02 janeiro 2008

Poetas, Cronistas - CD - A Busca da Perfeição - Quem vai Participar ?


POETAS ?
Pessoas comuns ?

Desejam expressar a sua opinião acerca dos grandes temas da vida?
Estou gravando meu CD que é um caleidoscópio de idéias sobre a existência, com música e poesia. Chama-se "A Busca da perfeição" e tem o patrocínio exclusivo do banco do Nordeste do Brasil.

Aos poetas, escritores, cronistas, estou pedindo que enviem seus poemas, seus pensamentos sobre os seguintes temas:

- O sentido da Vida - A Morte - A busca da Perfeição - O Universo - A Arte - A Música - A poesia
e temas correlatos.
São textos a serem lidos pelos próprios autores e gravados no meu CD.

Preciso desses textos para ONTEM...

Eis alguns que já recebi para o CD:

"Talvez, o mais emocionante na busca pela perfeição, seja a busca! Imagine o céu, se verde fosse! As águas do mar se róseo fosse! Se ao Japão o sol não fosse, Se ao Brasil a noite não chegasse. Se o verbo estivesse para o rebento, antes do choro! Mas nada, nada é ao acaso! Em tudo há princípios. Existem as vicinais porque há a principal. Os paralelos margeiam os opostos e os iguais. As dissonantes soam bem aos ouvidos dos desafinados! O melhor da busca pela perfeição é sempre a busca! Depois a procura pelo estado mais que perfeito! Depois, pelo depois... Pelo depois do depois, depois... Buscamos na perfeição, o que ela procura em nós!"
Pachelly Jamacaru

Perfeição é busca que se não procura Tão-pouco se acha É vácuo que existe sem se ver E preenche o vazio que persiste Um estado que mesmo sólido é gasoso Um débito impagável que se paga O dia que nasce depois de morto Para ressuscitar a noite passada É um erro que se conserta Um concerto regido sem maestro É alimento que sacia a fome Para depois ser expelido como dejeto Perfeição é um par perfeito que se separa Depois de esgotar todas as possibilidades É um oceano onde nada é pacífico Entre ondas e por cima de abismos É fé que remove montanhas É força que varre entulhos São olhos que vasculham o tempo Cantigas de ninar menino É a insônia no meio da noite É o sono é o som é o sonho
Carlos Rafael


" Só Deus é perfeito!" : é o começo de tudo. Repetimos tanto que decoramos o mote. Depois, percebe-se o caos da vida e a gente começa a duvidar da existência de Deus e a buscar a razão de nossa existência noutros princípios. Aí nos deparamos com a finitude da vida e sofremos, e choramos e perdemos a esperança! Chegamos ao precipício e nele nos atiramos... Então ...somos seres alados! A arte nos dá asas. Outro olhar sobre a vida e descobrimos outro Deus: criador, sensível, belo...artista!

L. C. Salatiel


MOTO CONTÍNUO com a prática a PERFEIÇÃO vem por inércia.

João Nicodemos

Pois é, gente, cadê os textos de José Flávio Vieira, Armando Rafael, e os demais ?
Escolha um tema, fale sobre a vida, a existência, a Morte, e aguardo respostas!

Abraços,

Dihelson Mendonça

Patrocínio:

4 comentários:

  1. A morte é sem dúvida o primeiro passo, para se entender o sentido da vida, onde inicia-se a dura e infinita caminhada pela busca da perfeição.


    "Para morrer bem é preciso viver bem", ensinava Confúcio, mestre, filósofo e teórico político chinês. Mas o que se percebe, é que nem sempre o dom da plenitude da vida encerra-se nesse mundo. A quem possa discordar. Mas o temor da morte recai sobre todos os homens, ricos e pobres, ela nos auxilia na reflexão, dilatando as nossas concepções e clareando cada vez mais a nossa introspecção. Entendo assim que esse “fenômeno” não pode ser relegado a plano secundário. Na verdade, a essência eterniza-se “: se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, dá muito fruto. Quem ama a sua vida perdê-la-á, e, quem, neste mundo, aborrece a sua vida, guardá-la-á para a eternidade. JO 12:24”.”Onde está, ó morte, o teu aguilhão?” Parafraseando o poeta Suassuna em uma de suas prosas, “a morte é o único mal irremediável!” Será mesmo um mal?

    ResponderExcluir
  2. Dihelson, gostei da foto do seu album, mas não entendi, como fotógrafo que é, regionalista que valoriza as belas paisagens do cariri, principalmente as da chapada. por que a escolha de uma imagem de região temperada, acredito que da Europa.

    ResponderExcluir
  3. Olá, João,

    Essa capa é provisória. Por isso a foto.

    Na verdade, eu quero uma foto de art por computador, feita pelo REGINALDO, o problema é que eu não sei como encontrá-lo. Vc tem aí o contato dele? estou precisando urgentemente para fazer o encarte do CD.

    Abraço,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  4. Mas acrescentando, eu não sou regionalista. Para favar a verdade, detesto particularizações. Minha arte sempre busca o Universalismo ao invés do Regionalismo. Não tenho preconceito contra a arte de Beethoven porque ele seja da Alemanha, nem de Gershwin porque seja americano. Nem contra os ANicetos por serem do Crato. Eu junto tudo isso e coloco num imenso caldeirão.

    Por isso, a perfeição, sendo algo do universo, e não do Cariri, a foto pode ser de qualquer lugar!
    Em qualquer lugar desse universo, a perfeição existe, na molécula e no atomo.

    Gosto de pensar que sou antes de tudo um cidadão do Cosmos, e por um acaso este corpo carnal que vc me vê nasceu aqui no cariri, mas bem que poderia ter nascido no Japão.

    Mas a foto há de ser outra.

    Um grande abraço, João.

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.