11 abril 2016

O exemplo de Jesus - Por: Emerson Monteiro

A forma ideal que o Poder Superior adotaria de ensinar à Humanidade o caminho da Salvação das velhas contradições e temporalidades deste mundo significa o momento da presença firme de Jesus junto aos povos, quando nasceu em Belém de Efrata, entre as tribos de Judá, descendente direto de Abraão.

Durante vida terrena de 33 anos, o Mestre Divino apresentou exemplo da mais pura vivência com a arte e a sabedoria da existência plena, desde o jeito de pelejar pela sobrevivência com dignidade, a conviver em harmonia e justiça com os irmãos, na face da Terra.

Enquanto ensinou às multidões, nos mares e campos da Palestina, demonstrou, através de lições, curas e prodígios, como solucionar os impasses e desafios da boa convivência, e orientou caminhos a seguir no sentido da evolução espiritual, única alternativa de chegar aos páramos celestiais, na Eternidade vindoura.

Dotado de bondade e perdão, testificou o amor verdadeiro, jamais fugindo às circunstâncias da realidade sob a força bruta de dominadores tiranos, os quais lhe perseguiram os passos, e rendeu-se ao sacrifício supremo na própria Crucificação.

Ainda durante a infância, ferindo os interesses dos impérios com sua presença, exercitara sempre a missão da renúncia aos valores imediatos em favor do crescimento interior rumo da transformação das vaidades no Reino da virtude que propagou.

Sob sua Luz, a história redimirá em Si em todos, esperança da glorificação definitiva das almas e conforto dos que alimentam desejos da Paz indo ao encontro supremo de Deus.