10 junho 2018

11 de junho de 2018: centenário de nascimento de Dom Vicente Matos

Dom Vicente de Paulo Araújo Matos (ao centro), no dia de sua sagração episcopal
em 11 de junho de 1955
É verdade: O tempo é o senhor da razão    – por Armando Lopes Rafael

           Quem tem mais de cinquenta anos de idade, sabe que Dom Vicente Matos, ainda hoje considerado “O maior benfeitor de Crato”, em vida recebeu muitas incompreensões e muitas ingratidões.
          Não que ele se preocupasse em ser reconhecido, ou receber louvaminhas e elogios insinceros pelo bem que fazia.
            Não, muito pelo contrário.
            Dom Vicente Matos era um homem muito inteligente. Ele sempre fez todas as suas boas ações, unicamente pelo idealismo de difundir o Reino de Jesus Cristo, de quem era fiel discípulo.
             Pessoalmente, acredito que ele – sábio como era –  tinha convicção das palavras escritas por São Paulo na 1ª Carta aos Coríntios, Capítulo 1:
“O que é fraco, na visão do mundo, Deus o escolhe para confundir os fortes”.
“O que é incapaz segundo o mundo, Deus o escolhe para confundir os sábios”.

    Durante algumas décadas alguns que se consideravam fortes e sábios desconheceram a grandiosidade da obra de Dom Vicente Matos. Mas, como diz o Eclesiastes, “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu”.

       Chegou o tempo de se fazer uma reparação a Dom Vicente Matos. Mesmo porque chega um tempo em que a iniquidade não tem mais força para se sustentar; A verdade, bem diz a sabedoria popular, sempre triunfa; E a implacável justiça de Deus tarda, mas não falha.

      No corrente mês de junho de 2018, assistimos a tudo isso aqui em Crato. Durante onze dias, parcela considerável da população desta cidade fez vários atos de reparação à pessoa, à obra, à trajetória e memória de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, terceiro bispo desta diocese. “O tempo é o Senhor da razão”, diz um antigo provérbio português. E “O mundo dá muitas voltas”, diz outro velho adágio.
      E esse trabalho de resgate e reconhecimento da obra do grande bispo vai continuar até o próximo dia 8 de dezembro, quando vamos reverenciar os 20 anos da morte de Dom Vicente. Nestes últimos onze dias ele nunca esteve tão presente nesta cidade de Crato e na região do Cariri, mesmo estando fisicamente morto. O reconhecimento que está sendo feito a Dom Vicente atingiu os cinco continentes. Mesmo porque hoje temos a Internet que leva a todas as partes do mundo o som das emissoras de rádio e as postagens feitas na WEB. Deus escolheu este tempo, para que onde chegar a comunicação da Internet, chegasse também a difusão do legado de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos.
         Honra ao Mérito!

   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.