xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 05/04/2017 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

05 abril 2017

A palavra perdida - Por: Emerson Monteiro

Se fôssemos a julgamento também pelos pensamentos que não logramos exprimir, disso ninguém jamais chegaria na divina Perfeição. Marcharíamos a passos lerdos o resto dos eternos e ainda ficaríamos devendo uma banda, visto o que já recebemos de bênçãos. Porquanto a luta sobeja no esforço de conter a lama que vem às portas dos indivíduos sem despejar no seio dos demais. São tantos fatores egoístas a prevalecer dentro dos seres humanos que inútil pretenderiam reverter o quadro da dominação dos instintos perante o sonho da esperança. Mas nisso apresentamos a face do herói que somos nós. Da casca adentro, um cipoal de química inorgânica de causar estrago à luz de qualquer dia (ver os noticiários).

Então, desse quarto de prudência habitado de monstros pecaminosos, daqui de fora, é preenche o tempo dos calendários, a desarmonia/harmonia dos tempos de comunicação. Os tais meios de comunicação de massa, mau exemplo ativo, multiplicam a valer o poder da transmissão dos pensamentos nefastos, apesar de contidos lá dentro dalguns. Acrescentaram depois a fibra ótica que circula os continentes e os tais telefones-computadores, que agora regem o mundo em velocidade estúpida. Destarte, enquanto a humana intenção trabalha duro a fim de dominar os impulsos da animalidade das criaturas pensantes, máquinas aceleraram o pecado em volta do mundo. As taras invadem lares nos horários nobres, educam/deseducam a espécie dos macacos inteligentes e fazem ponto nas portas das delegacias entrevistando líderes arrependidos do tanto do furor uterino da fama.

A palavra que dissera o Senhor no início de Tudo sumiu por encanto da memória dos tempos. Até mesmo os antropoides chegam a duvidar de que, numa manhã de Luz, Ele esteve lá do astral a comandar a elaboração das águas, dos astros, do chão, do firmamento, dos animais, e segue firme no comboio rumo do Infinito, porém guardou em Si a expressão original do poder que afirmou a plenos pulmões no dizer da Criação.

Assim, quais peregrinos que existimos na face das manifestações da Natureza, andamos de ombros baixos, porém na certeza inevitável de ter de obedecer ao Pai e só de tal modo desejar ser felizes.

13 de maio de 2017 -- 100 anos das aparições da Virgem Maria em Fátima

As aparições de Fátima são um acontecimento marcante na Igreja Católica, não apenas pela importância que assumiram para inúmeras pessoas e pela sua extensa divulgação no mundo, mas também pela sua íntima ligação à mensagem evangélica, pela profundidade com que marcam a vivência da fé de muitos dos católicos e pelo alcance profético dos seus apelos. A Igreja confirmou que elas apresentam uma proposta credível e válida de concretização da vida cristã.
Com efeito, a mensagem de Fátima é eloquente para os crentes de todos os tempos; não ficou presa a uma época passada mas projeta um dinamismo para o nosso presente e abre horizontes de fé para o futuro da história humana. Uma vez que os acontecimentos de Fátima são um apelo à humanidade do nosso tempo, também a celebração do primeiro centenário procura ser mais um instrumento deste apelo atual. Não se trata, portanto, de assinalar simplesmente uma efeméride histórica, cujas repercussões se reduzem a um momento do passado.
A peregrinação que o Papa Francisco fará à Cova da Iria, no próximo mês de  maio, na sequência das dos seus predecessores, mostra-nos, de algum modo, que na mensagem de Fátima há um conjunto de elementos que a podem tornar veículo de evangelização, caminho para a conversão e para o encontro com Jesus Cristo. Neste sentido, também esta celebração deverá ser um contributo qualificado para aprofundar e atualizar esta mensagem; poderá constituir um impulso na renovação e fortalecimento da fé, apresentar-se-á como um auxílio para o crescimento espiritual do povo de Deus.
Por isso, a celebração deste centenário é, antes de mais e sobretudo, um projeto pastoral, que privilegia o cariz espiritual e de reflexão da fé. Os seus objetivos são de caráter religioso, nas suas diversas vertentes (teológica, celebrativa, espiritual, catequética...) e dimensões (pessoal, comunitária, social...).
Os aspectos de âmbito cultural ou social também têm lugar nestas comemorações, mas sempre na perspetiva da missão: são meio privilegiado para chegar aos que se situam afetivamente distantes da Igreja, são expressão da fé que se celebra, são concretização cristã das realidades humanas.
Os objetivos da celebração do Centenário das Aparições de Fátima, que ora se apresentam, foram definidos dentro deste enquadramento.

    1. Mostrar o relevo das aparições de Fátima para a Igreja e para o mundo.
    2. Difundir a mensagem de Fátima a nível nacional e internacional.
    3. Fomentar a reflexão sobre a mensagem de Fátima e as suas implicações para a vida cristã.
    4. Desenvolver, à luz da mensagem de Fátima, subsídios de apoio à pastoral.
    5. Apresentar sugestões para viver a espiritualidade de Fátima.
    6.  Promover a dimensão festiva do centenário com propostas rituais e culturais.
    7. Dar a conhecer a espiritualidade dos videntes de Fátima.

Fonte: Site da Basílica de Fátima, Portugal

Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31