03 janeiro 2019

Domar a imaginação - Por: Emerson Monteiro


É bem isso, de conter o furor uterino da imaginação e conquistar o momento dos pensamentos; é centrar o pensamento num só objeto claro e preciso. Conduzir esse instinto de busca aos valores fundamentais da clareza. Aprimorar o senso da percepção da realidade imediata. Essa prática exigirá persistência a fim de permitir tocar adiante setores imperceptíveis ao próprio conhecimento. Esta a grande intenção da maioria dos peregrinos em jornadas diárias. Saber firmar o foco numa compreensão clara, precisa.

Postulantes a saber um dia caminhar os passos que lhes convêm; deixar por vezes abandonarem-se ao movimento das ondas de tantas horas bravias, e nisso sujeitar desconhecer a força dos elementos, invés de utilizar os recursos ao seu dispor feitos joguetes da sorte vaga nas mãos do destino; correr o risco de esquecer a história a quem deve escrever o que passou.

Já é diferente de acalmar o coração, pois imaginação funcionará sob a égide sórdida dos pássaros silenciosos nas noites abissais. Tontos de viver domínios rígidos e ânsias materiais, neurônios dispersos exigem agora a libertação e agem expandidos nas florestas escuras do Inconsciente. Presas dos princípios totalitários dos modelos prontos, eles explodirão de cores nos dias ensolarados, e determinarão o sacrifício das eras através de outros moldes criativos. Esvairão as reservas de certezas e largarão as limitações aos mantos de razão inesperada.

Deter, portanto, a nave incandescente pelos céus do Universo significará ir além das sombras e despertar os recursos que tem a Natureza de trazer meios a uma sobrevivência até então imprevisível à espécie dos homens. Virem seres desconhecidos recolher aqueles que assim o mereçam e sair daqui face dos inesperados acontecimentos porvindouros, e serem levados a outros níveis de compreensão ainda não despertados agora. Serão arrebatados a mundos exóticos, arrastados que forem na voragem dos mistérios que a raça ignorava, e para sempre desaparecer nos infinitos corredores cósmicos.