19 abril 2018

Crônica do fim-de-semana (por Armando Lopes Rafael)

Cratenses sonham com um prefeito empreendedor e antenado com o século XXI
     A cada quatro anos, num domingo do mês de outubro, os cratenses comparecem às urnas para eleger um novo prefeito. Entra prefeito, sai prefeito e, infelizmente, o que temos visto é a mesmice de sempre na Prefeitura de Crato: o marasmo e a falta de um gestor visionário, capaz de mudar – para melhor – a qualidade de vida da população da Princesa do Cariri. Ora bolas, já estamos cansados de escutar que o município não tem recursos; que a obrigação primordial de um prefeito é elaborar ações públicas para a saúde, educação, habitação... Não só isso!

    Hoje, quando acordamos – e saímos de casa para enfrentar novo dia de trabalho – deparamo-nos   com deficiências gritantes que acometem esta Mui Nobre e Heráldica Cidade de Frei Carlos. Pomposo assim!

Quem mora nos bairros Zacarias Gonçalves, Lameiro, Parque Grangeiro, Novo Horizonte, Grangeiro, Coqueiro, dentre outros, começa o novo dia já enfrentando um trânsito caótico; vendo os veículos entupindo as ruas estreitas do centro (quase todas esburacadas). A coisa só melhora quando atingimos as vias de acesso a Juazeiro do Norte. Em Crato, a frota de veículos aumenta toda semana. E há décadas, os últimos prefeitos não abriram uma única nova via de acesso alternativa, para entrada e saída de carros nos bairros acima citados. Não tem rua ou avenida por onde o trânsito caótico possa fluir nos horários de congestionamento e “rush”.

        Nossas praças continuam malcuidadas. Experimentem contar os buracos existentes no piso da Praça Alexandre Arraes, ou seja, a Praça da Quadra Bicentenário. Nossos logradouros não possuem jardins com plantas ornamentais.  Por outro lado, ninguém lembra mais quando foi a “prisca era” que a Prefeitura de Crato realizou uma campanha de arborização de nossas ruas.

        Hoje, ruas outrora limpas e bem cuidadas – como a Tristão Gonçalves e Monsenhor Esmeraldo –  convivem com o lixo e entulhos de construções em suas calçadas. Sem falar no desprezo pela pavimentação, onde se misturam pedras soltas com o asfalto. Convenhamos, as ruas de Crato– salvo raras exceções – estão feias e malcuidadas. Vem a SAAEC, tapa um vazamento, e deixa pedras mal colocadas no local do conserto. Aliás, nas duas ruas acima citadas, a atual administração não teve força para impor, sequer, o sistema de estacionamento de carros chamado “Zona Azul”. Os flanelinhas continuam a dominar aqueles espaços.  Prolifera no centro da cidade o comércio irregular dos camelôs, sonegando espaço para os transeuntes.  O Centro de Crato virou o simulacro de um “mercado persa”.

       Por isso, a população cratense alimenta o sonho de que, em 2020, apareça uma liderança política que elimine o atual estado de abandono desta cidade. Quem sabe, não surja um candidato nos moldes de Agenor Neto, ex-prefeito de Iguatu, que transformou aquela cidade. Cada espaço opaco de Iguatu (nas administrações de Agenor Neto) foi limpo e transformado num jardim. O calçamento das ruas foi todo refeito e era constantemente conservado. As praças de Iguatu ganharam projetos paisagísticos. Suas ruas foram arborizadas. As transformações sócio-espaciais de Iguatu – à época da gestão de Agenor Neto –, continuam ainda servindo de modelo para gestores competentes, bem-intencionados, dinâmicos, que priorizam o bem-estar da população de suas urbes. É este o sonho da população cratense. E só faltam 2 anos e 5 meses para as eleições municipais de 2020...
Abaixo, fotos de Iguatu na época da administração de Agenor Neto
 Abaixo, decoração de Natal na cidade de Iguatu
          

19 de abril: Dia de Santo Expedito

     Em Crato, existe uma imagem de Santo Expedito no Santuário Eucarístico Diocesano, que funciona na igreja de São Vicente Férrer, no centro da Cidade de Frei Carlos.
Santo Expedito foi chefe de uma legião romana na Armênia e guardava as fronteiras orientais do império contra ataques de bárbaros da Ásia em suas constantes investidas ao império Romano. Para tanto, Expedito era dotado de coragem, e se apoiava em sua fé.
     Expedito, era um apelido romano que exprimia o traço dominante de sua personalidade: presteza e prontidão. Apesar de sua fidelidade ao Império Romano, Santo Expedito e seus companheiros foram obrigados a passar pelo martírio em inteiro, pois além de padroeiro das causas urgentes é também padroeiro dos militares, estudantes e viajantes.
   

Parque de Exposição do Crato será o maior do Nordeste após reforma

    O governador Camilo Santana esteve no município do Crato, na região do Cariri, cidade onde nasceu. Acompanhado da primeira-dama do Estado, Onélia Santana, o chefe do Executivo assinou a ordem de serviço das obras de reforma e ampliação do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante, que anualmente recebe a Exposição Agropecuária do Crato (Expocrato). Após a reforma, o local será o maior da área de todo o Brasil ainda em 2018. Durante a solenidade, Camilo também autorizou a reforma do sistema de abastecimento d’água da cidade.

      “Estou aqui por causa de dois grandes anúncios. Um deles, uma obra, com investimento de mais de R$ 45 milhões, que vai recuperar e ampliar todo o sistema de abastecimento de água do Crato. E também autorizando a deixar esse o maior parque de exposição pecuária do Nordeste. A parte que ninguém conhece vai passar a conhecer, essa áreas de shows vai ficar ainda mais bonita. Vamos preservar a antiga casa do Corpo de Bombeiros, que será um patrimônio histórico. Essa reforma vai custar mais de R$ 35 milhões e o compromisso é que fique pronta antes de julho, para a Expocrato, do jeito que o povo da cidade merece”.

       As obras do novo Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante, cujo terreno onde vai ser construído foi conferido de perto pelo governador no turno da tarde, ficarão a cargo da Secretaria da Agricultura, Pesca e Aquicultura (Seapa). O equipamento terá um total de 21 edifícios, dedicados às diferentes funções, como recepção, boxes para artesanato, sala multifunções/exposições/museu, e uma sala dedicada aos engenhos de rapadura que fazem parte da história local.
      Com a reforma, o Parque de Exposições terá duas grandes zonas; a zona do recinto da feira, onde se concentram os edifícios e constitui o principal programa permanente, e a zona de parque/eventos temporários, constituídas maioritariamente por zonas livre e áreas verdes, destinadas a acomodar grandes eventos complementares às boxes dedicadas às exposições e feiras. As obras serão fiscalizadas pelo Departamento de Arquitetura e Engenharia do Ceará (DAE).
Fonte: Governo do Estado do Ceará

Centenário de nascimento de Dom Vicente Matos será comemorado na cidade de Crato














Na foto acima, São João Paulo II recebendo o 3º Bispo de Crato, Dom Vicente de Paulo Araújo Matos (à direita).

   O dia 11 de junho de 2018, marcará os cem anos de nascimento de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, terceiro bispo da Diocese de Crato.  Esta efeméride será festivamente comemorada, com uma série de eventos, como forma de reconhecimento e gratidão pela gigantesca obra deixada por Dom Vicente Matos, ainda presente nos dias atuais em Crato e no Cariri.
     A iniciativa dessas festividades partiu da Diocese de Crato, em parceria com a Prefeitura Municipal de Crato/Câmara de Vereadores de Crato/Universidade Regional do Cariri/Fundação Padre Ibiapina/ Instituto Cultural do Cariri/ Academia de Cordelistas de Crato e Seminário São José. Na coordenação dos eventos está o Pe. José Vicente Pinto Alencar da Silva – Vigário Geral da Diocese de Crato e Cura da Catedral de Nossa Senhora da Penha.

As festividades
      Em reunião realizada ontem, dia 18, os representantes das instituições citadas, além de intelectuais e pessoas gradas da sociedade cratense, definiram – dentre outras – as seguintes providências:
– Realização de um tríduo espiritual – entre os dias 08 e 10 de junho vindouro – que constará de três celebrações eucarísticas na Catedral de Crato;
–  Denominação de uma rua ou avenida de Crato com o nome de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, corrigindo uma omissão há muito reclamada pela população cratense;
– Realização de uma sessão especial da Câmara Municipal de Crato, no próximo dia 11 de junho, para homenagear Dom Vicente Matos, considerado “O maior benfeitor” desta cidade;
– Proposta visando à implantação de um pequeno memorial, para preservar fotos, imagens e objetos pessoais de Dom Vicente Matos;
– Restauração da Gruta de Nossa Senhora de Lourdes, existente no pátio interno da Fundação Padre Ibiapina, construída por Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, cujos trabalhos ficarão a cargo do Dr. Geraldo Correia Braga, Diretor da Rádio Educadora do Cariri e fundador da Missão Resgate, instituição católica-missionária que tem sede em Crato;
– Afixação de uma placa de mármore, no interior, ou no entorno da Catedral de Crato, alusiva ao centenário de nascimento de Dom Vicente Matos;
 – Oficialização da Biblioteca Dom Vicente Matos, no Seminário Diocesano São José de Crato, cujo acervo já se encontra em poder daquele educandário;
– Realização de um programa especial, a ser levado ao ar no dia 11 de junho de 2018, através da Rádio Educadora do Cariri, sobre a pessoa e o legado deixado por   Dom Vicente Matos para a cidade de Crato e para a região do Cariri.
***   ***  ***
     Nova reunião da Comissão que coordena a programação dos festejos do centenário de nascimento de Dom Vicente Matos está prevista para o dia 25 de abril, na Rádio Educadora do Cariri.