30 novembro 2007

Denúncia Grave: Crime contra a Natureza no Cariri - Por Saul Brito

Meus amigos,

Nenhum ungüento me curará das mazelas dessa vida. A dor que sinto é tão imensa e tão revoltante que me falta fôlego. Quando lembro que sou um ser humano, minha revolta cresce, mas logo vem a resignação.

Nós não somos apenas humanos imundos, mas somos além disso... Monstros. Monstros que crescem e reproduzem monstros. Devo explicar-lhes que estou assim, revoltado com os humanos, porque o lugar mais lindo que ja conheci na minha, foi interditado e minado. Será destruído por um monstro hegemônico. Monstro que usa sua supremacia para destruir a vida da NATUREZA. Isso é absurdo. Não somos Deus. Ele não nos deu inteligência pra destruição. Em outras palavras, estamos destruindo o que Deus fez. O que Deus faz, ninguém deve destruir! Para alguns, pode não ser interessante ler tal desabafo. Para outros, porém, a dor é imensa.

Este lugar chama-se Lajeiro. Situa-se em Missão Nova, no sítio Barreiras. O Lajeiro é a fonte afluente de um rio, que abastece muitas casas. Sua água é utilizada por todos. Usam para irrigação e necessidades de casa. É, meus amigos... O Mundo está no fim. Tive a prova. Estou tendo todos os dias de minha vida. A cada dia vejo algo de novo. O ser humano está conseguindo acabar com toda a obra de Deus na terra. Mas, enquanto existir Deus em mim, serei forte e diferente dos humanos que não conhecem a Palavra de Deus. Pensem! Reflitam. Observemos a nossa vida. Vejam...

A vida não se resume a dinheiro. Também existe amor. Se você nunca sentiu, procure! Quando ele chegar na tua vida, sentirás o sofrimento inigualável e incosolável que estou sentindo. O Lajeiro não é meu. É de todos nós. Deus nos deu de presente, para aliviar nossas almas já cansadas.

É como se estivessem matando alguém, algum amigo, parente ou irmão... prefiro a vida do Lajeiro do que a vida de certos humanos monstros que habitam este lugar, chamado Terra. Estes deveriam ser banidos do planeta, do espaço. Aliás, deveriam nem ter nascido.

Segue algumas fotos desse lugar que tanto respeito, e que todos nós habitantes deste planeta, deveríamos respeitar...








Por: Saul Brito

4 comentários:

  1. Amigo Saul. Sou solidário à sua causa! Infelizmente as pessoas ainda não acordaram para a necessidade da preservação da Natureza.

    Precisamos mobilizar a sociedade no sentido de preservar o Lajeiro:

    "Campanha para preservação do Lajeiro de Missão Nova"

    Conte com o Blog do Crato para isso. Com certza, muitos aqui irão abraçar sua luta.

    Um abraço,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  2. Saul,

    O local é lindo, e qualquer ameaça contra ele deve ser qualificada de crime de lesa natureza. Mas, não deu pra entender qual a real dimensão do perigo que ele passa. Seria interessante, para que haja uma ação concreta, termos mais dados sobre essa ameaça.

    ResponderExcluir
  3. Saul,

    Entendemos a sua dor, porque ela está onipresente em todos santuários naturais e humanos desta vida. Alguns pensam ser pequeno o que destroem, não imaginam quão grande é o sentimento que criamos por locais e pessoas aos quais aprendemos a amar e ser amado!

    ResponderExcluir
  4. Oi, gente,

    O Saul me fez um detalhamento maior pelo telefone. Disse que o lugar é remoto e lindo, para as bandas de Missão Nova, segue umas trilhas.

    Pelo que pude entender, vão Implodir o local para extração de calcáreo.


    Vou pedir para ele postar aqui no Blog explicando em detalhes o que vai acontecer.

    Lamentáveis seres humanos...

    abraços,

    DM

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.