xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Conselhos do preceptor de Dom Pedro II | Blog do Crato
.

VÍDEO - Em breve, estaremos de volta com as novas transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, alguns programas ao vivo ). O modelo será mais ou menos como no vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos em que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

09 fevereiro 2017

Conselhos do preceptor de Dom Pedro II

Um dos personagens mais importantes para a formação do Imperador Dom Pedro II foi o carmelita Frei Pedro de Santa Mariana e Sousa, Conde de Santa Mariana pela Santa Sé, Bispo de Crisópolis e Bispo-auxiliar do Rio de janeiro, aio e preceptor do Imperador Dom Pedro II desde Outubro de 1834, mantendo-se por toda sua infância e adolescência, tendo ele atuado como conselheiro moral do Imperador por toda a sua vida.
Desde pequeno Dom Pedro II e suas irmãs se apegaram ao Frei Pedro, sendo creditada a ele a paixão que o jovem Imperador iria desenvolver pelo conhecimento científico, tendo ele iniciado a educação de Dom Pedro na ciência pura e pesquisa empírica.
Quando já velho, o Frei Pedro de Santa Mariana, soube que o Imperador tinha ido ao teatro sem a Imperatriz Dona Teresa Cristina, que ficara em Petrópolis, logo nos primeiros anos de casamento. De madrugada, tomado pela liberdade que tinha com o jovem Imperador, subiu as escadas e foi dizer ao Imperador:
— Venho pedir-vos um favor.
— Qual é?
— Vossa Majestade não vá mais ao teatro sem a Imperatriz. Fica muito feio.
O Imperador Dom Pedro II atendeu ao pedido do seu estimado mestre, jamais deixando a Imperatriz desacompanhada ou participando de eventos sociais sem ela.
O Frei Pedro de Santa Mariana residiu por todo o resto de sua vida no Palácio de São Cristóvão, por concessão do seu pupilo e amigo, o Imperador. Em 1864, quando o velho Frei Pedro faleceu, Dom Pedro II esteve presente em seu funeral, honra concedida a poucas pessoas, assim como na Missa de Réquiem oferecida um ano após seu falecimento, ficando visivelmente abatido com a perda de seu conselheiro.
O Imperador Dom Pedro II nem em seus últimos meses, já no exílio em Paris, deixou de pensar no “seu bispo”, como o chamava, lamentando-se em seu diário, na data de 22 de abril de 1891, que as pesquisas do Frei Pedro de Santa Mariana em uma formula geral para resolução de equações nunca haviam sido publicadas.
- Baseado em trecho do livro “Revivendo o Brasil-Império”, de Leopoldo Bibiano Xavier. 

Abaixo: retrato do jovem Imperador Dom Pedro II do Brasil, ao lado de suas irmãs, as Princesas Dona Januária e Dona Francisca, em momento de estudo.
             

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30