15 agosto 2020

A origem da invocação de Nossa Senhora da Boa Viagem


   Neste dia 15 de agosto, centenas de cidades brasileiras festejam suas Padroeiras, veneradas sob diversas invocações. Uma delas é a Nossa Senhora da Boa Viagem. 

Imagem de Nossa Senhora da Boa Viagem

    A devoção a Nossa Senhora da Boa Viagem é muito comum sobretudo no Brasil e em Portugal. Para os portugueses ela sempre foi considerada a padroeira dos navegantes, já para os brasileiros ela se tornou a protetora dos viajantes, romeiros e peregrinos. Mas qual é a origem desta devoção que é tão invocada pelos fiéis que pretendem empreender alguma viagem? A invocação de Nossa Senhora da Boa Viagem tem origem nos templos bíblicos, quando a Mãe de Deus, em pelo menos quatro momentos realizou viagens para cumprir com a vontade de Deus.

   A primeira destas viagens foi feita à sua prima Santa Isabel, mãe de São João Batista (Lucas 1, 39-80). A segunda ocorreu por ocasião do recenseamento, quando Nossa Senhora, aos nove meses de gestação, empreendeu viagem de Nazaré até Belém (Lucas 2). A terceira foi a fuga da Sagrada Família para o Egito, fugindo da fúria de Herodes (Mateus 2, 13-15). E a quarta, foi quando a Sagrada Família voltou do Egito para Nazaré, após a morte de Herodes (Mateus 2, 19-23).

    Por conta dessas viagens empreendidas por Nossa Senhora com espírito de Fé, amor, paciência e coragem, apesar de todos os riscos, foi que a Mãe de Deus recebeu o título de Nossa Senhora da Boa Viagem. Assim ela se tornou a padroeira de todos os viajantes, que sempre pedem o seu auxílio e proteção durante suas viagens. O santuário mais antigo dedicado à Nossa Senhora da Boa Viagem foi construído na província portuguesa de Arrabia, próxima de Lisboa, no ano de 1618. A primeira capela brasileira dedicada a esta invocação mariana foi construída na Praia de Boa Viagem, em Salvador, Bahia.

     A devoção a Nossa Senhora da Boa Viagem chegou ao Brasil através dos descobridores portugueses, que em meio aos perigos e solidão do mar, invocavam a Mãe de Deus, pedindo que os livrassem da morte e os conduzissem ao bom porto.

Nossa Senhora da Boa Viagem: Padroeira de Belo Horizonte

     A Capela de Nossa Senhora da Boa Viagem foi construída no século 18, para receber a imagem de mesma invocação, proveniente de Portugal. O templo ficava na rota dos tropeiros que exploravam o interior do Brasil em busca de riquezas. Ao redor dessa pequena capela, formou-se o Arraial Curral Del Rey, povoado que deu origem à Capital Mineira. Com o crescimento do povoado e da devoção a Nossa Senhora da Boa Viagem, foi edificada uma igreja maior, posteriormente demolida para a construção da atual catedral de Belo Horizonte. Este templo, em estilo neogótico, foi concluído em 1923 e está onde, no passado, a primeira Igreja foi erguida, ou seja, no marco zero de Belo Horizonte.

Catedral de Nossa Senhora da Boa Viagem de Belo Horizonte

(Fonte: Gaudium Press)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.