xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> A história dos três pombos de Nossa Senhora de Fátima – por Margarita Maria Giraldo Orozco. | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

16 maio 2017

A história dos três pombos de Nossa Senhora de Fátima – por Margarita Maria Giraldo Orozco.


Alguém já reparou que algumas imagens da Virgem de Fátima possuem três pombos aos pés da estátua? Reza uma piedosa tradição portuguesa que isso remonta ao fato abaixo

Em 1946, Portugal celebrou os 300 anos da sua Consagração a Nossa Senhora da Conceição. A fim de manifestar o seu grande amor por Nossa Senhora de Fátima, o povo quis fazê-lo com pompa e grandeza. Organizaram uma grande procissão com a imagem de Nossa Senhora de Fátima, partindo da Cova da Iria e terminando na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, em Lisboa, a 70 km de distância.
Os homens carregaram a estátua sobre uma plataforma e fizeram todo o caminho a pé, trocando a "Guarda" em cada cidade ao longo do caminho. Em todas as cidades, ao longo da estrada, maciças multidões chegavam para mostrar sua devoção com diversas festividades, incluindo a adoração noturna, e concluindo com a santa missa pela manhã, antes da sagrada imagem retomar sua viagem.
Como sinal de honra e em ação de graças, seis pombas brancas foram lançadas ao ar no dia 1º de dezembro de 1946. Três delas voaram aos pés de Nossa Senhora de Fátima e permaneceram lá durante toda a viagem até Lisboa. As aves se recusaram a comer ou beber e ignoraram toda a comoção e o barulho enquanto passavam pelas aldeias. Pétalas de rosas foram atiradas à Nossa Senhora de Fátima e, de passagem, também contra os pombos. Luzes e fogos de artifício explodiram nos céus noturnos, mas os pombos permaneciam aos pés da imagem de Nossa Senhora de Fátima.
De vez em quando, as pombas afastavam-se um pouco da estátua, como para mostrar que elas não estavam amarradas lá. Este notável acontecimento causou tal sentimento, que os jornais locais registraram todos os detalhes e a notícia despertou o interesse em todo Portugal.
Com as pombas brancas ainda empoleiradas aos pés de Nossa Senhora de Fátima, e essas aves ainda se recusando a comer, a estátua da Virgem Maria finalmente chegou em Lisboa, no dia 5 de dezembro, a tempo para a grande festa da Imaculada Conceição, que é celebrada no dia 8 de dezembro. Todo Portugal se perguntava o que fariam agora as pombas, já que tinham chegado ao destino final.
No dia 7 de dezembro às 3:00h. da tarde, milhares de crianças foram consagradas à Santíssima Mãe. Houve uma grande procissão às 19:30 h. Ofereceram-se missas durante toda a noite e a solene missa maior foi levada a cabo pela manhã. Enquanto esta missa avançava houve um repentino bater de asas. Uma das pombas voou ao lado da Epístola do altar e a outra ao lado do Evangelho. Quando o bispo endireitou para elevar a hóstia consagrada, desceram e dobraram as suas asas, uma de cada lado, como se estivessem adorando a hóstia.
A terceira pomba ainda estava aos pés de Nossa Senhora. Então, de repente, no momento da sagrada comunhão, a terceira pomba voou até o topo da coroa da estátua. Quando o bispo voltou-se e levantou a nosso Senhor dizendo "Ecce Angus do" (" Eis o cordeiro de Deus "), a pomba estendeu suas asas brancas e manteve-as abertas.

(Mensagem que foi divulgada por e-mail nos dias que antecederam ao centenário da primeira aparição de Nossa Senhora aos três Pastorinhos de Fátima)





0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30