de nossa cidade. Sem querer criticar o que está sendo feito, ou discutir a durabilidade, ou composição deste, cabe aqui, louvar a recuperação desta malha viária e aclamar o calçamento como opção, em alguns casos, e como indicação mais adequada em outros, sendo os dois proporcionalmente valorosos. Cabe aqui, portanto, reconhecer a importância de cada tipo de pavimento, e apontá-los como promotores do melhoramento da qualidade de vida da população.
Nossos carros agradecem!

Dimas de Castro e Silva Neto, M.Sc.

Eng. Civil, Prof. do Departamento de Construção Civil da URCA

A CADEIA DESENCADEADA

Uma criança é barbaramente assassinada por policiais militares no Rio de Janeiro, visivelmente drogados. Esse é mais um caso de erro fatal envolvendo inocentes, em meio a mais um patético e bizarro pedido de desculpas à sociedade por parte das autoridades. Não existe mais banda podre nos segmentos públicos do Rio, tudo foi transformado em uma única e imensa bunda cheia de estrias e celulites que caga a sua venalidade por sobre a inércia da maior parte da sociedade, vítima do gás paralisante do rabo preso.

O projeto de lei que impede a candidatura de políticos com ficha suja é deixado de lado, pelos autores que pretendem sujar futuramente suas próprias fichas, e tem previsão de votação só em agosto.Esse é mais um exemplo de que a canalhada que foi eleita não pretende de forma nenhuma largar mão dos instrumentos “legais” que viabilizam a formação de quadrilha e a roubalheira escrachada, diante de uma maioria da sociedade sorridente e esperta, cheia de xinga, provida de jeitinhos e contatos, munida de parentes e aderentes, sempre em busca de resolver "uma parada aí", através da moeda suprema do voto letal guardado na manga.

Paulinho da “Força” diz que é inocente e que é vítima de “perseguição política”, diante de uma platéia de velhos ladrões empanturrados de pizza, com gorjeta paga ao entregador com dinheiro lavadinho lavadinho, com cheirinho de novo. Esse é mais um caso de fortalecimento do adágio humanista: “você também é capaz”. Se você não tem uma linhagem de políticos de carreira da alta sociedade - ou da baixa mesmo, tanto faz -, ou se você não é dono de uma fortuna súbita e devidamente criminosa, você pode começar por baixo, como presidente de um time de futebol de várzea, presidente de um clube recreativo, presidente de um sindicato, líder comunitário, diretor de uma Ong, não interessa, o importante é você comandar. Seguindo esse caminho ensinado diariamente na política nacional, sua primeira capa em uma revista semanal não custará. Será inesquecível. Será finalmente o estrelato.

Já o Comando Vermelho, que divide o governo das favelas do Rio com as milícias armadas - formadas por policiais civis e militares -, declara o valor das recompensas pela morte de oficiais do exército, envolvidos no narcotráfico.Essa é a declaração universal da utopia da luta armada, da revolução popular, único fenômeno capaz de mandar para o inferno, no paredão de fuzilamento, todos esses filhos da puta sugadores do bem público. Estamos ferrados definitivamente. Não nos resta nem o radicalismo patético dos órfãos de Fidel, a estupidez da revolução também nos foi vetada. Brasileiro quando pega em arma, de forma organizada, forma quadrilha. Oficial ou oficiosa.

Do alto do seu poder totalitário e totalizante, outorgado pela canastrice da ciência, através dos anais e anus da jurisprudência, o presidente do Supremo Tribunal Federal declara que a ação da Polícia Federal ao mandar para a cadeia de uma vez só o ex-prefeito Celso Pitta, o doleiro Naji Nahas e o banqueiro Daniel Dantas, foi espetaculosa e exibicionista e que esse abuso de poder será revisto. Essa é a estratificação do espetáculo. É a estratificação que estava faltando para organizar a vida pública e privada do brasileiro. Qualquer um podia assumir o papel de estrela, de mocinho ou de bandido.


A guerra de egos estava tornando os noticiários um verdadeiro saco de gatos. Inúmeras sumidades do submundo do crime apareciam e desapareciam assim sem deixar vestígios. Agora ficou tudo claro, depois da resolução do Supremo, a marginália finalmente foi assistida pelo poder público e foi agraciada com o prêmio máximo. Ficou estratificado que espetáculo só pode ser dado pela polícia quando se tratar da ralé. Só quem tem direito a algemas é a pobreza. Foi instituído então, por tabela, que o cargo de palhaço, nesse espetáculo de gala, é nosso. Mas com um detalhe, as risadas conseqüentes serão todas monitoradas e passíveis de processo ou hábeas corpus, dependendo da classe.

Esse é um retrato 3x4 das implicações do poder no Brasil. Você imagina que são ações isoladas. Mas não, está tudo interligado, são velhas pregas muito bem empregadas rumo às cabeças plurais do brasileiro. Historicamente interligadas, como os dentes postiços da dentadura postiça do primeiro rei postiço que desembarcou nessa terra de promissão postiça, o primeiro bandido espetaculoso, aquele que inaugurou essa latrina toda, que de postiça não tem nada, fede mesmo.


Marcos Leonel

Criado Site para a Campanha pela Democratização dos Meios de Comunicação


Prezados Amigos,

É com grande prazer que comunico que foi criada toda uma estrutura de internet para a Campanha pela Democratização dos Meios de Comunicação, e valorização dos Artistas Locais em eventos públicos, além de discussões para uma legislação sobre o assunto. O novo site, que é constituído por um Blog e uma Lista de Discussões que corre por e-mail, oportunamente chamado de "Arte na Mídia", cujo endereço oficial:

www.artenamidia.com


"Arte na Mídia" Congregará todas as informações sobre o movimento dos artistas locais em busca de espaços no Rádio e na TV, e em festas patrocinadas pelo poder público, além de outros temas correlatos. A campanha também visa o questionamento de soluções para a chamada Indústria Pornografia Radiofônica, promovida pelo "Cartel do Forró Eletrônico" com seu monopólio através das estações de rádio do Ceará que a retransmitem via satélite. O website compreende também uma Lista de Discussões por e-mail no Yahoo Grupos para discutir diariamente e eficazmente os temas. Quem desejar receber as notícias da campanha e acompanhar as discussões comodamente em sua casa, basta entrar em contato conosco pelo e-mail blogdocrato@hotmail.com e solicitar associação. "Arte na Mídia" é uma grande campanha que luta pela Democratização dos meios de comunização, defendendo espaços para todos os estilos de música no Rádio e na TV, e contra a monocultura. Contra o Monopólio exercido pelas bandas de Forró Eletrônico no Nordeste, sustentados por uma indústria perversa, maquiavélica e gananciosa, e contra todos os estilos de pseudo-músicas que pregam a baixaria, a Pornografia, fazem apologia ao alcoolismo, às drogas, à desvalorização da mulher e à degradação humana. Junte-se a essa "Corrente do Bem" e discutamos soluções para esse grave problema que aflige toda a Sociedade Brasileira. Busquemos uma Mídia Justa, solidária, que defenda a Arte e a Cultura verdadeiras. Diga NÃO à Pornografia e à Baixaria no Rádio e na TV. Acessem nossos websites e participem das discussões para um mundo melhor.

http://br.groups.yahoo.com/group/artenamidia/


Atenciosamente,

Dihelson mendonça
- Administrador -

www.artenamidia.com
www.blogdocrato.com

Campanha pela Democratização dos Meios de Comunicação.
Lute por essa causa nobre!

.

Ultrapassamos 2.000 Artigos já escritos...

É com muita satisfação que comunico a todos que o Blog do Crato ultrapassou no dia de ontem, dia 08 de Julho, a marca dos 2.000 Artigos já Escritos. E com cerca de 22.600 acessos por mês, também é sempre um bom motivo de comemoração. Sinal de que os cratenses estão ligados naquilo que escrevemos. Somos um grupo de aproximadamente 50 escritores e milhares de visitantes, e que deve refletir sempre o pensamento múltiplo da nossa cidade.

Parabéns para todos por nossa Revista Eletrônica Interativa chamada Blog do Crato.

Dihelson Mendonça
.

Mudar o Mundo - Por Mônica Araripe

.
Quando eu era jovem e minha imaginação não tinha limites
sonhava mudar o mundo.

Quando fiquei mais velho e mais sábio, descobri que o mundo
não mudaria: então restringi um pouco minhas ambições, e resolvi
mudar apenas meu país.

Mas o país também me parecia imutável.

No ocaso da vida, em uma última e desesperada tentativa, quis
mudar minha família. Mas eles não se interessavam nem um pouco
dizendo que eu sempre repeti os mesmos erros.

Em meu leito de morte, enfim descobri: se eu tivesse começado
por corrigir meus erros e mudar a mim mesmo, meu exemplo
poderia transformar minha família.

O exemplo de minha família talvez contagiasse a vizinhança,
e assim eu teria sido capaz de melhorar meu bairro, minha
cidade, o país, e, quem sabe, mudar o mundo...

Palavras escritas no túmulo de um bispo anglicano, em uma
catedral na Inglaterra.


URCA elabora programação alternativa destinada aos Artistas Locais durante a ExpoCrato.

Palco Alternativo será destinado aos artistas locais

Durante a realização da Expocrato, de 13 a 20 de julho de 2008, a Universidade Regional do Cariri - URCA realizará o Palco Alternativo. O Palco Alternativo será destinado aos artistas locais e será dividido em duas categorias:

MOMENTO DA CANJA - Espaço aberto aos artistas (e não artistas) que desejem divulgar o seu trabalho.
PALCO CARIRI - Será o espaço destinado aos artistas da região do Cariri (haverá cachê)
O evento será coordenado pela Pro - Reitoria de Assuntos Estudantis - PROAE e Pró - Reitoria de Extensão - PROEX desta IES. A finalidade do Palco Alternativo é divulgar, incentivar e contribuir para fruição da diversidade musical regional.

O Regulamento para participação encontra-se no site da urca:

www.urca.br

Fonte: Website oficial da Universidade Regional do Cariri - URCA
.

Carta do Leitor: Parabéns pelo Blog do Crato - Nereide Milfont

Olá amigo Dihelson,Vi os comentários sobre a programação da Expocrato e achei bem interessante, estou de acordo com todos que reprovam essa "invasão de forrozeiros" na nossa mais bela festa do ano. Como DETESTO forró nem sei se vou por lá. E vc está de parabéns pelo blog do Crato, cada vez mais atualizado. beijos!


Nereide Milfont

Crato realizará grande cortejo cultural pelas ruas da cidade!

O Cariri realizará mais um cortejo cultural neste domingo, DIA 13 DE JULHO, na cidade do Crato. Como já é tradição na região, os cortejos reúnem as pessoas ligadas ao fazer e pensar artístico num momento de descontração, irreverência e reafirmação de uma identidade cultural. A malhação do Judas é um exemplo de cortejo, bem como a abertura da Mostra Sesc de Teatro, a Festa do Pau da Bandeira e tantas outras manifestações artístico-culturais da região. Os cortejos são momentos importantes de aprendizagem e fruição da arte, principalmente para as crianças. A concentração será a partir das 8h da manhã, na Praça da Sé. O cortejo reunirá fotógrafos, cineastas, brincantes de reisado, maneiro pau, artistas plásticos, pernas de pau, malabaris, músicos, dançarinos e público em geral. Os organizadores do Cortejo pedem que levem as crianças fantasiadas com elementos da nossa cultura. O Cortejo cultural percorrerá as ruas do Crato, aproveitando que a cidade estará em festa em decorrência da abertura da Expocrato.

SERVIÇO:
Grande CORTEJO CULTURAL
Data: 13 de julho, domingo próximo
Local: Crato
Hora: 8h (concentração na Praça da Sé)

Enviado por Tânia Peixoto
.