23 dezembro 2007

Foto do Dia e Previsão do Tempo !

Acima: Foto do busto de Siqueira Campos, localizado no centro de Crato, na praça de mesmo nome.


Foto: Dihelson Mendonça
Fonte: Climatempo
.

Hoje, o "Doce Natal" vai distribuir 18.000 presentes para as crianças cratenses !

O Coroamento de uma Maravilhosa Campanha em prol dos menos Favorecidos!



"Acontece hoje, a partir das 16Hs o encerramento da grande campanha "Doce Natal", idealizada pela primeira Dama do município, Sra. Mônica Araripe e direcionada às famílias carentes da cidade do Crato. Cerca de 18.000 brinquedos serão entregues às crianças no estádio Mirandão."


"Na foto acima, papai Noel recebe a chave da cidade do prefeito Samuel Araripe"


"Na foto acima, primeira dama, Mônica Araripe, e o prefeito Samuel Araripe."

Acontece hoje, dia 23 de Dezembro, o encerramento oficial no estádio Mirandão, da campanha Doce Natal, destinada a arrecadar donativos para as famílias carentes da cidade. O Doce Natal já se encontra na III edição, e sua receptividade frente à população tem aumentado consideravelmente. Estima-se que neste ano de 2007, mais de 18.000 donativos sejam distribuídos entre a população carente da cidade. Uma grande equipe se mobilizou ao longo de 20 dias, junto ao comércio, os lojistas, e mesmo com as pessoas comuns, para obter donativos para o natal dos menos favorecidos.

O Doce Natal já é considerado o maior projeto social da Prefeitura Municipal do Crato, e o maior do interior do estado. De iniciativa e coordenação da 1º Dama do município, Sra. Mônica Araripe, este projeto vem de longe cativando a simpatia da população, até mesmo das pessoas que historicamente fazem oposição à atual administração..

Segundo a direção da campanha:

"Uma Campanha que visa alegrar um pouco as famílias carentes do Município. Para tanto, toda a cidade se mobiliza e uma grande equipe se desdobra para deixar pronto o grande dia...Em pontos estratégicos, caixas abertas esperam a “queda” de donativos que podem ser brinquedos, alimentos não perecíveis, roupas, calçados, lençóis ou qualquer outra forma ou meio em que o sentido que se espera, seja o ato de doar... a, ao longo de um breve percurso, uma ação consequente de valores, foi atribuída numa divisão estratégica para um melhor alcance de nossos ideais, em relação ao destino dos Projetos: “Bola na Rede”, “Eu sou Cidadão - Amigos da Leitura”, “Crateando”, “Criançarte”, “Ritmo no Risco”, “Vila da Alegria e Crato Mostra a sua Arte”. Estes são mais do que projetos, levam em suas histórias as comprovações de uma relação real com a nossa realidade em dias atuais, revelando que o coletivo, faz a diferença, quando em sua essência, o dever parte do principio que diz: “É melhor Dar do que Receber”...
...

Esperamos que através de ações como o Doce Natal, outras iniciativas possam surgir como forma de campanha mais direcionadas para outras áreas de vital importância para a cidade do Crato, como por exemplo, campanhas salvar o patrimônio público, campanhas para a educação das pessoas quanto ao despejo correto do lixo, campanhas de rearborização da cidade, campanhas de cidadania, enfim, que no Crato, são muitíssimo válidas, afinal, povo educado, povo civilizado.

Enquanto isso, festejemos o "Doce" Natal, e esperamos que as pessoas beneficiadas sejam mesmo as que mais necessitam dos benefícios de tão excelente idéia para a comunidade!


O Doce Natal em sua reta final realizou anteontem no Centro Cultural do Araripe a última edição da Doce Ilha Solidária. Milhares de pessoas participaram do evento, que teve diversas atrações. No período da tarde aconteceu a Doce Ciranda, com uma caminhada pelas ruas centrais da cidade com a participação de grupos da cultura popular, artistas, professores, estudantes e a equipe do Doce Natal. A Doce Ciranda teve concentração na Praça São Vicente e terminou no largo da RFFSA. Hoje, dia 23 de Dezembro, acontecerá o encerramento do Doce Natal. A partir das 16 horas os portões do Estádio Mirandão estarão abertos para as famílias cratenses. Acontecerá um show voltado para o espírito natalino e as famílias. As crianças receberão presentes. Cerca de 18 mil presentes serão entregues. Às 20 horas na avenida Miguel Limaverde acontecerá o natal popular com animação de diversas bandas musicais.

Texto: Dihelson Mendonça / Tarso Araújo.

Fotos: Dihelson Mendonça

.

Feliz Natal e um 2008 de muita paz!!!



Pensei em escrever uma mensagem de Natal que falasse apenas das nossas esperanças, que nos deixam vivos e nos faz renovar a cada dia a vontade de viver, aprender, mudar, crescer e viver feliz.

A nossa esperança passa pela janela, toca nossos braços, ilumina caminhos e brilha no olhar.

A esperança vem a qualquer hora, cedo, tarde, mas sempre vem, está ali, nos ricos, pobres, indigentes, negros, homens, mulheres, índios, crianças, ah, as crianças, a esperança nasce em nossos corações quando somos pequenos e crescemos com ela guardado lá no fundo desse baú gigantesco que é a mente.

De vez em quando abrimos o baú e lá está a esperança, nunca morre,.

Que esse Natal seja, para os leitores e os que fazem o blog do Crato, de muita paz, esperança, solidariedade e momento para refletirmos, o que fizemos, o que podemos melhorar. O que queremos para os nossos filhos, familiares e amigos.

Um 2008 de muita esperança para todos!!!

Outro ano que nos espera

Emerson Monteiro


Dentre as vidas vividas, ou por viver, a mais valiosa, que na verdade pesa com destaque e torna evidente a força do universo de todas elas, trata-se da vida atual, através de que vemo-nos, face a face, perante as decisões do momento, no comando de nossos destinos, neste belo dia. Isso porque o passado deixou-se lá atrás nas suas experiências de estrada e o futuro apenas virá adiante; inexiste ainda como coisa palpável, por razões lógicas.

O presente, portanto, equivale a sabor de fria realidade, que responde a que se veio, no dispor das oportunidades constantes, nos dias. Haja considerações das outras horas, servem, pois, de citação, instrumento de estudo, lanterna de popa, contudo, a significar valor inestimável, porém fora do âmbito imediato.

Quais avaliações filosóficas para destacar a importância deste 2007 que daqui há pouco sumirá nas nossas vidas, no foco da civilização de um tempo de raros desafios. Todo ano merece o máximo respeito. Alguém até escreveu “ser este o derradeiro ano do resto de nossas vidas”.

Quando as ocorrências exigem mudanças específicas na correção dos rumos da história, cabe aos responsáveis diretos, aos vivos desta geração, se mobilizar e redefinir as perspectivas desses rumos.

Pessoas ou países mostram as caras semelhantes. Coletividades inteiras multiplicam por muitas vezes o processo dos indivíduos de que as compõem. Cada pessoa soma no resultado. Se o mundo formou o que existe, todos respondem pelo todo produzido.

Vive-se uma época de calmaria suspeita sobre inumeráveis barris de petróleo e ogivas nucleares. A Terra-mãe pena gemendo debaixo dos equívocos da raça humana, dona absoluta de tecnologias corrosivas. Milênios e milênios de trabalho e luta redundaram nesse filme antigo que, lagarto pegajoso, que invade as nossas casas e cobre nossos sofás. O preço conduz os corações e as mentes, poder totalitário das bolsas a impor normas e gritar ameaças de guerra.

Entretanto, novas respostas existem, no auge do império de medo e portas fechadas. Vêm através das íntimas consciências de cada uma das imprevisíveis criaturas humanas, fruto da luz transformadora, pela calha daquilo que se convencionou chamar de esperança e criatividade. Elaborar do espaço interior a renovação significativa de ampliar as atitudes para além das bases tão só materiais.

Há, por isso, níveis outros de apreensão da mesma realidade, tantas vezes inacessíveis a humanos, que surpreenderiam poetas e sonhadores. Testemunham essa possibilidade os cavaleiros andantes do espírito. Ano após ano, eles escrevem-se o discurso das eras.

Na dança, nações elaboram caminhos válidos. Turnos de idade se completam. Novas populações se sucedem. Nascem chorosas. Crescem ricas de força. Cantam. Falam. Constroem. Competem. Matam. Salvam. Criam fama. Chegam cedo e voltam tarde. Inveterados poluidores de rios, mares, lagos. Destruidores de florestas. Exterminadores de espécies. As folhas dos calendários viajam no vento das tardes azuis. Enquanto isso, vaidades provisórias tecem as notas da sinfonia de coisas eternas, nas dobras perfumadas do ano que começou.

Feliz Ano Velho e Próspero Ano Novo!

Prefeitura sorteia boxes para 138 permissionários da central de abastecimento.

Os comerciantes do Centro de Abastecimento do município do Crato participaram de um sorteio dos boxes esta semana, no Centro Cultural do Araripe. Ao todo, foram sorteados 120 boxes de frutas e mais 18 para os permissionários que comercializam condimentos. O prefeito do Crato Samuel Araripe com esse trabalho de reforma do mercado público, entrega em poucos dias á população do Crato, um importante equipamento para a população, conseguindo organizar a área do entorno do mercado e fornecendo melhores condições de vendas de produtos alimentícios no município do Crato.

Por: Tarso Araújo - Radialista.

.

Campanha contra o abuso de bebida espera evitar mortes

Campanha contra o abuso de bebida espera evitar mortes

Texto: Agência Brasil

Fotos: Ana Lúcia Martinelli

(21-12-07) – A combinação bebidas alcoólicas e maior fluxo de veículos durante as festas de fim de ano é responsável pelo aumento médio de 20% no número de acidentes de trânsito e causa 36 mil mortes por ano no país, segundo o Ministério da Saúde.

Por esse motivo, a pasta lançou no último 20/12, em parceria com o Ministério das Cidades, uma campanha publicitária contra o abuso de bebida alcoólica nesse período do ano.

As peças serão veiculadas até 15 de janeiro em emissoras de televisão, rádios, jornais, revistas, no cinema e na internet, com dois slogans:

"Não esqueça que você faz falta para a sua família. Se beber, não dirija" e "Não esqueça que você faz falta para seus amigos. Se beber, não dirija".

A campanha quer atingir principalmente o público com idade entre 18 e 24 anos - faixa etária que, segundo uma pesquisa da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), concentra o maior consumo de bebida alcoólica no país.

Um estudo da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), divulgado ontem, mostra que dos quase cinco mil voluntários entrevistados que declararam ter bebido acima dos limites da lei metade já se envolveu com algum acidente de trânsito.

Fonte: Agência Brasil
.