xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Família Sobreira comemorou o centenário de ordenação sacerdotal do Mons. Azarias Sobreira | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

22 abril 2017

Família Sobreira comemorou o centenário de ordenação sacerdotal do Mons. Azarias Sobreira

Transcorre no dia de hoje, 22 de abril de 2017, o centenário de Ordenação Sacerdotal de Mons. Azarias Sobreira Lobo. Ele foi o primeiro juazeirense a ser ordenado padre na então mais nova Diocese do Ceará, a Diocese de Crato. Foi também o primeiro afilhado do Padre Cícero Romão Batista a ser ordenado presbítero.
Na Basílica Menor de Nossa Senhora das Dores, em Juazeiro do Norte, houve missa às 09:00 h da manhã deste sábado em ação de graças por este centenário. Ao fim da missa o Prof. Geová Sobreira fez discurso sobre a vida do Mons. Azarias. Também falou o cratense, missionário Arauto do Evangelho, Cícero Sobreira. Ambos são parentes do Mons. Azarias.

Quem é Mons. Azarias
Monsenhor Azarias Sobreira nasceu em 24 de janeiro de 1894, em Juazeiro do Norte e faleceu em 14 de junho de 1974, em Fortaleza. Foi ilustre sacerdote da Diocese de Crato. Foi filósofo, educador, professor e escritor. Formado sacerdote no Seminário da Prainha, em Fortaleza, que desde 1864 é um importante centro de formação do clero no processo de romanização da Igreja Católica no Brasil. Ordenado em 1917, na Catedral de Nossa Senhora da Penha de Crato, pelo 1º bispo da Diocese, Dom Quintino Rodrigues de Oliveira e Silva, Pe. Azarias foi Secretário do Bispado, cargo hoje  denominado de Chanceler.
 
Pe. Azarias foi também professor e diretor do Seminário São José de Crato até 1928. De 1929 a 1935 foi vigário de Milagres, Lavras da Mangabeira e Campos Sales, na Diocese de Crato. De 1935 até 1949, foi capelão e professor do Patronato Juvenal de Carvalho, em Cascavel (CE). De 1949 a 1964 foi  capelão e professor em Aracati, ensinando nos colégios São José, Marista e das Salesianas.

A partir de 1964, convidado pelo então Arcebispo do Ceará, Dom José de Medeiros Delgado, tornou-se professor do histórico Seminário da Prainha. Passou, então, a desenvolver sua missão evangelizadora, além do púlpito, nos principais jornais e revistas de Fortaleza. Escreveu vários livros. Dedicou-se, especialmente, ao trabalho de ampla pesquisa e profunda análise sobre o Padre Cícero, seu padrinho de batismo e já há muito tempo venerado como santo pelo povo do Nordeste. Desse estudo saiu a sua principal obra, publicada pela Editora Vozes, do Rio, em 1969: "O Patriarca de Juazeiro", consagrado clássico da literatura do Ceará e do Nordeste.

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31